A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
5 pág.
Processo Legislativo apol 1 100

Pré-visualização | Página 1 de 2

JANINE LANDGRAF SANTOS NORONHA - RU: 3071691 
Nota: 100 
PROTOCOLO: 20210719307169143D6DE3
Disciplina(s): 
Processo Legislativo
	Data de início: 
	19/07/2021 20:16 
	Prazo máximo entrega:
	- 
	Data de entrega:
	19/07/2021 20:44 
Atenção. Este gabarito é para uso exclusivo do aluno e não deve ser publicado ou compartilhado em redes sociais ou grupo de mensagens.
O seu compartilhamento infringe as políticas do Centro Universitário UNINTER e poderá implicar sanções disciplinares, com possibilidade de desligamento do quadro de alunos do Centro Universitário, bem como responder ações judiciais no âmbito cível e criminal. 
Questão 1/10 - Processo Legislativo
"Deputados custam R$ 1 bilhão por ano ao contribuinte 
Além do salário de R$ 33,7 mil, parlamentares têm direito a ajuda de custo, cotão, auxílio-moradia e verba de gabinete para contratar até 25 funcionários. [...]
Por Congresso em Foco Em 01 mar, 2016 - 8:45 Última Atualização 23 mar, 2018 - 10:11 
Salário de R$ 33.763, auxílio-moradia de R$ 4.253 ou apartamento de graça para morar, verba de R$ 101,9 mil para contratar até 25 funcionários, de R$ 30.788,66 a R$ 45.612,53 por mês para gastar com alimentação, aluguel de veículo e escritório, divulgação do mandato, entre outras despesas. Dois salários no primeiro e no último mês da legislatura como ajuda de custo, ressarcimento de gastos com médicos. Esses são os principais benefícios de um deputado federal brasileiro, que somam R$ 179 mil por mês. Juntos, os 513 custam, em média, R$ 91,8 milhões ao contribuinte todo mês. Ou R$ 1,1 bilhão por ano. Os dados são de levantamento do Congresso em Foco com base nos valores atualizados dos benefícios dos parlamentares na Câmara. [...]"
Fonte: CONGRESSO EM FOCO. Deputados custam R$ 1 bilhão por ano ao contribuinte. 23 mar. 2019. Disponível em: <https://congressoemfoco.uol.com.br/especial/noticias/lista-todos-os-salarios-e-beneficios-de-um-deputado>. Acesso em: 20 maio 2019.
Sobre o número de deputados federais, é correto afirmar:
Nota: 10.0
	
	A
	São 11 por unidade federativa, salvo quando editada lei complementar no ano anterior especificando número diverso.
	
	B
	É de 500 no Brasil, sendo igualmente repartido entre as 27 unidades federadas.
	
	C
	Ele é definido por unidade federada e estabelecido em lei complementar no ano anterior ao das eleições.
Você acertou!
O número de deputados federais é definido por unidade federada e estabelecido em lei complementar no ano anterior ao das eleições. 
Referência: BERNARDI, Jorge. O Processo Legislativo Brasileiro. Curitiba: InterSaberes, 2012. p. 44.
	
	D
	É de 513 no Brasil, sendo igualmente repartido entre as 27 unidades federadas.
	
	E
	São 11 por unidade federativa, exceto no Distrito Federal, representado apenas por senadores.
Questão 2/10 - Processo Legislativo– Vimos na aula 2 de Processo Legislativo que as competências dos entes podem ser administrativas, legislativas e tributárias. Podemos definir competência como a faculdade de agir em determinados assuntos. (Rota de aprendizagem da aula 2).
Conforme os estudos realizados na disciplina de Processo Legislativo, acerca da competência legislativa municipal, assinale a alternativa correta:
Nota: 10.0
	
	A
	Compete aos municípios legislar sobre a capacidade jurídica dos governadores. 
	
	B
	Compete aos municípios legislar acerca do imposto sobre a propriedade de veículos automotores.
	
	C
	Compete aos municípios legislar sobre qualquer matéria de ordem tributária.
	
	D
	Compete aos municípios criar a Constituição Municipal.
	
