A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
4 pág.
Estudo dirigido Milogia

Pré-visualização | Página 1 de 1

Estudo dirigido – Miologia 
 
1. Quais são os tipos de músculos existentes no corpo do animal? 
Existem três tipos de músculos no corpo animal, Musculatura estriada esquelética, 
estriada cardíaca e lisa. 
 
2. Tônus muscular: O tônus é causado por estímulos nervosos (contração muscular) 
Perimísio: Tecido conjuntivo que delimita um feixe de fibras de músculo estriado. 
Aponeurose: São tendões em forma de leque responsáveis por unir músculo a osso ou músculos a 
músculos, porém os músculos chatos ou planos. 
Sarcômero: Unidades de actina e miosina que se repetem ao longo da miofibrila responsáveis pela 
contração muscular. 
Hiperplasia: O aumento do músculo por conta do aumento no número de células 
Atrofia: Diminuição do volume do músculo, que ocorre devido a uma diminuição do tamanho das 
células musculares. 
Hipertrofia: Envolve o aumento do músculo através do crescimento, em tamanho. 
3. Quais os três tipos de tecidos que formam a estrutura muscular? Diferencie cada um deles. 
Tecido muscular: Relaciona-se com a locomoção, movimentos, capacidade de 
contração. 
Tecido conjuntivo: Tecido de conexão que envolve a célula, envolvendo feixes e 
miofibrila. 
Tecido tendíneo: Realiza a fixação dos músculos ao osso, por meio das fibras de 
Sharpey. 
 
4. Como os músculos podem ser classificados? Diferencie e dê exemplo. 
Forma: 
. Longos > Geralmente são fusiformes e inserem através dos tendões pelas fibras de Sharpey na 
base óssea. Ex: M. extensor digital longo. 
. Largos > São músculos planos, delgados e inserem por apneurose. Ex: Músculos abdominais 
. Curtos > São músculos de formato irregular e estão situados na cabeça ou na coluna vertebral, ex: 
músculo multifídeos. 
 
Arranjo de fibras. Podendo ser: 
@_Vitoriavet 
.Paralelos > Fibras musculares em disposição paralela, ex: músculos oblíquos abdominais. 
. Fusiformes > Fibras musculares lembram fuso. 
.Semipenados > Fibras musculares lembram a metade de uma pena. Ex: músculo flexor 
carpo ulnar. 
Penados > Se dispõem como uma pena completa. Ex: Músculo flexor digital longo. 
Multipenados > Se dispõem como diversas penas que se interligam uma na outra. Ex: 
Músculo quadríceps. 
 
Número de ventres: 
. Monogástrico> Apresenta um só ventre muscular. Ex: Braquial. 
. Digástrico > Apresenta dois ventres musculares. Ex: M.digástrico da mandíbula. 
. Poligástrico > Apresenta vários ventres musculares. Ex: M. reto do abdômen. 
 
Tendão de origem: 
. Bíceps > 2 tendões de origem. Ex: bíceps braquial. 
. Tríceps > 3 tendões de origem. Ex: tríceps braquial. 
. Quadríceps > 4 tendões de origem. Ex: quadríceps femoral. 
 
Tendão de inserção: 
. Monocaudal > Tem um tendão de inserção. Ex: Músculo bíceps braquial. 
. Bicaudal > Tem dois tendões de inserção. Ex: Músculo flexor digital superficial. 
. Tricauldal > Tem três tendões de inserção. Ex: Músculo bíceps femoral. 
 
Trajeto das fibras: 
. Retilíneos > Apresentam as fibras musculares com trajeto retilíneo. Ex: Músculo transverso 
do abdômen. 
. Curvilíneos > Apresentam as fibras musculares com trajeto curvo, divididos em: Orbiculares 
Ex: músculo orbicular da boca e Esfinctéricos Ex: Músculo esfíncter do ânus. 
Função: 
. Congêneres > São músculos que reúnem para realizar uma mesma função. Ex: Músculos flexores. 
. Antagonistas > São músculo que realizam funções opostas. Ex: Flexão e extensão. 
. Sinérgicos > São músculos que colaboram para o desempenho de uma determinada função. Ex: 
flexor radial do carpo e flexor ulnar do carpo. 
 
