TRANSCRICAO_DE_CLINICA_DE_PEQUENOS_II_DO_DIA_23-02-2011
16 pág.

TRANSCRICAO_DE_CLINICA_DE_PEQUENOS_II_DO_DIA_23-02-2011

Disciplina:Clínica Médica de Mamíferos de Pequeno Porte15 materiais49 seguidores
Pré-visualização7 páginas
alto e mia o tempo inteiro, o tempo todo um miado de angustia e um olhar angustiante, que no inicio o proprietário não percebe, o gato não suporta o sol, vai buscar lugares mais frios para ficar ao contrario do hipotireoidismo. Poliúria, polifagia, podipsia, também tem na Diabetes e gato faz Diabetes, então tem que fazer diferencial com Diabetes, e a poliúria e a polidipisia, o que também é comum no gato a insuficiência renal. A doença tireoidiana ela leva a uma Disfunção renal, mas nem toda Disfunção renal é por Doença Tireoidiana, tem que ter esse conjunto. Outra queixa, gato com diarréia crônica e com vomito crônico, isso não é um sintoma muito freqüente no hipertireoidismo, mais tem que fazer parte do diagnostico diferencial, a dosagem do hormônio tireoidiano. A gente o gato com diarréia crônica com doença pancreática, com doença intestinal inflamatória, com hipersensibilidade alimentar e tem que colocar no diferencial o hipertireoidismo também assim como o gato com vomito crônico e aí nesse texto ele diz que o vomito é mais comum que a diarréia, e parte da triagem inicial, saber se não é porque é um sinal freqüente ainda mais se for um gato velho.
Exame físico. O que a gente vai notar no exame físico desse animal que o vai juntar as suspeitas? Primeira coisa se a gente está suspeitando do hipertireoidismo o Bócio palpável e no gato tem, aí ele explica direitinho a posição que você tem que fazer, as vezes o que acontece é que você não consegue sentir, você hiperextende demais o pescoço, você não fica na posição. Quando é que você pode palpar e não sentir? Quando ela está muito grande, ela pode cair para dentro da cavidade torácica e você não vai identificar aqui na posição do mediastino. Temperatura desse animal = elevada, pelagem desse animal = feia, seca, ressecada, o pelo cai facilmente, pelo é instável.
Exame cardiovascular, taquicardia, choque de ponta forte, musculatura cardíaca no hipertireoidismo hipertrofia, apresenta uma cardiomiopatia hipertrófica, não todos, alguns gatos que vão apresentar a cardiomiopatia hipertrófica, isso no exame radiográfico é fácil de ver, você tem a taquicardia, o choque de ponta, o som de galope, o sopro, e no Rx o que eles chamam de imagem de coração apaixonado é aquele coração grande e redondinho, sugestivo de cardiomiopatia hipertrófica, não é todo gato com hipertireoidismo que tem isso, nem toda cardiomiopatia hipertrófica é por hipertireoidismo, mas a diferença da cardiomiopatia hipertrófica pelo hipertireoidismo ela é reversível. Quais são os outros sistemas que podem estar acometidos? Coração, respiratório que tem taquipneia compensatória, a dispnéia não é tão marcado. O que leva a poliúria e a polidipsia ? metabolismo aumentado, pode ser isso e tem duas coisas mais importantes aqui, você tem comprometimento renal e o potássio está baixo, você tem hipocalemia, e você tem menor concentração na medular do rim, menos absorção de água, isso seriam as causas que levariam a poliúria e a polidipsia.