A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
1 pág.
Termos Propedêuticos SEMIOLOGIA

Pré-visualização | Página 1 de 1

Dispneia: Desconforto respiratório
Dispnéia paroxística: Dificuldade da respiração que surge em crises, comumente à noite quando o 
paciente deita (comumente conhecida como dispnéia paroxística noturna)
Opressão: Dificuldade em inspirar
Ortopneia: Intensificação da dispneia quando em decúbito
Coriza: Secreção clara e fluida do nariz
Rinorreia: Corrimento excessivo de muco nasal
Epistaxe: Sangramento nasal
Vômica: Saída de pus das vias aéreas
Sibilância: Chiado durante a respiração
Estridor: Respiração ruidosa
Anosmia: Diminuição ou perda completa do olfato.
Apnéia: Condição onde há ausência de ciclos respiratórios
Bradipnéia: Estado em que um indivíduo se encontra quando apresenta uma frequencia 
respiratória abaixo de 8 inspirações por minuto
Cacosmia: Indivíduo que aprecia ou sente atração por cheiros desagradáveis
Taquipnéia: Aumento da freqüência respiratória
: 
Otalgia: Dor de ouvido
Otorragia: Sangramento expelido pelo ouvido
Otorréia: saída de secreção do ouvido.
Dismenorreia: Cólica menstrual
Menorragia: Aumento do volume menstrual
Metrorragia: Sangramento uterino fora do período menstrual
Galactorreia: Produção de leite fora do período de lactação
Amenorreia: Ausência de menstruação
Hemospermia: Sangue no esperma
Varicocele: Varizes nos testículos
Orquialgia: Dor nos testículos
Priapismo: Ereção dolorosa e sustentada sem estímulo
Ginecomastia: Aumento das mamas no home
Anúria: Diminuição ou supressão da secreção da urina
Disquesia: evacuação dolorosa
Disúria: Micção difícil ou dolorosa de urina.
Enurese: Emissão involuntária de urina durante noite
Hematúria: É a presença de sangue na urina.
Poliúria: Aumento no volume normal de urina
Cacofagia: Estado mórbido em que o paciente apresenta perversão do apetite, fazendo -o ingerir 
substâncias consideradas repugnantes, como exemplo fezes.
Adipsia: Falta de sede
Aerofagia: Ato de deglutir ar
Afagia: Impossibilidade de deglutir
Disfagia: Distúrbio em que o paciente apresenta dificuldade de deglutição
Ageusia: Ausência ou redução do sentido do paladar
Dispepsia: É um conjunto de sinais relacionados ao trato gastro intestinal com odor, queimação ou 
desconforto na região superior do abdomen.
Êmese: Vômito
Hematêmese: Eliminação de sangue por meio de vômito
Encoprese: Emissão involuntária de fezes
Hematoquezia: presença de sangue com cor vermelha vivamisturado as fezes
Polidipsia: Termo que refere a sede excessiva 
Polifagia: Fome excessiva
Sialorréia: Aumento da secreção de saliva.
Sialosquise: Diminuição da secreção de saliva. 
Xerostomia: Ressecamento da boca em resultado pela secreção insuficiente ou ausente das 
glândulas salivares.
Alodinia: Sensação de dor com estímulos não dolorosos
Hipoestesia: Diminuição da sensibilidade
Hiperalgesia: Sensação de dor maior que a dr causada pelo estímulo
Parestesia: Sensação de formigamento
Anestesia: Perda total da sensibilidade
Convulsão: Abalos e espamos vigorosos em todo o corpo
Tontura: Sensação errônea
Vertigem: Tontura rotatória
Síncope: Perda da consciência e tônus muscular postural, com recuperação espontânea
Bradicinesia: Lentidão anormal dos movimentos
Lipotimia: Perda de tônus postural, com queda súbita, com ou sem perda da consciência
Afasia: Sintoma neurológico revelado por perda ou incapacidade de expressar ou interpretar a 
linguagem falada ou escrita. 
Aglossia: Ausência congênita da língua
Agnosia: É uma perturbação que se caracteriza pelo fato de a pessoa poder ver e sentir os objetos
Amaurose: É um distúrbio caracerizado por perda total da visão.
Anacusia: Total perda da capacidade auditiva
Apraxia: É um distúrbio neurológico revelado pela incapacidade de executar movimentos coordenados
Astenia: Ausência ou perda de força muscular.
Ataxia: Falta de coordenação de movimentos musculares voluntaries ou mesmo de equilíbrio.
Atetose: presença de movimentos involuntários, muito lentos, contínuos e extravagantes
Catatonia: Quadro clinico onde ocorre uma perturbação da iniciativa e comportamento motor, bem como 
do grau de tensão muscular
Disfasia: Perturbação na compreensão e/ou expressão da linguagem.
Disfonia: Alteração ou dificuldade da produção normal da voz
Hemiplegia: Paralisia de uma area que afeta metade do corpo
Paraplegia: Paralisia completa de dois segmentos simétricos do corpo (geralmente dos membros 
inferiores).
Paresia: Perda parcial da motricidade - diminuição da força muscular
Parestesia: Aparecimento de sensação anormal e mal definidas, sem prévia estimulação. Dormência e 
formigamento são os representantes mais significativos da parestesia.
Narcose: Alteração do estado de consciência devido à intoxicação por determinadas substâncias, como 
narcóticos
Lipotímia: Desfalecimento, desmaio fugaz, sem que ocorra perda de consciência.
Xeroftalmia: Perda da secreção lacrimal e caracterização de ressecamento excessivo das mucosas que 
revestem o olho 
Angina: Termo médico utilizado para se referir à sensação opressiva que decorre da falta de oxigênaçã 
do músculo cardíaco
Aneurisma: Alargamento de forma anormal da luz de um vaso sanguíneo
Bradicardia: Diminuição da frequência cardíaca a menos de 60 batimentos por minuto
Choque: Sofrimento celular fruto da falta de irrigação sanguínea
Choque anafilático: Constitui uma reação alérgica grave, resultando em diminuição da pressão arterial, 
taquicardia, acompanhado ou não de edema de glote
Choque séptico: Falência circulatório aguda por causa infecciosa
Cianose: Sinal onde o paciente apresenta cor azulada ou arroxeada da pele e das mucosas, decorrente 
da diminuição da oxigenação tecidual
Infarto: Morte de um tecido ou mesmo de um órgão por irrigação sanguínea insuficiente ou inadequada
Taquicardia: Aceleração dos batimentos cardíacos, comumente considerado acima de 100 bpm
Artralgia: Dor em articulações
Artrite: Inflamação que acomete articulações
Lombalgia: Dor na região lombar
Mialgia: Dor muscular
Plegia: Perda de força muscular ou paralisia.