A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
48 pág.
Aula 01

Pré-visualização | Página 5 de 14

e 
colaboradores, fornecer informação correta, precisa e objetiva em publicidade e 
propaganda pessoal e atuar com imparcialidade e impessoalidade em atos 
arbitrais e periciais. 
 
 
 
Prof. Tiago Zanolla www.estrategiaconcursos.com.br 15 de 47 
 
LEGISLAÇÕES CONFEA/CREA P/ CREA-SE 
Teoria e questões comentadas 
Aula 01 – Prof. Tiago Zanolla 
 
 
 (CESPE – 2012 – Câmara dos Deputados) 
O objetivo das profissões e a ação dos profissionais devem voltar-se para o bem-
estar e o desenvolvimento do homem, considerados o seu ambiente e as suas 
diversas dimensões, como indivíduo, família, comunidade, sociedade, nação e 
humanidade. 
 
 (FGV – 2013 – INEA) 
O Código de Ética Profissional fundamenta os princípios éticos e as condutas 
necessárias à boa e honesta prática das profissões da Engenharia. Relacione os 
aspectos abordados na profissão com seus respectivos princípios éticos. 
1. Objetivo da profissão. 
2. Natureza da profissão. 
3. Intervenção profissional sobre o meio. 
4. Eficácia profissional. 
( ) A profissão realizaǦse pelo cumprimento responsável e competente dos 
compromissos profissionais. 
( ) A profissão é exercida com base nos preceitos do desenvolvimento 
sustentável. 
( ) A profissão é bem social da humanidade e o profissional é o agente capaz de 
exercêǦla. 
Assinale a alternativa que indica a ordem correta, de cima para baixo. 
a) 2 – 3 – 1 
b) 1 – 4 – 1 
c) 4 – 3 – 2 
d) 3 – 1 – 4 
e) 4 – 3 – 1 
 
 (CONSULPLAN – 2011 – CREA RJ) 
De acordo com a Resolução nº. 1002, de 26 de novembro de 2002, que adota o 
Código de Ética Profissional da Engenharia, da Arquitetura, da Agronomia, da 
Geologia, da Geografia e da Meteorologia, no exercício da profissão, é(são) 
dever(es) do profissional: 
a) Oferecer seu saber para o bem da humanidade. 
b) Harmonizar os interesses pessoais aos coletivos. 
c) Contribuir para a preservação da incolumidade pública. 
 
 
 
Prof. Tiago Zanolla www.estrategiaconcursos.com.br 16 de 47 
 
LEGISLAÇÕES CONFEA/CREA P/ CREA-SE 
Teoria e questões comentadas 
Aula 01 – Prof. Tiago Zanolla 
 
d) Divulgar os conhecimentos científicos, artísticos e tecnológicos inerentes à 
profissão. 
e) Todas as alternativas anteriores estão corretas. 
 
 (CONSULPLAN – 2011 – CREA RJ) 
De acordo com o Código de Ética Profissional da Engenharia, são direitos coletivos 
universais inerentes a profissão, suas modalidades e especializações, EXCETO: 
a) Livre associação e organização em corporações profissionais. 
b) Considerar o direito de escolha do destinatário dos serviços, ofertando-lhe, 
sempre que possível, alternativas viáveis e adequadas às demandas em suas 
propostas. 
c) Gozar da exclusividade do exercício profissional. 
d) Reconhecimento legal. 
e) Representação institucional. 
 
 (CONSULPLAN – 2011 – CREA RJ) 
Com base no Código de Ética Profissional da Engenharia, no exercício da profissão 
são deveres do profissional, ante à profissão, EXCETO: 
a) Identificar-se e dedicar-se com zelo à profissão. 
b) Conservar e desenvolver a cultura da profissão. 
c) Preservar o bom conceito e o apreço social da profissão. 
d) Desempenhar sua profissão ou função nos limites de suas atribuições e 
competências e acima de sua capacidade pessoal de realização. 
e) Empenhar-se junto aos organismos profissionais no sentido da consolidação 
da cidadania e da solidariedade profissional e da coibição das transgressões 
éticas. 
 
 (CONSULPLAN – 2010 – Resende) 
A prática da profissão é fundada em princípios éticos, aos quais o profissional 
deve pautar sua conduta (Art. 8º, código de Ética Profissional). Das alternativas 
abaixo, assinale a que NÃO faz parte do princípio ético profissional: 
a) A profissão não é de livre exercício aos qualificados, sendo a segurança de 
sua prática de interesse coletivo. 
b) A profissão é alto título de honra e sua prática exige conduta honesta, digna 
e cidadã. 
c) A profissão é bem social da humanidade e o profissional é o agente capaz de 
exercê-la, tendo como objetivos maiores a preservação e o desenvolvimento 
harmônico do ser humano, de seu ambiente e de seus valores. 
 
