A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
4 pág.
AV2 - Direito Constitucional

Pré-visualização | Página 1 de 1

AV2 - DIREITO CONSTITUCIONAL III - PROF ME MÁ... (DIREITO CONSTITUCIONAL III (CCJ0021/3684437) 3001)
AV2 DIREITO CONSTITUCIONAL III
A leitura avançada no Microsoft Forms permite que você ouça o texto de um formulário e de suas perguntas são lidos em voz alta enquanto acompanha. Você pode localizar o botão de leitura avançada ao lado do título do formulário ou perguntas após ativar esse controle. Você também pode alterar o espaçamento entre linhas e palavras para facilitar a leitura, realçar partes de fala e sílabas, selecionar palavras únicas ou linhas de palavras lidas em voz alta e selecionar preferências de idioma.
Pontos:
10/10
1.Em relação aos remédios constitucionais, nos termos previstos na Constituição Federal, o:Requer resposta. Opção única. 
(1/1 Ponto)
Mandado de injunção visa anular ato lesivo ao patrimônio público, ficando, o autor, salvo comprovada má-fé, isento de custas judiciais e do ônus da sucumbência.
Mandado de segurança coletivo pode ser impetrado por associação legalmente constituída e em funcionamento há pelo menos um ano, em defesa dos interesses de seus membros ou associados.
Mandado de segurança individual é instrumento destinado a assegurar o conhecimento de informações relativas à pessoa do impetrante, constantes de registros ou bancos de dados de caráter público.
Habeas data é cabível sempre que a falta de norma regulamentadora torne inviável o exercício dos direitos e liberdades constitucionais e das prerrogativas inerentes à nacionalidade, à soberania e à cidadania.
Respostas corretas: Mandado de segurança coletivo pode ser impetrado por associação legalmente constituída e em funcionamento há pelo menos um ano, em defesa dos interesses de seus membros ou associados.
2.Acerca de direitos fundamentais, garantias e remédios constitucionais, julgue o item a seguir. De acordo com o Supremo Tribunal Federal, não é cabível habeas data para a obtenção de informações a respeito da identidade de responsáveis por agressões e denúncias feitas contra o impetrante.Requer resposta. Opção única. 
(1/1 Ponto)
Certo
Errado
Respostas corretas: Certo
3.[...] conceder-se-á mandado de segurança para proteger direito líquido e certo, não amparado por habeas corpus ou habeas data, quando o responsável pela ilegalidade ou abuso de poder for autoridade pública ou agente de pessoa jurídica no exercício de atribuições do Poder Público. (Constituição Federal de 1988) Considerando o texto constitucional acima indicado, bem como as considerações doutrinárias sobre o aludido remédio constitucional, assinale a alternativa incorreta. Requer resposta. Opção única. 
(1/1 Ponto)
O mandado de segurança poderá ser repressivo de uma ilegalidade já cometida; ou preventivo, quando o impetrante demonstrar justo receio de sofrer uma violação de direito líquido e certo por parte da autoridade impetrada.
O particular não está obrigado a exaurir a via administrativa para utilizar-se do mandado de segurança, afinal o Judiciário não pode se furtar do exame de qualquer lesão de direito.
Nos termos da jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, o pedido de reconsideração na via administrativa interrompe o prazo para o mandado de segurança.
De acordo com a doutrina majoritária, e jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, o mandado de segurança observa prazo decadencial de 120 dias, contados a partir da data em que o interessado tiver conhecimento do ato a ser impugnado.
Nos termos da jurisprudência do Superior Tribunal de Justiça, não cabe condenação em honorários de advogado na ação de mandado de segurança.
Respostas corretas: Nos termos da jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, o pedido de reconsideração na via administrativa interrompe o prazo para o mandado de segurança.
4.A garantia de um salário mínimo de benefício mensal à pessoa portadora de deficiência e ao idoso que comprovem não possuir meios de prover a própria manutenção ou de tê-la provida por sua família, um dos objetivos da assistência social previsto no Art. 203, da Constituição Federal é qual benefício?Requer resposta. Opção única. 
(1/1 Ponto)
Aposentadoria por invalidez
Benefício de Renda Vitalícia
Aposentadoria por tempo de contribuição
Benefício de Prestação Continuada
Benefício Eventual
Respostas corretas: Benefício de Prestação Continuada
5.Nos termos da Constituição Federal de 1988, é correto afirmar: É vedado às universidades admitir professores, técnicos e cientistas estrangeiros, na forma da lei.Requer resposta. Opção única. 
(1/1 Ponto)
Certo
Errado
Respostas corretas: Errado
6.A entidade de classe tem legimitação para o mandado de segurança ainda quando a pretensão veiculada interesse apenas a uma parte da respectiva categoriaRequer resposta. Opção única. 
(1/1 Ponto)
Certo
Errado
Respostas corretas: Certo
7.Explique, com suas palavras, o Mandado de Segurança Coletivo. Ao responder cite as hipóteses de cabimento, legitimidade ativa e legitimidade passiva e quais os direitos protegidos em sede de MS Coletivo:Requer resposta. Texto de linha única. 
(2/2 Pontos)
Respostas corretas: Mandado de Segurança Coletivo é instrumento constitucional que visa assegurar a proteção de direito líquido e certo, não amparado por habeas corpus ou habeas data, contra atos ou omissões por parte de autoridades cuja atuação se reveste de ilegalidade ou abuso de poder, tendo como principal objetivo, a maior facilidade no acesso à justiça e consequentemente, uma considerável celeridade, devido ao fato de permitir que pessoas jurídicas protejam os direitos de seus membros, impedindo um eventual ajuizamento de inúmeras ações similares junto ao Poder Judiciário., O mandado de Segurança Coletivo busca a preservação ou a reparação de interesses transidividuais, se configurando assim, como preventivo ou repressivo, amparando interesses transindividuais homogêneos (individuais ou coletivos). Entende-se por interesses individuais homogêneos, aqueles decorrentes de uma situação comum de vários associados ou membros, de modo que tal relação de congruência é meramente casual. Daí alguns autores afirmarem que em se tratando desses direitos, não há de se falar em tutela de direitos coletivos, mas em tutela coletiva de direitos individuais. Já os interesses coletivos, são aqueles cuja natureza é indivisível possuindo como titular um grupo de pessoas ligadas por uma situação jurídica básica e não simplesmente por um nexo causal.
8.Francisco, analista de informática da ECT – Empresa de Correios e Telégrafos do Brasil, é aprovado em concurso da Secretaria de Educação do Distrito Federal. Ao enviar os documentos para a posse os mesmos não são aceitos sob o argumento de que, conforme a constituição, não é possível a cumulação de cargos na esfera pública. Francisco lhe procura em seu escritório com as seguintes dúvidas: a) eu posso tomar posse nos dois concursos? b) Qual a medida judicial eu devo impetrar e por que? c) Quais argumentos jurídicos podem ser usados (Constituição, Lei 8112, RGPS, Empresa Pública, Regime Estatutário etc).Requer resposta. Texto de linha única. 
(2/2 Pontos)
Respostas corretas: É possível cumular um cargo técnico ou analista com outro de docente. MS, presente o direito líquido e certo.