A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
5 pág.
Metabolismo de lipoproteínas e aterosclerose + casos clínicos (com gabarito) - discursiva

Pré-visualização | Página 3 de 3

à aterosclerose? Como 
justificar/discutir a sua resposta. 
Sim, porque causa obstrução das artérias, o que 
limita a irrigação sanguínea e oxigenação do 
músculo cardíaco. Quando o paciente fizer mais 
esforço, vai sentir mais dor porque irá aumentar 
o fluxo sanguíneo e não vai ter uma passagem 
suficiente de sangue pelos tecidos cardíacos. Ou, 
o paciente também pode estar sofrendo um 
infarto, que é a morte do tecido cardíaco pela 
falta de irrigação e oxigenação do mesmo. 
 
B. Como as LDL influenciam no processo 
patológico mencionado na questão acima? E 
como elas são formadas? 
O acúmulo de LDL no espaço subendotelial leva 
à formação das células espumosas, evoluindo 
para estrias gordurosas que precedem a formação 
das placas ateromatosas. 
 
C. Por que baixos níveis de HDL significam 
alto risco para doença coronariana? 
Porque o HDL capta colesterol dos tecidos extra-
hepáticos, inclusive das células espumosas. Se 
tiver baixos níveis de HDL, há acumulo de 
colesterol nas artérias, o que pode obstruí-las e, a 
depender do local que ocorre essa obstrução, 
faltar suprimento para o coração, desencadeando 
uma doença coronariana.

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.