A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
17 pág.
Assistente_Social_Pref_Grossos-RN_MULT_SAI_Superior

Pré-visualização | Página 1 de 4

www.somaconcursos.com 
A sua vitória faz a nossa história. 
 
 
 
 
PREF. GROSSOS-RN MULT-SAI – SUPERIOR 
ASSISTENTE SOCIAL 
 
QUESTÃO 1 – CONHECIMENTOS GERAIS 
 
Como se deu a origem ao nome do atual município de Grossos: 
 
(A) Uma ilha coberta de um capim grosso, de cor muito escura e com quase 
um metro e meio de altura; 
(B) Uma ilha coberta de um capim muito grosso, conhecida por Ilha dos Capins 
Grossos; 
(C) D as vegetações rasteiras que eram grossas e serviam para alimentar os 
animais da região; 
(D) N.A.A. 
 
QUESTAO 2 – CONHECIMENTOS GERAIS 
 
 Após estabelecer-se na localidade, onde hoje se encontra o município de 
Grossos, e implantou fazendas de criação de gado em sociedade como o 
cunhado. A parceria entre duas pessoas fez surgir às primeiras oficinas de 
carne de charque da região. 
 
O texto se refere aos: 
 
(A) Capitão José Alves Faustino e Antônio Souza Dantas; 
(B) Sargento-Mor Antônio de Souza Machado e José Alves de Oliveira; 
(C) Sargento Antônio Machado e Tenente José Araújo Oliveira; 
(D) N.A.A. 
 
 
 
 
 
 
 
 
www.somaconcursos.com 
A sua vitória faz a nossa história. 
 
 
QUESTÃO 3 – CONHECIMENTOS GERAIS 
 
O Rio Grande do Norte assumiu definitivamente os direitos sobre o 
território de Grossos em: 
 
(A) 17 de junho de 1920; 
(B) 17 de julho de 1921; 
(C) 11 de dezembro de 1920; 
(D) N.A.A. 
 
QUESTÃO 4 – CONHECIMENTOS GERAIS 
 
Natal, capital Potiguar, tem como uma de suas principais atrações 
turísticas a praia de Ponta Negra que se caracteriza pela(o): 
 
(A) Morro do Careca, duna com altura de 120 metros de altura; 
(B) A Ponta Negra, o morro com areia escura que deu origem ao nome da 
praia; 
(C) Morro do Careca, extensão de terra feita pela ação do homem para a 
intensificação do turismo; 
(D) N.A.A. 
 
QUESTÃO 5 – CONHECIMENTOS GERAIS 
 
No Rio Grande do Norte, a Barragem Santa Cruz foi construída no 
município de: 
 
(A) Pau dos Ferros; 
(B) Campo Grande; 
(C) Apodi; 
(D) N.A.A. 
 
QUESTÃO 6 – CONHECIMENTOS GERAIS 
 
Na Grande Natal, a urbanização NÃO se deve ser entendida apenas do ponto 
de vista quantitativo, mas também do ponto de vista qualitativo. 
 
 
 
 
 
www.somaconcursos.com 
A sua vitória faz a nossa história. 
 
 
Assinale a alternativa que expressa o conteúdo qualitativo da 
urbanização: 
 
(A) Crescimento acentuado do número de habitantes; 
(B) Expressivo ritmo de vida ditado pela industrialização; 
(C) Expressivo aumento do número de indústrias; 
(D) Crescimento acentuado do êxodo rural. 
 
QUESTÃO 7 – CONHECIMENTOS GERAIS 
As eleições do ano de 1989, para Presidente da República, elegeram Fernando 
Collor de Mello. 
 
Foram eleições: 
 
(A) Os parlamentares que o elegeram; 
(B) O senador com o voto secreto; 
(C) Indiretas; 
(D) Diretas. 
 
QUESTÃO 8 – CONHECIMENTOS GERAIS 
 
O território nacional foi reorganizado, com a Constituição de 1988, 
criando-se o Estado de Tocantins e trans formando em Estados 
Federados os Territórios de: 
 
(A) Rondônia e Roraima; 
(B) Amapá e Acre; 
(C) Rondônia e Acre; 
(D) Roraima e Amapá. 
 
QUESTÃO 9 – CONHECIMENTOS GERAIS 
 
Cerca de 15 (quinze) anos atrás, o Brasil mudou várias vezes sua moeda. 
Quais foram as três últimas que circularam, respectivamente, no país 
antes da moeda Real? 
 
(A) Cruzeiro, Cruzado e Cruzado Novo; 
(B) Cruzado Novo, Cruzeiro e URV; 
(C) Cruzeiro Novo, URV e Cruzado Real; 
(D) URV, Cruzado e Cruzeiro. 
 
www.somaconcursos.com 
A sua vitória faz a nossa história. 
 
 
QUESTÃO 10 – CONHECIMENTOS GERAIS 
 
No Brasil, a oferta interna de eletricidade provém de fontes não-renováveis e 
renováveis. 
 
Dentre as renováveis, a hidrelétrica de Tucuruíse localiza no rio: 
 
(A) Tocantins; 
(B) São Francisco; 
(C) Paraíba; 
(D) Parnaíba. 
 
