Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
69 pág.
Questoes e respostas comentadas

Pré-visualização | Página 1 de 11

Análise Ex Ante de Políticas Públicas
Sumário
Módulo 1 – Reforma das políticas públicas e a tríade governança, avaliação de políticas públicas e análise de impacto regulatório	4
O que é ex ante é ex post?	4
Vídeo 1 - Reformas estruturantes e a busca por maior racionalidade na gestão pública	4
Questão 1 do vídeo 1	4
Questão 1 do vídeo 2	5
Questão 2 do Vídeo 2	6
Vídeo 3 - Avaliação de políticas públicas	7
Questão 1 – Vídeo 3	7
Questão 2 – Vídeo 3	7
Vídeo 4 Análise de impacto regulatório.	8
Questão 1 Vídeo 4	8
Vídeo 5 O Papel da Análise Ex Ante.	9
Questão 1 – Vídeo 5	9
Questão 2 – Vídeo 5	10
Módulo 2 – Diagnóstico do problema e modelo lógico Lição	11
Vídeo 6 Identificando o problema e suas causas.	11
Questão 1 do vídeo 6	11
Questão 2 do vídeo 6	11
Vídeo 7 Sobreposição e complementariedade das ações do Estado.	11
Questão 1 – Vídeo 7	12
Questão 2 – Vídeo 7	13
Vídeo 8 - Metas e compromissos internacionais	14
Questão 1 do vídeo 8	15
Questão 2 do vídeo 8	15
Vídeo 9 - Modelo Lógico e indicadores	16
Questão 1 do vídeo 9	16
Questão 2 do vídeo 9	17
Módulo 3 - Desenho e suporte da política	18
Vídeo 10 - Objetivo e ações	18
Questão 1 do vídeo 10	19
Vídeo 11 – Fundamentação	20
Questão 1 do vídeo 11	21
Questão 2 do vídeo 11	21
Vídeo 12 - Público-alvo	21
Questão 1 do vídeo 12	21
Questão 2 do vídeo 12	22
Vídeo 13 - Atores envolvidos e seleção de beneficiários	23
Questão 1 do vídeo 13	23
Questão 2 do vídeo 13	24
Vídeo 14 - Análise SWOT	25
Questão 1 do vídeo 14	26
Questão 2 do vídeo 14	26
Vídeo 15 - Confiança e suporte	27
Questão 1 do vídeo 15	27
Módulo 4 – Impacto Orçamentário e Financeiro	28
Vídeo 16 - Legislações fiscais e orçamentárias	28
Questão 1 do vídeo 16	29
Questão 2 do vídeo 16	30
Vídeo 17 - Equilíbrio das finanças públicas	31
Questão 1 do vídeo 17	31
Questão 2 do vídeo 17	32
Vídeo 18 - Planejamento de médio prazo das despesas	32
Questão 1 do vídeo 18	34
Questão 2 do vídeo 18	35
Vídeo 19 - Renúncia de receita	36
Questão 1 do vídeo 19	38
Questão 2 do vídeo 19	39
Vídeo 20 - Aspectos orçamentários	40
Questão 1 do Vídeo 20	42
Vídeo 21 - Checklist orçamentário e financeiro	42
Questão 1 do vídeo 21	43
Questão 2 do vídeo 21	44
Módulo 5 – Estratégia de implementação	44
Vídeo 22 - Gestão e governança	44
Questão 1 do vídeo 22	44
Questão 2 do vídeo 22	45
Vídeo 23 - Instrumentos normativos	45
Questão 1 do vídeo 23	45
Questão 2 do vídeo 23	46
Vídeo 24 - Plano de comunicação	47
Questão 1 Vídeo 24	48
Questão 2 do vídeo 24	49
Vídeo 25 - Gestão de riscos	50
Questão 1 do vídeo 25	52
Questão 2 do vídeo 25	53
Módulo 6 – Monitoramento, Avaliação e Controle	54
Questão 1 do vídeo 26	55
Questão 2 do vídeo 26	56
Vídeo 27 – Avaliação	56
Questão 1 do vídeo 27	57
Questão 2 do vídeo 27	57
Vídeo 28 – Controle	58
Questão 1 do vídeo 28	58
Questão 2 do vídeo 28	59
Módulo 7 – Checklist para a análise ex ante	60
Vídeo 29 - Diagnóstico do problema	60
Questão 1 do vídeo 29	61
Questão 2 do vídeo 29	62
Vídeo 30 - Objetivos, ações e resultados esperados	62
Módulo 1 – Reforma das políticas públicas e a tríade governança, avaliação de políticas públicas e análise de impacto regulatório
O que é ex ante é ex post?
