Resumo G2 Intro a eco
1 pág.

Resumo G2 Intro a eco


DisciplinaFundamentos da Economia14.901 materiais178.177 seguidores
Pré-visualização1 página
INTRODUCAO A ECONOMIA p2
Teoria dos jogos= quando ninguém pode melhorar situação final, há um equilíbrio
Juros caem= rendimentos atrelados à taxa selic também caem. Outros investimentos como em fábricas, etc. tendem a subir, uma vez que o crédito bancário está mais acessível
PIB Nominal= Preço*quantidade
PIB Real= Quantidade ano 2* Preço ano 
Quantidade ano 2* Preço ano1 \u2013 PIB Nominal do ano 1/ PIB Nominal ano 1
Investimento= s= poupança
Privada + exterior (entrada de capitais)+ poupança do gov
Comparação de riqueza ao longo dos anos= PIB real per capita
Número de anos até que renda per capita sobre= 70/ taxa de crescimento do PIB real per capita
No longo prazo, somente investimentos em capital físico (prédios, máquinas, etc.) não aumentarão a produtividade se forem mantidos fixos o níveis de educação e tecnologia. É preciso investir em ambos
No mundo moderno, recursos naturais são menos importantes para a riqueza do que capital físico ou capital humano (ex: Japão)
Tê-los é importante, mas não adianta muito se não sabemos maximilizá-los
Também crucial para o crescimento:
Políticas governamentais
Cultura e religião (ex: Weber e protestantismo) 
Infra-estrutura
Educação maior
Investimento estrangeiro
Em Economia ou contabilidade nacional, quando há uma diferença positiva entre receita e despesa na balança comercial de um país, esta passa a ser superavitária, sobrando capital para reinvestir no próprio sistema financeiro
Emprestadores (oferta de empréstimos) e tomadores de empréstimos (demanda) 
Maior gasto do governo= mais títulos do governo sendo comprados (empréstimos)
Demanda por empréstimos se desloca, então taxa de juros sobe e quantidade de empréstimos também
Redução do imposto sobre op fin
Positivo= maior quantidade de empréstimos, taxa de juros menor 
3 objetivos do sistema financeiro= 
reduzir os custos de transação
reduzir o risco financeiro ao diversificar
Prover liquidez aos emprestadores