Aula geriatria - Fisiolog Envelhecim PDF
5 pág.

Aula geriatria - Fisiolog Envelhecim PDF


DisciplinaFisioterapia12.574 materiais47.509 seguidores
Pré-visualização2 páginas
26/03/2012
1
Fisioterapia aplicada à Geriatria
Profa. Alyne Severiano
alyneseveriano@hotmail.com
Fisiologia do 
Envelhecimento
Velhice x EnvelhecimentoVelhice x EnvelhecimentoVelhice x EnvelhecimentoVelhice x EnvelhecimentoVelhice x EnvelhecimentoVelhice x EnvelhecimentoVelhice x EnvelhecimentoVelhice x Envelhecimento
\ufffd Velhice \ufffd Envelhecimento
De acordo com a 
Organização Mundial
da Saúde e o Estatuto 
do Idoso é a fase da 
vida compreendida 
entre os 60 anos e a 
morte.
É um processo complexo 
iniciado em nossa 
concepção, perfazendo 
todo o ciclo da vida e 
finalizando com a morte. 
Sua definição depende 
da combinação de três 
tipos de envelhecimento: 
o cronológico, o biológico 
e o social.
Incapacidade
Infância Adulto Velhice
Envelhecimento Saudável
Envelhecimento Patológico
Envelhecimento Saudável 
X 
Envelhecimento Patológico
 
 
INSUFICIÊNCIA 
CARDIOVASCULAR 
Disfunção de bomba \u2022 ICC 
 
 
Disfunção perfusional 
\u2022 Insuficiência coronariana 
\u2022 Insuficiência vascular periférica 
\u2022 Estenose carotídea 
\u2022 Aneurisma abdominal 
 
 Disfunção elétrica \u2022 Bloqueio de condução 
\u2022 Fibrilação atrial e arritmias ventriculares 
 
 
INSUFICIÊNCIA 
OSTEOMUSCULAR 
Osso \u2022 Fratura (osteoporose) 
Articulação \u2022 Osteoartrose 
Músculo \u2022 Polimialgia reumática (arterite temporal) 
 
INSUFICIÊNCIA 
RESPIRATÓRIA 
 
\u2022 DPOC 
\u2022 Pneumonia 
 
INSUFICIÊNCIA 
GÊNITO-URINÁRIA 
 
\u2022 Incontinência urinária 
\u2022 Insuficiência renal 
\u2022 Infecção urinária 
 
INSUFICIÊNCIA 
ENDÓCRINA 
\u2022 Diabetes mellitus 
\u2022 Hipotireoidismo 
 
 
INSUFICIÊNCIA 
VISUAL 
\u2022 Catarata 
\u2022 Glaucoma 
\u2022 Degeneração senil 
 
INSUFICIÊNCIA 
AUDITIVA 
\u2022 Surdez de condução (rolha de cerumen) 
\u2022 Perda neurosensorial 
 
