A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
9 pág.
Atitudes frente à avaliação psicológica para condutores

Pré-visualização | Página 5 de 5

se produz na área é também um elemento fundamental. É preciso fazer e
divulgar o que se faz. Seria necessário uma publicação especializada na área, como a revista Psicologia e Trânsito.
Esta, lamentavelmente, nasceu e sucumbiu no período aproximado de cinco anos.
Finalmente, embora a avaliação psicológica para condutores exista no país desde a metade do século passado,
caminhamos a passos lentos. A Psicologia do Trânsito tem despertado o interesse de estudiosos em todo o mundo,
e alguns países ibero-americanos,a exemplo da Espanha,começam a construir um campo legítimo de atuação e
pesquisa (COP, 2001). No caso do Brasil, o que se observa é o esforço de pesquisadores isolados, oriundos de
diversas áreas da Psicologia, como a Social (Rozestraten & Pottier, 1984) ou Ambiental (Silva & Günther, 1999).
Seria fundamental organizar um evento cuja meta fosse reunir as contribuições que pudessem dar coerência a esta
área flutuante, a exemplo do que ocorreu há aproximadamente 10 anos na XX Reunião Anual de Psicologia. A
existência de um site (http://psicotran.cjb.net) deve ser algo valorizado neste contexto.
Referências bibliográficas
Alchieri, J. C. (2000, Agosto). Avaliação psicológica no trânsito: Perspectivas da avaliação psicológica. Trabalho
apresentado no V Encontro Mineiro de Avaliação Psicológica, Belo Horizonte, MG [ Links ]
Amaral, A.J.F. (2001a). O processo de habilitação e a direção veicular. Endereço da página da WEB:
http://psicotran.cjb.net/ (Consultado em 12 de Março). [ Links ]
Amaral, A.J.F. (2001b). O tipo A de comportamento no trânsito. Endereço da página da WEB:
http://psicotran.cjb.net/ (Consultado em 12 de Março). [ Links ]
Anon. (1986). Psicologia do transito. Psicologia: Ciência e Profissão, 6, 18-28. [ Links ]
COP. (2001). Psicología del tráfico y de la seguridad. Endereço da Página WEB: http://www.cop.es/perfiles
/contenido/trafico.htm (consultado em 16 de Janeiro). [ Links ]
Davi, J. (1998). Avaliação psicológica: Vitória da Psicologia. Jornal Argumento, 1, 1-8. [ Links ]
Formiga, N.S. & Mello, I. (2000). Testes psicológicos e técnicas projetivas: Uma integração para um
desenvolvimento da interação interpretativa indivíduo-psicólogo. Psicologia: Ciência e Profissão, 20, 8-11.
 [ Links ]
Hoebert, N.A.S., Lima, M.P., Biasi, N., Silva, R., Oliveira, M. & Hoebert, G. A.M. (1985). Desobediência a
sinalização: Observação do comportamento dos indivíduos em quatro tipos de veículos em diferentes situações de
transito. Psicologia e Trânsito, 2, 25-30. [ Links ]
Hoffmann, M.H., Carbonelli, E. & Montoro, L. (1996). Álcool e segurança no trânsito (II): a infração e sua
prevenção. Psicologia: Ciência e Profissão, 16, 2, 25-30. [ Links ]
Index Psi (2001). Base de dados. Endereço da Página WEB: http://indexpsi.puccamp.br/puccamp/bases.htm
(consultado em 5 de Janeiro) [ Links ]
Machado, A. P. (2001). Dirigir não é para qualquer um. Endereço da página WEB: http://psicotran.cjb.net/
(Consultado em 12 de Março). [ Links ]
Mendonça, J.M. (1994). O abuso de drogas e acidentes de trânsito. Informação Psiquiátrica, 13, 72-76.
 [ Links ]
Atitudes frente à avaliação psicológica para condutores: perspectivas de... https://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1414-98932...
7 of 9 04/04/2021 21:50