 
 
Prof. Tiago Zanolla www.estrategiaconcursos.com.br 17 de 47 
 
LEGISLAÇÕES CONFEA/CREA P/ CREA-SE 
Teoria e questões comentadas 
Aula 01 – Prof. Tiago Zanolla 
 
d) A profissão é praticada através do relacionamento honesto, justo e com 
espírito progressista dos profissionais para com os gestores, ordenadores, 
destinatários, beneficiários e colaboradores de seus serviços, com lealdade na 
competição. 
e) N.R.A. 
 
 (VUNESP – 2012 – Prefeitura SJC) 
A respeito do Código de Ética Profissional e sua aplicação na prática da 
engenharia, é correto afirmar que: 
a) em face da impossibilidade de responder pelo comportamento de terceiros, 
não há como obrigar o profissional, no campo ético, a ter que, no exercício da 
profissão, alertar sobre riscos e responsabilidades relativos às prescrições 
técnicas e às consequências presumíveis de sua inobservância. 
b) capacidade e dignidade são valores pessoais que impedem o julgamento, no 
campo da ética profissional, da recusa ou interrupção de trabalho, contrato, 
emprego, função ou tarefa por entendê-lo incompatível com tais valores, a 
titulação e a experiência profissional. 
c) em função da exclusividade da denúncia em relação ao processo 
administrativo, é vedado à Comissão de Ética Profissional determinar a juntada 
de duas ou mais denúncias contra um mesmo profissional em razão de falta 
cometida ou fatos denunciados. 
d) conforme a Resolução n.º 1.002 do CONFEA, de 26 de novembro de 2002, que 
adota o Código de Ética Profissional da Engenharia, é impedido de participar de 
processo disciplinar o conselheiro que tenha interesse direto na matéria ou tenha 
parentesco com as partes do processo até o segundo grau. 
e) no exercício da profissão, em particular nas relações com os clientes, 
empregadores e colaboradores, são condutas vedadas ao profissional apresentar 
propostas de honorários com valores vis ou extorsivos e descuidar com as 
medidas de segurança e saúde do trabalho sob sua coordenação. 
 
 (FCC – 2014 – TRF 1ª Região) 
São deveres do engenheiro civil ante à profissão, EXCETO 
a) preservar o bom conceito e o apreço social da profissão. 
b) identificar-se e dedicar-se com zelo à profissão. 
c) conservar e desenvolver a cultura da profissão. 
d) escolher, com liberdade, métodos, procedimentos e formas de expressão. 
e) desempenhar sua profissão ou função nos limites de suas atribuições e de sua 
capacidade pessoal de realização. 
 
 
 
 
Prof. Tiago Zanolla www.estrategiaconcursos.com.br 18 de 47 
 
LEGISLAÇÕES CONFEA/CREA P/ CREA-SE 
Teoria e questões comentadas 
Aula 01 – Prof. Tiago Zanolla 
 
 (CONSULPLAN – 2011 – CREA RJ) 
A Resolução CONFEA nº. 1002/2002 adota o Código de Ética Profissional. São 
princípios éticos estipulados pelo Código de Ética anexo a essa Resolução, 
EXCETO: 
a) A profissão é bem social da humanidade e o profissional é o agente capaz de 
exercê-la. 
b) A profissão é bem cultural da humanidade construído permanentemente e 
colocado a serviço da melhoria da qualidade de vida do homem. 
c) A profissão é alto título de honra e sua prática exige conduta honesta, digna e 
cidadã. 
d) A profissão realiza-se pelo cumprimento responsável e competente dos 
compromissos profissionais, munindo-se de técnicas adequadas, assegurando os 
resultados propostos e a qualidade satisfatória nos serviços e produtos e 
observando a segurança nos seus procedimentos. 
e) A profissão é de livre exercício aos qualificados, sendo a segurança de sua 
prática de responsabilidade exclusiva do profissional. 
 
 (IESES – 2016 – BAHIAGÁS) 
O Código de Ética do sistema CONFEA/CREA, apresentado na Resolução N° 
1002/2002, objetiva contribuir por um mundo mais justo,

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.