A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
14 pág.
aula 1-ARH

Pré-visualização | Página 1 de 3

11/05/2021 Disciplina Portal
estacio.webaula.com.br/Classroom/index.asp?191C757E76=4947273F2340BAF19DC3C07E037D5F605AF495C45CDDA5ED2324AE628F072… 1/14
Gestão integrada de RH
Aula 1 - Conceitos introdutórios
INTRODUÇÃO
A área de RH constitui um ramo especializado da Administração voltado para a gestão de pessoas, com o objetivo de
integrar o trabalhador ao contexto da organização, aumentando sua produtividade. Esta visão é recente, fruto de
sucessivas atualizações no campo de administração de empresas. Vamos saber como se deu este processo?
OBJETIVOS
11/05/2021 Disciplina Portal
estacio.webaula.com.br/Classroom/index.asp?191C757E76=4947273F2340BAF19DC3C07E037D5F605AF495C45CDDA5ED2324AE628F072… 2/14
Descrever os principais aspectos da evolução das teorias e práticas da administração de recursos humanos – ARH.
Reproduzir as de�nições operacionais da ARH e conceituar os processos da ARH.
11/05/2021 Disciplina Portal
estacio.webaula.com.br/Classroom/index.asp?191C757E76=4947273F2340BAF19DC3C07E037D5F605AF495C45CDDA5ED2324AE628F072… 3/14
VAMOS INICIAR A NOSSA AULA COM UM BREVE ESTUDO DA
EVOLUÇÃO HISTÓRICA DA ÁREA DE RECURSOS HUMANOS.
Para aquecer nossa interação, pense em suas vivências teóricas e práticas com as áreas de RH das organizações e
procure extrair dessas experiências uma de�nição que descreva a função e os objetivos desse setor. Use a caixa de
diálogo para escrever suas ideias e, depois, clique em RESPOSTA.
Resposta Correta
Formação dos povos indígenas e afrodescendentes:
A ideia de integração apresentada nesta aula deve ser ampliada, principalmente quando a empresa se dispõe a buscar
a diversidade, a responsabilidade social e a condição de empresa cidadã.
É importante também, nesse contexto, que os gestores estejam sensíveis às questões envolvendo gênero, orientação
sexual, raça, credo e tudo o mais que possa levar, de uma forma ou de outra, à exclusão por preconceito ou por
desconhecimento.
A compreensão da sociedade se faz de forma plural e, para isso, torna-se vital conhecer a história dos povos indígenas
e afrodescendentes. Quer saber mais o tema? Leia o artigo (glossário) anexo e consulte a biblioteca desta disciplina!
Para atender aos objetivos expressos na de�nição que você acabou de estudar, a área de RH precisa desenvolver uma
série de atividades na organização. Veja, a seguir, quais são elas:
Do que trata a área de RH de uma
organização?
VÍDEO
“Pode-se considerar que a existência da área de Recursos Humanos está diretamente relacionada à melhora da
efetividade dos funcionários nas empresas, implicando na melhor efetividade organizacional.”
Sabemos que o crescimento e o sucesso de uma organização dependem de vários fatores. Veja os principais:
http://estacio.webaula.com.br/cursos/don131/galeria/aula1/docs/historia_dos_povos_indigenas_e_afrodescendentes.pdf
11/05/2021 Disciplina Portal
estacio.webaula.com.br/Classroom/index.asp?191C757E76=4947273F2340BAF19DC3C07E037D5F605AF495C45CDDA5ED2324AE628F072… 4/14
, 
OS RECURSOS DAS ORGANIZAÇÕES E AS ESPECIALIDADES DA
ADMINISTRAÇÃO
Qualquer breve re�exão a respeito dos fatores determinantes do sucesso das organizações, que
acabamos de citar, nos fará perceber que as pessoas que fazem parte da estrutura organizacional são
as responsáveis por tais fatores, sendo, portanto, as verdadeiras responsáveis pelo sucesso e pelo
diferencial competitivo da organização.
Diante dessa constatação, veri�camos a importância das organizações investirem nas pessoas com a
�nalidade de mobilizá-las e utilizá-las plenamente em determinadas ações. Veja quais são:
Hoje em dia, chamamos essas ações de estratégia de recursos humanos.
Evolução histórica 
Com o objetivo de entendermos a evolução histórica da ARH em nosso país, utilizaremos os períodos de tempo
propostos por Gil (2004).
11/05/2021 Disciplina Portal
estacio.webaula.com.br/Classroom/index.asp?191C757E76=4947273F2340BAF19DC3C07E037D5F605AF495C45CDDA5ED2324AE628F072… 5/14
galeria/aula1/img/slidertransicao/img-1.jpg
