2.2_AULA +_INTRODUÇÃO AO ESTUDO DO DIREITO

2.2_AULA +_INTRODUÇÃO AO ESTUDO DO DIREITO


DisciplinaIntrodução ao Direito I86.671 materiais502.748 seguidores
Pré-visualização1 página
*
*
*
INTRODUÇÃO AO ESTUDO DO DIREITO
AULA 2
*
*
SEMANA 03
AULA 01 \u2013 CONCEITOS JURÍDICOS FUNDAMENTAIS
 
*
*
CONTEÚDO
1 - DIVISÕES DO DIREITO
 1.1 Direito Natural e Direito Positivo.
 1.2 Direito Objetivo e Direito subjetivo.
*
*
Nossos objetivos nesse encontro
 
AULA 1
AULA 2
Identificar as distinções entre direito natural e direito positivo.
\u2022	Compreender os conceitos de direito objetivo e direito subjetivo.
\u2022	Reconhecer e distinguir as diversas teorias relativas à natureza do direito subjetivo.
*
*
Direito possui várias divisões e sub-divisões. A primeira grande divisão que pode ser apresentada para o Direito é a que classifica em Direito Natural e Direito Positivo.
AULA 1
AULA 2
*
*
DIREITO NATURAL
Moral
O direito natural deriva da essência de algo imaterial, ou divino; Para os chamados jusnaturalistas (adeptos dessa teoria do direito ) a fonte do Direito natural se origina da natureza, dos deuses ou de Deus, ou do pensamento racional do ser humano. 
*
*
DIREITO NATURAL
Há a suposição da existência de certos princípios como uma idéia superior de Justiça, aos quais os homens não se podem contrapor. 
No direito natural, as normas não são escritas, são de conhecimento com base na moral e no bom senso 
*
AULA 1
Direito Natural
É o ordenamento ideal, correspondente a uma justiça superior e suprema.
O direito natural, portanto, é um conjunto de normas cuja observância é necessária, mas insuficiente para garantir a justiça na convivência humana. 
*
AULA 1
DIREITO NATURAL
O DIREITO NATURAL não depende, para a sua existência, de qualquer convenção, positividade. É algo que existe naturalmente, podendo ser realizado das mais variadas formas possíveis. Tem a mesma eficácia em toda parte, prescrevendo ações cujo valor não depende do juízo que sobre elas tenha o sujeito, tendo existência independente do fato de parecerem boas a alguns e más a outros.
*
*
DIREITO POSITIVO
É o ordenamento jurídico (conjunto de normas jurídicas) em vigor num determinado país e numa determinada época. (Washington de Barros Monteiro)
*
*
DIREITO POSITIVO
O direito positivo, assim criado, é fruto da vontade soberana da sociedade, que deve impor a todos os cidadãos normas voltadas para a assegurar às relações interpessoais a ordem e a estabilidade necessárias para a construção de uma sociedade justa. 
*
*
DIREITO NATURAL E DIREITO POSITIVO
As primeiras noções de Direito Natural e Direito Positivo surgem na Antiguidade, principalmente com os estudos do filósofo Aristóteles, que definiu as concepções de justo legal (díkaion nomikón) e de justo natural (díkaion physikón). 
O primeiro é constituído por disposições criadas pelos cidadãos da pólis, com vigência definida por um órgão legislativo. Escolhe-se uma conduta como modelo, dentre várias possíveis, sendo, a partir deste momento, convencionada a obrigatoriedade de adequação dos cidadãos a tal padrão de comportamento, sob pena de infringência da ordem estabelecida e conseqüente aplicação de pena.
*
*
Diferenças entre Direito Natural e Direito Positivo
*
*
Diferenças entre Direito Natural e Direito Positivo
*
*
Diferenças entre Direito Natural e Direito Positivo
*
*
Diferenças entre Direito Natural e Direito Positivo
*
*
Leitura para a próxima aula
Nome do livro: Introdução ao estudo do direito.
Nome do autor: NADER, Paulo.
Editora: Rio de Janeiro:Forense	
Ano: 2008.
Edição: 30. ed. rev. e ampl.
Nome do capítulo: Capítulo X \u2013 A divisão do direito positivo
N. de páginas do capítulo: 8 
Nome do capítulo: Capítulo XII \u2013 Segurança jurídica
N. de páginas do capítulo: 10