5. Diferencie bolsa sinovial de bainha sinovial 
Bainha sinovial > Constituído por tecido conjuntivo fibroso revestido de membrana 
sinovial que envolve o tendão, como se fosse um anel. Auxilia no deslizamento 
lateralmente entre um tendão e outro para que não se sobrepõe. 
 
Bolsa sinovial > Membrana de tecido fibroso revestida de membrana sinovial, situadas 
abaixo dos tendões. Tendo função de diminuir o atrito do músculo durante o seu 
deslizamento. 
 
6. Qual função dos ossos sesamóides. Dê pelo menos um exemplo de osso sesamóide e onde se localiza. 
São ossos que auxiliam na fixação dos seu tendões aos ossos. Ex : O tendão do músculo flexor digital 
profundo, se localiza no osso navicular 
na fixação na área flexora. 
 
7. Quais os músculos flexores e extensores presentes nos membros torácicos e pélvicos de 
equinos e bovinos? Descreva origem, inserção e função dos mesmos. 
MEMBROS TORÁCICOS 
➢ Músculo Extensor Radial do Carpo 
Origem: epicôndilo lateral do úmero. 
Inserção: IIº e IIIº metacarpianos. 
Função: extensão do carpo. 
 
➢ Músculo extensor comum dos dedos 
Origem: Epicôndilo lateral do úmero. 
Inserção: Processo extensor da falange distal. 
Função: Extensor da articulação do carpo; extensor das articulações digitais. 
 
➢ Músculo extensor lateral dos dedos 
Origem: Epicôndilo lateral do úmero. 
Inserção: Falanges média. 
Função: Extensor das articulações digitais. 
➢ Músculo extensor ulnar do carpo 
Origem: epicôndilo lateral do úmero. 
Inserção: ossos metacarpiais V e IV; osso pisiforme. 
Função: flexor da articulação do carpo. 
 
➢ Músculo flexor ulnar do carpo 
Origem: epicôndilo medial do úmero. 
Inserção: ossos metacarpiais II e III. 
Função: flexor da articulação do carpo. 
 
➢ Músculo flexor profundo dos dedos 
Origem: epicôndilo medial do úmero, rádio e ulna. 
Inserção: Face flexora da falange distal. 
Função: Flexor da mão. 
 
➢ Músculo flexor superficial dos dedos 
Origem: epicôndilo medial do úmero. 
Inserção: proximal da falange média. 
Função: flexor dos dedos de sustentação; flexor da mão; estabilizador da articulação 
Matacarpofalângica. 
 
MEMBROS PÉLVICOS 
➢ Músculo extensor longo dos dedos 
Origem: Fossa extensora do fêmur 
Inserção: Processo extensor da falange distal 
Função: Extensor dos dedos e da articulação do joelho 
 
➢ Músculo extensor lateral dos dedos 
Origem: Fíbula e côndilo lateral da tíbia 
Inserção: Falange média do 5o ou 4o dedo, processo extensor da falange distal no 
equino 
Função: Extensor dos dedos 
 
➢ Músculo extensor curto dos dedos 
Origem: calcâneo 
Inserção: Aponeurose dorsal e falanges médias do II ao IV dedo 
Função: dorsiflexão do II ao IV dedo 
 
➢ Músculo flexor superficial dos dedos 
Origem: Fossa supracondilar, tuberosidade supracondilar lateral 
Inserção: Falange proximal e falange média 
Função: Flexor da articulação do joelho e dos dedos; extensor do tarso 
 
➢ Músculo flexor digital profundo dos dedos 
Origem: Fíbula e tíbia 
Inserção: Tendão flexor profundo dos dedos, falange distal 
Função: Flexor dos dedos