Leia, com atenção, o texto abaixo par a responder às questões propostas. 
 
O consumidor brasileiro encontra melhores meios de exercer seus direitos do 
que o cidadão. Os amplos recursos do recente Código de Defesa do 
Consumidor e a relativa agilidade dos Procons, em contraste com a 
morosidade da Justiça, impulsionaram um significativo aumento das atividades 
nessa área durante a década de 90. A atuação dos Procons e de outras 
entidades privadas qualificadas par a defender interesses coletivos parece ser 
também uma forma d e responder à inoperância do Estado no que se refere 
aos direitos do cidadão. A multiplicação de órgãos como os Procons e, de outra 
parte, dos centros de atendimentos a clientes é um sinal de evolução do 
mercado brasileiro e mesmo de parte da sociedade. Mas esse fato mesmo é 
um indicador do atraso do país, pois faz pensar no que em geral ocorre 
quando, em lugar de uma empresa, quem está do outro lado do balcão é o 
Estado. Donas-de-casa reunidas para zelar pela N qualidade de produtos ou 
associações de “vítimas de atrasos aéreos”, por exemplo, batem-se por 
questões que deveriam estar salvaguardadas pelo poder público. O cidadão 
que utiliza o serviço público de saúde e é mal atendido não encontra um 
recurso comparável ao serviço que os Procons prestam a clientes insatisfeitos 
de seguros de saúde privados. O brasileiro está muito mais bem atendido 
quando se trata de reclamar contra produtos defeituosos, propaganda 
enganosa ou serviços privados mal prestados do que quando o problema está 
na escola pública ou na polícia. O rápido crescimento das atividades ligadas a 
direitos do consumidor, entretanto, também exige algumas cautelas, seja 
contra uma atuação abusiva desses organismos, seja quanto a sua politização. 
Mas o que sobressai desse contraste entre consumidor e cidadão é que o 
atraso do Brasil em relação aos países mais desenvolvidos não está apenas na 
economia. A distância é enorme quando se trata de respeito ao cidadão. 
 
www.somaconcursos.com 
A sua vitória faz a nossa história. 
 
 
QUESTÃO 11 – LÍNGUA PORTUGUESA 
 
Só NÃO é sinônimo de “SALVAGUARDADAS” no quinto parágrafo: 
 
(A) Protegidas; 
(B) Negligenciadas; 
(C) Garantidas; 
(D) Seguras. 
 
QUESTÃO 12 – LÍNGUA PORTUGUESA 
 
“O consumidor brasileiro encontra melhores meios de exercer seus direitos do 
que o cidadão.” A idéia que NÃO foi utilizada pelo autor como argumento par a 
comprovar a afirmação anterior está em: 
 
(A) Agilidade dos Procons; 
(B) Associações de "vítimas de atrasos aéreos"; 
(C) Multiplicação de centros de atendimentos a clientes; 
(D) Bom atendimento a reclamantes contra produtos defeituosos. 
 
QUESTÃO 13 – LÍNGUA PORTUGUESA 
 
Com relação aos organismos de defesa do consumidor, o autor: 
 
(A) Denuncia seus abusos; 
(B) Defende sua politização; 
(C) Considera-os positivos, sob certas condições; 
(D) Incentiva seu rápido crescimento, sob cuidados do Estado. 
 
QUESTÃO 14 – LÍNGUA PORTUGUESA 
 
Considere as afirmações a seguir: 
 
14.1 – Aspectos que sinalizam conquistas sociais no Brasil acabam 
denunciando a fragilidade do indivíduo na relação cidadão-Estado. 
 
14.2 – O atendimento do cidadão brasileiro quanto à saúde é tão precário no 
serviço público quanto em estabelecimentos mantidos por seguros de saúde 
privados. 
 
 
www.somaconcursos.com 
A sua vitória faz a nossa história. 
 
 
 
14.3 – A defesa de interesses coletivos dá-se por entidades privadas porque só 
elas estão qualificadas para atuar nessa área em que o Estado está impedido 
legalmente de operar. 
 
De acordo com o texto, é correto o que se afirma apenas em: 
 
(A) 14.1; 
(B) 14.2; 
(C) 14.3; 
(D) 14.1 e 14.3. 
 
QUESTÃO 15 – LÍNGUA PORTUGUESA 
 
Em “... batem-se por questões que DEVERIAM estar salvaguardadas pelo 
poder público” (5° parágrafo), é INCORRETO afirmar quanto à forma 
verbal em destaque: 
 
(A) DEVER é radical; 
(B) E é vogal temática; 
(C) RIA é desinência número-pessoal; 
(D) M é desinência modo-temporal. 
 
QUESTÃO 16 – LÍNGUA PORTUGUESA 
 
No Brasil, segundo o editorial: 
 
(A) A justiça é omissa e irresponsável; 
(B) Reclamações contra propagandas enganosas não têm boa acolhida; 
(C) Os consumidores distinguem-se dos cidadãos pelo aspecto econômico; 
(D) A cidadania se realiza mais