Ex-ante é um termo do Latim. Ele quer dizer “antes do fato”. Ao contrário do ex-post, onde a avaliação é feita com base nos dados do passado, o ex-ante é uma expectativa em relação a eventos futuros, o que o torna mais subjetivo
– Avaliação ex-ante: realizada ao começar o projeto, antecipando fatores considerados no processo decisório. execução ou já foi concluído, sendo que decisões são tomadas com base nos resultados alcança
Vídeo 1 - Reformas estruturantes e a busca por maior racionalidade na gestão pública
Questão 1 do vídeo 1
Feedback
Tendo por base a discussão sobre a modernização e reforma do Estado, associe a alternativa correspondente aos elementos citados:
a. Analisa a norma antes de ser publicada, homogeneíza essas práticas entre órgãos reguladores e traz maior benefício público com menor custo. Análise de Impacto Regulatório 
b. Auxilia na definição sobre a melhor alocação dos recursos públicos entre políticas públicas, bem como considera a restrição fiscal. Avaliação de Políticas Públicas 
c. Implica em melhor coordenação, simplificação e integração dos serviços públicos. Governança 
d. Contribuem para melhor ambiente de negócios, maior estabilidade regulatória e melhores escolhas. Reformas Estruturantes 
e. Experiências de outros países, adaptação e cooperação para incorporar ao contexto local. Boas práticas internacionais 
Análise de Impacto Regulatório: Analisa a norma antes de ser publicada, homogeneíza essas práticas entre órgãos reguladores e traz maior benefício público com menor custo.
Avaliação de Políticas Públicas: Auxilia na definição sobre a melhor alocação dos recursos públicos entre políticas públicas, bem como considera a restrição fiscal.
Governança: Implica em melhor coordenação, simplificação e integração dos serviços públicos.
Reformas Estruturantes: Contribuem para melhor ambiente de negócios, maior estabilidade regulatória e melhores escolhas.
Boas práticas internacionais: Experiências de outros países, adaptação e cooperação para incorporar ao contexto local.
Vídeo 2 - Governança no governo federal
Questão 1 do vídeo 2
Feedback
Considerando o funcionamento da política de governança no âmbito da administração pública federal, previsto no Decreto nº 9.203/17, assinale a alternativa correta.
a. O Comitê Interministerial de Governança (CIG) é composto pelo Presidente da República, que o coordena, e pelos Ministros de Estado da Casa Civil, do Planejamento, da Fazenda e da Transparência. 
b. As recomendações oriundas de guias e manuais aprovados pelo Comitê Interministerial de Governança não precisam ser incorporadas por órgãos e entidades da administração pública federal. 
c. Os comitês internos de governança são instituídos por ato do Comitê Interministerial de Governança (CIG). 
d. Apenas os órgãos cujos dirigentes integram o CIG podem encaminhar propostas com medidas, mecanismos e práticas organizacionais para promoção da boa governança. 
e. O Comitê Interministerial de Governança (CIG) pode aprovar recomendações a uma comissão criada com o objetivo de executar uma política de governança relativa a tema específico. 
Está correta a alternativa ‘e’. Trata-se da competência prevista no art. 9º, III, do Decreto nº 9.203/17. Note-se que uma “comissão criada com o objetivo de executar uma política de governança relativa a tema específico” é um dos tipos de colegiados temáticos, nos termos do §2 do art. 9º. Tem-se como exemplo de colegiado temático voltado à promoção da governança tem-se o Comitê de Monitoramento e Avaliação de Políticas Públicas Federais (CMAP), instituído por meio da Portaria Interministerial nº 102, de 07 de abril de 2016.
A alternativa ‘b’ está incorreta. O Presidente da República não faz parte do CIG. Vide art. 8º do Decreto nº 9.203/17.
A alternativa ‘c’ está incorreta. A regra, embora o CIG possa decidir de forma distinta, é que as recomendações sejam incorporadas pelos órgãos e entidades de acordo com as especificidades e com o nível de maturidade institucional de cada um. Vide art. 13, I, do Decreto nº 9.203/17.
A alternativa ‘d’ está incorreta. Os comitês internos de governança são instituídos por ato do dirigente máximo do órgão ou entidade. Vide art 14, caput, do Decreto nº 9.203/17.
A alternativa ‘e’ está incorreta. Conforme art. 13, II, do Decreto nº 9.203/17, todos os órgãos e entidades podem colaborar com propostas, submetendo-as ao CIG.
Parte superior do formulário
Questão 2 do Vídeo 2
Feedback
Considerando o funcionamento da política de governança no âmbito da administração pública federal, previsto no Decreto nº 9.203/17, assinale a alternativa correta.
a. O plano plurianual da União não faz parte do planejamento do desenvolvimento nacional equilibrado. 
b. Na elaboração da estratégia nacional de desenvolvimento econômico e social é necessário adotar mecanismos de participação da sociedade civil. 
c. Não há possibilidade de revisão da estratégia nacional
Página123456789...11