A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
51 pág.
Slides da Unidade III - Planejamento Estratégico da Produção

Pré-visualização | Página 1 de 3

1
Planejamento Estratégico da 
Produção
UNIDADE III
Planejamento Estratégico da 
Produção
Ø Maximizar os resultados das operações;
Ø Minimizar os riscos nas tomadas de decisões das
empresas.
Objetivos Básicos a Longo Prazo
Estabelecendo a Missão
Planejamento Estratégico da 
Produção
Missão/Visão Corporativa
Estratégia Corporativa
Estratégia Competitiva
Estratégia Funcional
Finanças Marketing Produção
Plano Financeiro Plano de Marketing Plano de Produção
Táticas Funcionais
Operações Funcionais
Missão Corporativa 
- A Base de uma Empresa -
! Definição clara de qual é o seu negócio atual e qual
deverá ser no futuro.
! Definição clara de como será a filosofia gerencial da
empresa para administrá-la.
Missão Corporativa 
- A Base de uma Empresa -
Questões que devem ser levantadas na
definição da Missão Corporativa:
!Qual o escopo do negócio: industrial,
comercial ou de prestação de serviços ?
!Qual a essência do negócio ?
!Qual o sentido e intensidade do crescimento
que se deseja ?
!Como nos propomos a atender as
necessidades dos clientes ?
Missão e Visão
Corporativa 
Missão Corporativa:
Ø Define qual o negócio atual
Visão Corporativa:
Ø Define qual será o negócio no futuro
Missão e Visão
Corporativa - Exemplos
Missão dos Correios (Brasil):
Ø “ Facilitar as relações pessoais e
empresariais mediante a oferta de serviços
de correios com ética, competitividade,
lucratividade e responsabilidade social”.
Missão e Visão
Corporativa - Exemplos
Visão dos Correios (Brasil):
Ø “ Ser reconhecida pela excelência e
inovação na prestação de serviços de
correios”.
Estratégia Corporativa
São Definidas
! Áreas de negócios em que a empresa deve atuar.
! Como os recursos deverão ser adquiridos.
! Como os recursos deverão ser priorizados em cada
área de negócio.
ü É a estratégia corporativa que faz com que os diversos
negócios da empresa tenham um sentido comum, e
obtenham resultados superiores a mera soma dos
resultados individuais.
Estratégia Corporativa
A Missão
Estratégia Corporativa
Estratégia
Competitiva
A
Estratégia
Competitiva
B
Estratégia
Competitiva
C
Estratégia Competitiva
- Unidades de Negócios -
Propõem a base na qual os diferentes negócios
da empresa irão competir no mercado.
São definidas suas metas de desempenho e as
estratégias dos vários produtos (negócios).
É a escolha por uma determinada posição
competitiva.
Estratégia Competitiva
Estratégia
Competitiva
Benefícios
para Clientes
Custos
para Empresa
Margem de Lucro
Volume de Vendas
Ø A escolha por uma determinada estratégia competitiva
define a alocação de recursos e as habilidades
organizacionais necessárias para a produção dos bens e/ou
serviços oferecidos ao mercado.
Estratégia Competitiva
Ø Define-se três estratégias genéricas de margem/volume que
podem ser empregadas pelas empresas na competição pelo
mercado:
Ø Na liderança de custos a empresa deverá buscar a produção ao
menor custo possível, podendo com isto praticar os menores preços
do mercado e aumentar o volume de vendas.
Ø Na estratégia de diferenciação se busca a exclusividade em alguma
característica do produto que seja mais valorizada pelos clientes.
Ø A estratégia de focalização é aquela que a empresa deverá buscar
caso não consiga liderança de custos ou diferenciação da
concorrência.
Estratégia Competitiva
4 As cinco forças competitivas de Porter:
ØA rivalidade entre as empresas concorrentes,
Ø o poder de barganha dos clientes,
Ø o poder de barganha dos fornecedores,
Ø a ameaça de novos entrantes potenciais,
Ø e a ameaça de produtos substitutos.
Estratégia Competitiva
Ø Definida a posição competitiva da empresa, pode-se então
passar ao detalhamento das estratégias funcionais
adequadas ao atendimento desta questão.
Estratégia
Funcional
Marketing Estratégia
Funcional
Produção
Estratégia
Funcional
Finanças
Estratégia Competitiva
Unidade de Negócio A
Estratégia de Produção
Ø Definição de um conjunto de políticas, da função Produção, que dá
sustento à posição competitiva da unidade de negócios da empresa.
