Instalações Elétricas - NBR 14039(2005) - Instalações Elétricas De Média Tensão De 1 0 kV A 36 2 kV - Comentada
241 pág.

Instalações Elétricas - NBR 14039(2005) - Instalações Elétricas De Média Tensão De 1 0 kV A 36 2 kV - Comentada

Disciplina:INSTALAÇÕES ELÉTRICAS722 materiais10.419 seguidores
Pré-visualização50 páginas
COMENTÁRIO 6.1.3.2.1.C

As indicações dos graus de proteção contra as influências externas, apresentadas na tabela 24,
servem para a escolha adequada dos componentes da instalação. Logo, devem ser previstas pela
norma particular do componente correspondente.

Na falta de normas particulares para um componente, essa tabela pode ser utilizada como referência.
A norma NBR 6146 ou a IEC 60529 deve servir de guia para a aplicação, pois esta norma é utilizada
como base para o desenvolvimento e revisão das normas específicas.

Pode-se também obter o grau de proteção adequado às influências externas através de uma proteção
complementar, que consiste em reconstituir em torno do componente as suas condições normais de
serviço, utilizando, por exemplo, dispositivos de aquecimento, ventilação, desumidificação,
pressurização, etc..

Voltar para a Norma

NBR 14039:2005 - Edição Comentada

Copyright 1995/2004 – Target Engenharia e Consultoria S/C Ltda. Todos os direitos reservados. Proibida reprodução total ou parcial.

Av. Alfredo Egidio de Souza Aranha, 75 – 2º andar – CEP: 04726-170 – São Paulo – SP - Tel.: (11) 5641-4655 – Fax: (11) 5641-4750
Site: www.target.com.br E-mail: target@itarget.com.br

Voltar para a Norma

ITEM DA NORMA

Tabela 24 - Características dos componentes da instalação em função das influências externas
Código Influências externas Características exigidas para seleção e

instalação dos componentes
A - Condições ambientais (4.3.1)

AA Temperatura ambiente (4.3.1.1)

COMENTÁRIO T24.AA.C

Em instalações exteriores e interiores, correspondendo às condições AA4 e AA5, mesmo em
condições normais podem ser necessárias precauções particulares, como por exemplo, lubrificação
especial, se o material não é previsto para funcionar nestas condições.

Deve ser dada uma atenção particular aos fenômenos de condensação, dependendo de sua
freqüência.

Voltar para a Norma

NBR 14039:2005 - Edição Comentada

Copyright 1995/2004 – Target Engenharia e Consultoria S/C Ltda. Todos os direitos reservados. Proibida reprodução total ou parcial.

Av. Alfredo Egidio de Souza Aranha, 75 – 2º andar – CEP: 04726-170 – São Paulo – SP - Tel.: (11) 5641-4655 – Fax: (11) 5641-4750
Site: www.target.com.br E-mail: target@itarget.com.br

Voltar para a Norma

ITEM DA NORMA

Tabela 24 - Características dos componentes da instalação em função das influências externas
Código Influências externas Características exigidas para seleção e

instalação dos componentes
A - Condições ambientais (4.3.1)

AC Altitude (4.3.1.2)

COMENTÁRIO T24.AC.C

Para determinados equipamentos, as altitudes compreendidas entre 1000 m e 4000 m, a tensão
nominal, o nível de isolamento nominal e a corrente nominal podem ser modificados utilizando-se, por
exemplo, fatores de correção apropriados, fornecidos pelo fabricante do equipamento.

Voltar para a Norma

NBR 14039:2005 - Edição Comentada

Copyright 1995/2004 – Target Engenharia e Consultoria S/C Ltda. Todos os direitos reservados. Proibida reprodução total ou parcial.

Av. Alfredo Egidio de Souza Aranha, 75 – 2º andar – CEP: 04726-170 – São Paulo – SP - Tel.: (11) 5641-4655 – Fax: (11) 5641-4750
Site: www.target.com.br E-mail: target@itarget.com.br

Voltar para a Norma

ITEM DA NORMA

Tabela 24 - Características dos componentes da instalação em função das influências externas
Código Influências externas Características exigidas para seleção e

instalação dos componentes
A - Condições ambientais (4.3.1)

AD Presença de água (4.3.1.3)

COMENTÁRIO T24.AD.C

Os diferentes graus de proteção correspondem aos ensaios cujas modalidades são definidas pela
norma NBR 6146 (ver anexo C.1)

Voltar para a Norma

NBR 14039:2005 - Edição Comentada

Copyright 1995/2004 – Target Engenharia e Consultoria S/C Ltda. Todos os direitos reservados. Proibida reprodução total ou parcial.

