A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
6 pág.
Direito Administrativo (68)

Pré-visualização | Página 2 de 2

- A conversão da prestação em perdas e danos não extingue a solidariedade. 
 - O credor que tiver remitido (perdoado) a dívida ou recebido o pagamento responde aos outros pela parte 
que lhes caiba (art. 272 nCC).
 - Caso um dos credores faleça, seu crédito passará aos seus herdeiros, sem a solidariedade, exceção para o 
caso de uma obrigação indivisível.
2. 3. 2. REGRAS RELACIONADAS COM A SOLIDARIEDADE PASSIVA. 
 - O credor pode escolher qualquer devedor para o cumprimento da prestação. Poderá exigir e receber de 
um ou de alguns dos devedores, parcial ou totalmente, o valor da dívida comum. Se receber de um dos 
devedores parcialmente, os demais devedores continuam obrigados solidariamente pelo resto, conforme 
prevê o art. 275 do Código Civil atual. 
"Proibida a reprodução total ou parcial, por qualquer meio ou processo, assim como a inclusão em qualquer sistema de processamento de dados. A

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.