Prioridades dos
Critérios de 
Desempenho
Áreas
de Decisões
Políticas
da
Produção
Estratégia
de
Produção
Critérios Estratégicos da Produção
Ø O objetivo é fornecer à empresa um conjunto de
características produtivas que dêem suporte à obtenção de
vantagens competitivas de longo prazo.
ü Estes critérios deverão refletir as necessidades dos clientes
que se buscam atingir para um determinado produto de
maneira a mantê-los fieis à empresa.
ü Principais Critérios:
Ø Custo = Produzir bens/serviços a um custo mais baixo do que a
concorrência.
Ø Qualidade = Produzir bens/serviços com desempenho de
qualidade melhor que a concorrência.
Ø Desempenho de Entrega = Ter confiabilidade e velocidade nos
prazos de entrega dos bens/serviços melhores que a
concorrência
Ø Flexibilidade = Ser capaz de reagir de forma rápida a eventos
repentinos e inesperados.
ü Outros: Inovatividade e não agressão ao meio ambiente.
Critérios Estratégicos da Produção
Áreas de Decisão na Produção
Ø As políticas definidas para cada área do sistema de produção
orientam a operação e evolução deste sistema.
Ø Instalações = Qual a localização geográfica, tamanho, volume e mix de
produção, que grau de especialização, arranjo físico e forma de
manutenção.
Ø Capacidade de Produção = Que nível, como obtê-la e como
incrementá-la.
Ø Tecnologia = Quais equipamentos e sistemas, com que grau de
automação e flexibilidade, como atualizá-la e disseminá-la.
Ø Integração Vertical = O que a empresa irá produzir internamente, o
que irá comprar de terceiros, e qual política implementar com
fornecedores.
Áreas de Decisão na Produção
Ø Organização = Qual a estrutura organizacional, nível de centralização,
formas de comunicação e controles das atividades.
Ø Recursos Humanos = Como recrutar, selecionar, contratar,
desenvolver, avaliar, motivar e remunerar a mão-de-obra.
Ø Qualidade = Atribuição de responsabilidades, que controles, normas e
ferramentas de decisões empregar, quais os padrões e formas de
comparação.
Ø Planejamento e Controle da Produção = Que sistema de PCP
empregar, que política de compras e estoques, que nível de
informatização das informações, que ritmo de produção manter e
formas de controles.
Ø Novos Produtos = Com que freqüência lançar, como desenvolver e
qual a relação entre produtos e processos.
Dinâmica da Estratégia de 
Produção
Ø As decisões estratégicas devem ser entendidas como um processo
dinâmico, sofrendo alterações conforme o mercado e a
concorrência forem se posicionando.
Posição Competitiva
Prioridades entre os critérios
de desempenho e políticas
de produção desejáveis
Estratégia de Produção atual
Alternativas de
Posições Competitivas
F
u
t
u
r
o
E
v
o
l
u
ç
ã
o
22
Dinâmica da Estratégia de Produção 
- Eficácia dos Sistemas Produtivos -
Demanda
Sistemas de Produção
Contínuos/Em Massa Repetitivo em Lotes Sob Encomenda
Grande Volume
Baixa Variedade Eficaz
Custos Variáveis 
Altos
Custos Variáveis 
Altos
Médio Volume
Média Variedade
Custos 
Fixos/Estoques 
Altos
Eficaz Custos Variáveis Altos
Pequeno Volume
Grande Variedade
Custos 
Fixos/Estoques 
Altos
Custos 
Fixos/Estoques 
Altos
Eficaz
A filosofia JIT/TQC
O Passado...
A filosofia JIT/TQC
O Passado...
A filosofia JIT/TQC
O Passado...
A filosofia JIT/TQC
Filosofia JIT/TQC
• Satisfazer as necessidades do cliente
• Eliminar desperdícios
• Melhorar continuamente
• Envolver totalmente as pessoas
• Organização e visibilidade
JIT TQC
Produção focalizada;
Produção puxada;
Nivelamento da produção;
Redução de leadtimes;
Fabricação de pequenos lotes;
Redução de setups;
Manutenção preventiva;
Polivalência;
Integração interna e externa;
etc.
Produção orientada pelo cliente;
Lucro pelo domínio da qualidade;
Priorizar as ações;
Agir com base em fatos;
Controle do processo;
Responsabilidade na fonte;
Controle a montante;
Operações a prova de falha;
Padronização;
etc.
A Mudança...