De 1890 a 1930
Nesse período, a maioria da população brasileira era rural. Logo, a representatividade do proletariado
era muito baixa. Entretanto, o contingente de trabalhadores vindos da Europa que se instalou em São
Paulo e em cidades da região sul do Brasil era detentor de consciência política, o que contribuiu para a
efervescência trabalhista. 
Nas três primeiras décadas do século XX ocorreram diversas greves, sendo que, em 1907 e 1917,
foram greves gerais. A greve geral de 1917 foi considerada a mais relevante de toda história do
movimento operário no Brasil e serviu para chamar a atenção dos empresários e dos Poderes
Públicos para a implementação de medidas adequadas de proteção ao trabalhador.  Quanto às
atividades de recursos humanos, estas eram restritas aos cálculos de retribuição a que os
trabalhadores faziam jus em decorrência do trabalho prestado.
galeria/aula1/img/slidertransicao/img-2.jpg
De 1930 a 1950
Este período trouxe a criação do Ministério do Trabalho, Indústria e Comércio (problemas trabalhistas)
e o Departamento Nacional do Trabalho (medidas de previdência social e melhoria das condições de
trabalho). 
A nova constituição vinculou os sindicatos ao Estado e proibiu as greves. Destaca-se a criação do
imposto sindical e da consolidação das leis do trabalho (CLT). Nesse período é criada a seção de
pessoal, que é dirigida pelo chefe de Pessoal – responsável pela Administração de Pessoas. Faz parte
de suas atribuições cuidar das rotinas trabalhistas. Essas atividades tinham um caráter disciplinador,
legal, punitivo, paternalista e burocrático.
galeria/aula1/img/slidertransicao/img-3.jpg
De 1950 a 1964
Os anos 50 �caram marcados pelo crescimento da indústria siderúrgica, petrolífera, química,
farmacêutica e a implantação da indústria automobilística. A maioria da classe proletária era
composta de empregados das grandes indústrias. A expansão das indústrias contribuiu para a
criação de novas oportunidades de emprego, elevou a quali�cação dos empregados e,
consequentemente, a aspiração e a conscientização dos trabalhadores. 
 Em decorrência disso, surge a necessidade de um pro�ssional que, além das atividades
desempenhadas na seção de Pessoal, fosse capaz de gerenciar os problemas de pessoal. Dada a
di�culdade de encontrar um pro�ssional que atendesse às novas exigências, as organizações
aproveitaram o antigo chefe de pessoal. No começo dos anos 60 elevou-se a politização da classe
operária e os sindicatos começaram a se unir em federações relativas ao ramo industrial. É criada a
CGT (Central Geral dos Trabalhadores). Ressalta-se, nessa época, a queda no crescimento econômico
do Brasil e a elevação dos níveis in�acionários.
galeria/aula1/img/slidertransicao/img-4.jpg
De 1964 a 1978
Com a deposição do presidente João Goulart por meio de um golpe de Estado, os militares
assumiram o poder em 1964, o que ocasionou o enfraquecimento das lideranças sindicais e a
redução das greves. 
No período de 1968 a 1973, o Brasil viveu o “milagre econômico”, mas a partir de 1973 o país sofreu o
choque do petróleo e começaram os problemas. Nessa época o administrador de empresas passa a
ser valorizado como pro�ssional de RH.
galeria/aula1/img/slidertransicao/img-5.jpg
De 1978 a 1989
11/05/2021 Disciplina Portal
estacio.webaula.com.br/Classroom/index.asp?191C757E76=4947273F2340BAF19DC3C07E037D5F605AF495C45CDDA5ED2324AE628F072… 6/14
Os anos 1980 constituíram-se em um período que �cou marcado pela recessão, pelos altos índices
in�acionários e pelo desemprego. 
Nesse período as organizações voltaram-se para a redução de despesas e houve um enxugamento de
pessoal nas empresas. Na década de 80, os processos de reengenharia, downsizing, qualidade total,
just in time e de  reestruturação se tornaram populares.  
A área de RH também sofreu consequências dos novos modelos de gestão e teve alguns de seus
setores desativados. As áreas de treinamento e desenvolvimento foram as mais afetadas.
Destacamos como ganhos neste período a Constituição de 1988 (“Constituição

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.