Notas Internacionais. (2000, 17 de Maio). A morte pede carona. Veja, 20, 58. [ Links ]
Palma Filho, A. (1998). Trânsito: É hora de conscientização. Revista Âmbito Farmacêutico, 149, 5-7. [ Links ]
Pasquali, L. (1999). Instrumentos psicológicos: Manual prático de elaboração. Brasília, DF: LabPAM / IBAPP.
 [ Links ]
Portugal, L.S. & Santos, M.P.S. (1991, Outubro). Trânsito urbano: A violência no seu contexto político. Trabalho
apresentado no 10º Encontro Nacional da Associação Brasileira de Psicologia Social, São Paulo, SP. [ Links ]
Prieto, J. M. & Gouveia, V.V. (1997). Psicología telemática. Em A. Cordero (Ed.), La evaluación psicológica en el año
2000 (pp. 347-378). Madrid: TEA Ediciones. [ Links ]
Rodrigues, A. (1979). Estudos em Psicologia Social. Petrópolis, RJ: Vozes. [ Links ]
Rodrigues, C.F. (2000). Trânsito: Mais educação e mais rigor. Endereço da Página WEB: http://www.oglobo.com.br
/transito/artigo (consultado 28 de Junho). [ Links ]
Rozestraten, R.J.A. (1982). A dependência-independência do campo e o comportamento do motorista em situações
específicas do trânsito. Arquivos Brasileiros de Psicologia, 34, 28-43. [ Links ]
Rozestraten, R.J. A. (1983). A Psicologia do Transito: Sua definição e área de ação. Psicologia e Trânsito, 1, 6-19.
 [ Links ]
Rozestraten, R.J.A. (1984). A contribuição do Dr. Michel Neboit a Psicologia do Trânsito no Brasil. Psicologia e
Trânsito, 1, 39-41. [ Links ]
Rozestraten, R.J.A. (1985). A relação da Psicologia do Trânsito com outras áreas da Psicologia. Psicologia e
Trânsito, 2, 53-64. [ Links ]
Rozestraten, R.J. A. & Pottier, A. (1984). Estudo comparativo das diversas medidas da dependência-independência
do campo e sua relação com a percepção de situações de trânsito. Psicologia e Trânsito, 1, 57-66. [ Links ]
Sbardelini, E. T. B. (1990, Outubro). O uso e a validade dos testes psicológicos aplicados aos motoristas: Formação
do psicólogo para atuar em psicotécnico. Trabalho apresentado na XX Reunião Anual de Psicologia, Ribeirão Preto,
SP. [ Links ]
Silva, A.V. & Günther, H. (1999, Outubro). Comportamentos de motoristas de ônibus: Itinerário urbano,
estressores ocupacionais e estratégias de enfrentamento. Trabalho apresentado no 10º Encontro Nacional da
Associação Brasileira de Psicologia Social, São Paulo, SP. [ Links ]
Vasconcelos, E.A. (1985). O que é trânsito. São Paulo, SP: Editora Brasiliense. [ Links ]
Endereço para correspondência
Valdiney Veloso Gouveia
Universidade Federal da Paraíba
CCHLA – Departamento de Psicologia
58059-900 João Pessoa - PB
Tel.: +55-83-216-7006 / Fax.: +55-83-216-7064
E-mail: vgouveia@cchla.ufpb.br
vvgouveia@uol.com.br
Recebido em 09/04/01
Aprovado em 20/10/01
1 Este teste realiza comparações simultâneas para todas as possíveis combinações de pares de médias dos grupos
tratados. Seus valores são apresentados como uma distribuição amostral F.
All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License
SAF/SUL, Quadra 2, Bloco B
Edifício Via Office, térreo sala 105
70070-600 Brasília - DF - Brasil
Tel.: (55 61) 2109-0100
Atitudes frente à avaliação psicológica para condutores: perspectivas de... https://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1414-98932...
8 of 9 04/04/2021 21:50
revista@cfp.org.br
Atitudes frente à avaliação psicológica para condutores: perspectivas de... https://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1414-98932...
9 of 9 04/04/2021 21:50

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.