Av. Alfredo Egidio de Souza Aranha, 75 – 2º andar – CEP: 04726-170 – São Paulo – SP - Tel.: (11) 5641-4655 – Fax: (11) 5641-4750
Site: www.target.com.br E-mail: target@itarget.com.br

Voltar para a Norma

ITEM DA NORMA

Tabela 24 - Características dos componentes da instalação em função das influências externas
Código Influências externas Características exigidas para seleção e

instalação dos componentes
A - Condições ambientais (4.3.1)

AE Presença de corpos sólidos (4.3.1.4)

COMENTÁRIO T24.AE.C

Os diferentes graus de proteção correspondem aos ensaios que são definidos pela norma NBR 6146.

Nas condições AE0, a princípio, nenhuma proteção contra a penetração de corpos sólidos é
necessária, e o grau de proteção IP0X é suficiente. Mas, do ponto de vista da proteção contra
choques elétricos por contatos diretos, o grau de proteção é pelo menos igual a IP3X (ver 5.1.1.2.2),
salvo nos locais acessíveis somente a pessoas BA4 e BA5, onde é usada proteção parcial.

No que concerne às condições AE4, o grau IP5X é suficiente se as poeiras que penetram no
componente não atrapalham seu funcionamento. Caso contrário, o grau de proteção deve ser IP6X,
grau de proteção que impõem que as poeiras não devam penetrar no material (ver anexo C.1).

Voltar para a Norma

NBR 14039:2005 - Edição Comentada

Copyright 1995/2004 – Target Engenharia e Consultoria S/C Ltda. Todos os direitos reservados. Proibida reprodução total ou parcial.

Av. Alfredo Egidio de Souza Aranha, 75 – 2º andar – CEP: 04726-170 – São Paulo – SP - Tel.: (11) 5641-4655 – Fax: (11) 5641-4750
Site: www.target.com.br E-mail: target@itarget.com.br

Voltar para a Norma

ITEM DA NORMA

Tabela 24 - Características dos componentes da instalação em função das influências externas
Código Influências externas Características exigidas para seleção e

instalação dos componentes
A - Condições ambientais (4.3.1)

AF Presença de substâncias corrosivas
ou poluentes (4.3.1.5)

COMENTÁRIO T24.AF.C

Nas condições AF3, devem ser utilizados, a princípio, componentes que satisfaçam a um ensaio de
proteção contra a corrosão. Por exemplo: os cabos são submetidos a ensaios em acido clorídrico, à
soda cáustica e ao óleo mineral. Nesta condição, as caixas em material ferroso não protegidas ou em
borracha natural não são adequadas.

Nas condições AF4, a proteção é determinada segundo a natureza dos agentes químicos. A proteção
pode ser assegurada por pinturas especiais, revestimentos ou tratamentos de superfície apropriados.

Nas condições AF4 e AF3, em regiões vizinhas da orla marítima, o componente deve satisfazer um
ensaio em neblina salina (maresia). Não existe norma brasileira que define os ensaios. Porém, há
uma norma francesa, a NFC 20 611, que pode ser utilizada como referência.

De modo geral, a isolação externa dos componentes deve ser adequada para suportar os efeitos da
poluição. O comportamento destas isolações pode ser verificado pelos ensaios descritos nas normas
IEC 60507 e IEC/TR 60815. No caso específico de isoladores, há uma norma brasileira que define os
ensaios, que é a NBR10621.

Voltar para a Norma

NBR 14039:2005 - Edição Comentada

Copyright 1995/2004 – Target Engenharia e Consultoria S/C Ltda. Todos os direitos reservados. Proibida reprodução total ou parcial.

Av. Alfredo Egidio de Souza Aranha, 75 – 2º andar – CEP: 04726-170 – São Paulo – SP - Tel.: (11) 5641-4655 – Fax: (11) 5641-4750
Site: www.target.com.br E-mail: target@itarget.com.br

Voltar para a Norma

ITEM DA NORMA

Tabela 24 - Características dos componentes da instalação em função das influências externas
Código Influências externas Características exigidas para seleção e

instalação dos componentes
A - Condições ambientais (4.3.1)

AG Choques mecânicos (4.3.1.6)

COMENTÁRIO T24.AG.C

Os diferentes graus de proteção contra impacto mecânico (código IK) são definidos pela norma
IEC 62262, pois ainda não há norma brasileira. Os componentes devem ter o seu código IK de acordo
com o grau de choque
Edilson Toshio Ito fez um comentário
  • Não amigo está correto. É a de 2005. Veja Emenda 1 e prefácio. pág.239 ao final do pdf.
    0 aprovações
    boateng fez um comentário
  • ta errado essa porra, nao é de 2005 e sim de 2003
    0 aprovações
    Carregar mais