	E
	Compete aos municípios legislar sobre Educação infantil e Ensino Fundamental.
Você acertou!
Conforme a explicação do prof. Jorge Bernardi na aula 2 de Processo Legislativo, são competências municipais:
· Legislar assuntos locais; 
· Suplementar legislação federal e estadual; 
· Instituir e arrecadar tributos; 
· Prestar serviços públicos; 
· Educação infantil e Ensino Fundamental. 
Fonte: Rota de aprendizagem da aula 2, slides e videoaula.
Questão 3/10 - Processo Legislativo
– Nos estudos da disciplina, entendemos que a Constituição Federal pode receber alterações e acréscimos, havendo normas a serem seguidas para tanto. (Rota de aprendizagem da aula 2)
O que significa “emendar a Constituição”? Marque a alternativa que responde corretamente à questão e que esteja de acordo com os conceitos abordados na aula 2 da disciplina de Processo Legislativo:
Nota: 10.0
	
	A
	Significa alterar as leis que não sejam compatíveis com a Constituição.
	
	B
	Significa alterar a Carta Magna, desde que em matérias que não afetem as cláusulas pétreas.
Você acertou!
Emendar a Constituição significa alterar a Carta Magna, ato que não pode afetar as cláusulas pétreas. Algumas alternativas trazem exemplos de matérias que podem ser tratadas em emenda constitucional, porém, não trazem o significado.
 
Fonte: Rota de aprendizagem da aula 2, slides e videoaula.
	
	C
	Significa produzir uma mudança sobre a forma pela qual uma pessoa pode se divorciar.
	
	D
	Significa estabelecer uma nova regra constitucional a respeito de como votar.
	
	E
	Significa estabelecer uma nova norma constitucional sobre a maioridade penal ou outra matéria de cunho criminal.
Questão 4/10 - Processo Legislativo
– Estudamos na aula 2 que “Competência” é a faculdade de agir em determinados assuntos, de tal forma que a competência dos entes possui suas próprias peculiaridades. (Rota de aprendizagem da aula 2 - slides)
Acerca da competência na federação, com base nos estudos realizados na disciplina de Processo Legislativo, assinale a alternativa correta:
Nota: 10.0
	
	A
	Na federação, a competência é centralizada e há dependência entre os entes federados.
	
	B
	Na federação, a soberania é exercida apenas pelo Presidente da República. 
	
	C
	Na federação, cada ente federado exerce sua porção de poder governamental, conforme lhe compete.
Você acertou!
Cada ente federado exerce sua porção de poder governamental, conforme lhe compete. A competência de cada um é definida na Constituição Federal. Os estados e municípios são autônomos e possuem suas próprias competências, mas apenas a União é soberana.
 
Fonte: Rota de aprendizagem da aula 2, slides e videoaula.
	
	D
	Na federação, cada ente deve definir as suas próprias competências, em decorrência do pacto federativo.
	
	E
	Na federação, a competência pode ser relativizada, em razão da proteção à soberania estatal.
Questão 5/10 - Processo Legislativo
– Nos explica o prof. Jorge Bernardi na aula 2: “Lei é um preceito imperativo. Não se trata de um simples enunciado, proposição ou conselho, mas de uma ordem ou comando obrigatório”. (Rota de aprendizagem da aula 2).
Conforme estudamos na aula 2 de Processo Legislativo, sobre a validade da lei, segundo Habermas e sua teoria acerca do Princípio da universalidade da lei, marque a alternativa correta:
Nota: 10.0
	
	A
	A validade da lei decorre da vontade divina, sendo decorrente do Direito natural, independentemente de ser escrita.
	
	B
	A validade da lei decorre unicamente da justiça e pode ser considerada a arte do justo.
	
	C
	A validade da lei decorre de um consenso válido e legítimo.
Você acertou!
Segundo Habermas, a lei válida decorre de um consenso válido e legítimo, não apenas da vontade de uma maioria (democracia discursiva). Os efeitos da lei devem ser suportados por todos. Habermas também fala do Princípio da universalidade da lei.
Fonte: Rota de aprendizagem da aula 2, slides e videoaula.
	
	D
	A validade da lei decorre do jus naturalis, conforme os filósofos sofistas e romanos já haviam preceituado.
	
	E
	A validade da lei independe de qualquer pacto social, bastando nascer de um órgão parlamentar.
Questão 6/10 - Processo Legislativo
O poder legislativo foi afetado pela Constituição de 1967 e pela sua emenda constitucional de 1969 (que alguns consideram como uma nova Constituição), sob a égide do Ato Institucional nº 5 (AI-5), decretado pelo regime militar. (autoria própria).
Sobre essa época e sua influência no poder legislativo, assinale a alternativa

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.