Aspectos Orgânicos do 
Envelhecimento
\ufffd\ufffd Pele e anexosPele e anexos
\ufffd\ufffd Sistema MúsculoSistema Músculo--esqueléticoesquelético
\ufffd\ufffd Sistema CardiovascularSistema Cardiovascular
\ufffd\ufffd Sistema RespiratórioSistema Respiratório
\ufffd\ufffd Sistema NervosoSistema Nervoso
\ufffd\ufffd Sistema Sistema DigestórioDigestório
\ufffd\ufffd Sistema GastrointestinalSistema Gastrointestinal
\ufffd\ufffd Sistema Sistema GenitourinárioGenitourinário
\ufffd\ufffd Alt. Funções: Oral, Oftálmica e AuditivaAlt. Funções: Oral, Oftálmica e Auditiva
Pele e AnexosPele e AnexosPele e AnexosPele e AnexosPele e AnexosPele e AnexosPele e AnexosPele e Anexos
PelePelePelePele: : : : -Perda da elasticidade e hidratação;
- Aparição de rugas;
- Atrofia das glândulas sudoríparas e sebáceas;
-Menor vascularização com maior tempo de 
cicatrização;
- Palidez aumento de manchas cutâneas.
CabelosCabelosCabelosCabelos::::---- Diminuição da velocidade de crescimento;
- Perda de coloração;
- Aumento do pelo facial no rosto das mulheres e 
orelhas dos homens;
- Redução dos pelos pubianos
UnhasUnhasUnhasUnhas: - Crescimento mais lento;
- Fragilidade e dureza, sobretudo nos pés;
- Estrias longitudinais.
26/03/2012
2
Sistema MúsculoSistema MúsculoSistema MúsculoSistema MúsculoSistema MúsculoSistema MúsculoSistema MúsculoSistema Músculo--------esqueléticoesqueléticoesqueléticoesqueléticoesqueléticoesqueléticoesqueléticoesquelético
\ufffd Fibras Musculares: Diminuem com a idade (cerca de 50% 
acima de 80 anos);
\ufffd Fibras Elásticas: Perdem elasticidade, sofrem fragmentação, 
desgaste e calcificações;
\ufffd Massa óssea: Diminuem após a terceira década de vida (+ 
acentuado após menopausa). 
\ufffd Cartilagens, tendões e ligamentos: rígidos
e espessos.
\ufffd\ufffd Perda da estatura: 1cm por décadaPerda da estatura: 1cm por década
ANTROPOMETRIAANTROPOMETRIA
Rev Bras Reumatol, v. 46, n.6, p. 391-397, nov/dez, 2006
Sistema CardiovascularSistema CardiovascularSistema CardiovascularSistema CardiovascularSistema CardiovascularSistema CardiovascularSistema CardiovascularSistema Cardiovascular
\ufffd Valvas: espessadas e calcificadas.
\ufffd FC: Diminuição em repouso 
\ufffd Vasos: Aumento do componente colágeno e perda do 
componente elástico, ocasionando maior rigidez da parede;
Sistema RespiratórioSistema RespiratórioSistema RespiratórioSistema RespiratórioSistema RespiratórioSistema RespiratórioSistema RespiratórioSistema Respiratório
\ufffd \u2193 o peso e volume dos pulmões
\ufffd Redução da expansibilidade da Caixa Torácica
\ufffd \u2193Elasticidade Pulmonar
\ufffd \u2193 Volume Residual
\ufffd \u2193 Reflexo de Tosse
\ufffd Diafragma enfraquece até 25%
Sistema NervosoSistema NervosoSistema NervosoSistema NervosoSistema NervosoSistema NervosoSistema NervosoSistema Nervoso
\ufffd Número de Neurônios: reduzido principalmente 
no córtex cerebral
\ufffd \u2193 Liberação de Neurotransmissores: Diminuição 
das sinapses nervosas
\ufffd Diminuição da Condução Nervosa
\ufffd Menor sensibilidade de receptores cutâneos, 
térmicos e táteis.
\ufffd \u2193 sensibilidade
Repercussões Clínicas: Memória, Atenção, Repercussões Clínicas: Memória, Atenção, Repercussões Clínicas: Memória, Atenção, Repercussões Clínicas: Memória, Atenção, 
EquilibrioEquilibrioEquilibrioEquilibrio, Linguagem!, Linguagem!, Linguagem!, Linguagem!
26/03/2012
3
Impacto de eventosImpacto de eventos
externos e deterioração cerebralexternos e deterioração cerebral
\u2022 Atenção e cuidado com:
\u2013 Estresse;
\u2013 Hipertensão;
\u2013 Alterações Metabólicas;
\u2013 Tabagismo;
\u2013 Traumatismo de crânio
\u2013 Exposição a substâncias tóxicas.
Sistema Sistema Sistema Sistema Sistema Sistema Sistema Sistema DigestórioDigestórioDigestórioDigestórioDigestórioDigestórioDigestórioDigestório
\ufffd AnatômicaAnatômicaAnatômicaAnatômica
- Desidratação das 
gengivas;
- \u2193 na produção de saliva;
- Atrofia da mucosa 
gástrica;
- \u2193 do tônus muscular na 
parede abdominal;
- Diminuição do fígado;
- Atrofia do intestino 
grosso.
\ufffd Funcional Funcional Funcional Funcional 
- Dificuldade de 
mastigação;
- Redução na diluição 
do alimento;
- Redução na 
produção de ácido 
clorídrico;
- Redução da 
motilidade gástrica
Sistema GastrointestinalSistema GastrointestinalSistema GastrointestinalSistema GastrointestinalSistema GastrointestinalSistema GastrointestinalSistema GastrointestinalSistema Gastrointestinal
Alt. FuncionaisAlt. FuncionaisAlt. FuncionaisAlt. Funcionais Repercussões ClínicasRepercussões ClínicasRepercussões ClínicasRepercussões Clínicas
\u2193 trânsito intestinal
(idoso saudável até 5 dias)
Constipação intestinal
\u2193 Motilidade esofageana Engasgos ocasionais
\u2193 Acidez gástrica Deficiência absorção Ferro
\u2193 Mucosa gástrica Maior susceptibilidade a irritaçao
pelo AINE
Sistema Sistema Sistema Sistema Sistema Sistema Sistema Sistema GenitoGenitoGenitoGenitoGenitoGenitoGenitoGenito--------urináriourináriourináriourináriourináriourináriourináriourinário
Proposta de TratamentoProposta de Tratamento
Tratamento 
Médico
Atuação 
Multidisciplinar
Tratamento Psicoterapêutico
Tratamento 
Fisioterapêutico
Atuação Multidisciplinar
Adaptação/ Modificação Ambiente
Modificação das Interações Sociais
Reabilitação 
Neuropsicológica Intervenção 
comportamental
Reabilitação 
Cognitiva
26/03/2012
4
Avaliação Fisioterapêutica
- Plano de tratamento:
- Evolução da doença;
- Adaptada para cada 
pacte;
- Participação de 
membro da família 
na avaliação.
KAUFFMAN (2001)KAUFFMAN (2001)KAUFFMAN (2001)KAUFFMAN (2001)
Avaliação Avaliação FisioterapêuticaFisioterapêutica
\u2022 Avaliação na Fase Inicial
-Força muscular
-Goniometria
-Avaliação da postura e 
equilíbrio
-Coordenação
-Ritmo
-Análise da marcha
-Avaliação respiratória
Avaliação Avaliação FisioterapêuticaFisioterapêutica
\ufffd Avaliação na Fase Intermediária
- Funcionalidade (mudanças de decúbito)
- Movimentos finos
Dependendo do nível de comprometimento, a 
avaliação poderá limitar-se a movimentação 
passiva, à história clinica do paciente, e a 
observação de suas AVD`s. 
Avaliação Avaliação FisioterapêuticaFisioterapêutica
\ufffd Avaliação na Fase Avançada
- Mobilização passiva
- Avaliação respiratória
*Explorar formas de comunicação com o pacte;
*Dependendo do estágio da doença, o pacte não é
capaz de referir com seguranças suas
capacidades e incapacidades (mudança de posturas)
KAUFFMAN (2001); PICKLES (2000); KAUFFMAN (2001); PICKLES (2000); KAUFFMAN (2001); PICKLES (2000);