A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
11 pág.
ACORDO DE QUOTISTAS

Pré-visualização | Página 1 de 2

1 
 
 
ATIVIDADE INDIVIDUAL 
 
Disciplina: Direito societário 
Aluno: Raiane Muniz Monteiro 
 
 
Matriz de resposta 
 
ALTERAÇÃO CONTRATUAL NÚMERO XX DA XXXXX SOLUÇÕES LTDA 
 
Pelo presente instrumento particular de Alteração Contratual, os abaixo assinados, os sócios 
Srs: 
Sócio “A”, XXXXXXXXXXX, XXXXXX, XXXXXX, XXXXXXX, portador da cédula de 
identidade número XXXXXX, expedido pela SSP/XX, inscrito no CPF sob o número 
XXXXXXX, residente e domiciliada na XXXXXXXXXXXXXX XXXXXXXX XXXX, 
bairro XXXXXXX, XXXXX, XXXXXX – CEP XXXXX, telefone XXXXXXXXX e; 
Sócio “B”, XXXXXXXXXX, XXXXXX, XXXXXXXX, XXXXXXX, portador da cédula 
de identidade número XXXXX SSP/XX, inscrito no CPF sob o número XXXXXXXXXX, 
residente e domiciliado na XXXXXXXXX XXXXXXXXXX XXXXXX, XXXXX, XXXXX 
– CEP XXXXXXX únicos sócios da sociedade empresária limitada “XXXXX SOLUÇÕES 
LTDA”, com sede na XXXXXX XXXXX XXXX XX, bairro XXXXX, CEP XXXXX, 
cidade de XXXXX, XXXX, Telefone XXX XXXXXX com contrato social arquivado na 
Junta Comercial do Estado de XXXXXXX [XXXXXX] sob o Nire nº. XXXXXXX, em 
sessão de XXXXXX e última alteração contratual registrada sob nº XX em sessão de 
XXXXXXXX, inscrita no CNPJ (MF) nº. XXXXXXXXXXXX, resolvem entre si, como de 
fato assentado, na melhor forma de direito e de pleno e comum acordo, alterar o seu 
contrato social para inserção de novo sócio conforme as cláusulas e condições seguintes: 
 
 
 
 
 
 
2 
 
 
 
CLÁUSULA PRIMEIRA – DA INCLUSÃO DE NOVO SÓCIO 
 
1.0 Admissão na sociedade de sócio XXX, brasileiro, empresário, solteiro, nascido em 
XXXXX, portador de célula de identidade n°XXXX, residente e domiciliado a (endereço 
completo). 
2.0 o sócio “C” transfere para o capital social da empresa o valor correspondente a 50% do 
montante existente, em dinheiro na qualidade de titular de quotas preferenciais, sendo esse 
valor referente a XX de cotas sendo cada cota no valor de XX. 
3.0 O sócio “C” embora titular da maior parte das cotas, restará na qualidade de cotista 
preferencial, não tendo direito a voto e permanecendo concordante em relação a 
continuidade do controle societário antes de sua entrada. 
 
CLÁUSULA SEGUNDA – DO CONTROLE SOCIETÁRIO 
 
Em razão da alteração havida, o capital social, foi alterado no valor de R$ XXXXXXX 
[XXXXXX], dividido em XXXXXXX [XXXXXX] quotas de R$ XXXX [XXXXX] cada uma, 
totalmente subscrito e integralizado em moeda corrente nacional, passa a ser dividido entre os 
sócios na seguinte proporção: 
Sócios 
Quotas % do Capital Social 
lllValor 
 
Sócio “A” 
XXXXX XXX 
Socio “B” 
XXXXX XXX 
 
 
 
Sócio “C” 
XXXXX XXX 
Capital Social Total 
XXXXX 
R$: 0.000,00 
 
Tendo sido expressamente acordado entre as partes que o controle societário permaneceria 
exatamente como na data antes de sua alteração, restando concordante todas as partes 
envolvidas no presente contrato. 
 
CLÁUSULA TERCEIRA – DA SEGURANÇA JURÍDICA 
 
Cada um dos cotistas declara ser titular e legitimo possuidor das quotas, conforme descrito na 
CLÁUSULA acima, livres e desembaraçadas de quaisquer ônus, gravames, restrições, 
usufrutos, opções, direitos de preferencia ou outros direitos de terceiros ou encargos de 
qualquer natureza. Os quotistas nesse ato, obrigam-se a manter as quotas, bem como os 
direitos políticos e econômicos a elas relativos livres de ônus de qualquer natureza. 
 
CLÁUSULA QUARTA 
Todas as demais cláusulas e condições permanecem inalteradas. 
CLÁUSULA QUINTA 
Fica eleito o foro da Comarca da Capital do Estado de XXXXXXX, por mais privilegiados 
que os outros sejam, para serem dirimidas quaisquer dúvidas oriundas do presente contrato. 
E assim, por estarem justos e contratados, assinam o presente instrumento em 3 (três) vias de 
igual teor e forma e para um só efeito, na presença de duas testemunhas que também assinam. 
Cidade, XXXXXXXX, Estado XXXXX 
 
 
 
 
 
4 
 
 
 
_________________________ 
Sócio 1 
 
_________________________ 
Sócio 2 
 
_________________________ 
Sócio 3 
 
TESTEMUNHAS. 
_________________________ 
Testemunha 1 
CIRG nº 
_________________________ 
Testemunha 2 
CIRG nº 
 
 
 
 
INSTRUMENTO PARTICULAR DE ACORDO DE SÓCIOS QUOTISTAS DA 
SOCIEDADE SOLUÇÕES LTDA. 
 
Considerando que as partes são detentoras, em conjunto, de XX% (por extenso) do capital 
social votante da XXX LTDA., julgam imprescindível e necessário fixar regras de para a 
_____________________________________, vêm, por meio deste Instrumento Particular de 
Acordo de Sócios Quotistas, as estabelecer. 
Sócio “A”, XXXXXXXXXXX, XXXXXX, XXXXXX, XXXXXXX, portador da cédula de 
identidade número XXXXXX, expedido pela SSP/XX, inscrito no CPF sob o número 
XXXXXXX, residente e domiciliada na XXXXXXXXXXXXXX XXXXXXXX XXXX, 
bairro XXXXXXX, XXXXX, XXXXXX – CEP XXXXX, telefone XXXXXXXXX; 
 
Sócio “B”, XXXXXXXXXX, XXXXXX, XXXXXXXX, XXXXXXX, portador da cédula de 
identidade número XXXXX SSP/XX, inscrito no CPF sob o número XXXXXXXXXX, 
residente e domiciliado na XXXXXXXXX XXXXXXXXXX XXXXXX, XXXXX, XXXXX 
– CEP XXXXXXX únicos sócios da sociedade empresária limitada “XXXXX 
Sócio “C”, XXXXXXXXXX, XXXXXX, XXXXXXXX, XXXXXXX, portador da cédula de 
identidade número XXXXX SSP/XX, inscrito no CPF sob o número XXXXXXXXXX, 
residente e domiciliado na XXXXXXXXX XXXXXXXXXX XXXXXX, XXXXX, XXXXX 
– CEP XXXXXXX únicos sócios da sociedade empresária limitada “XXXXX 
SOLUÇÕES LTDA”, com sede na XXXXXX XXXXX XXXX XX, bairro XXXXX, CEP 
XXXXX, cidade de XXXXX, XXXX, Telefone XXX XXXXXX com contrato social 
arquivado na Junta Comercial do Estado de XXXXXXX [XXXXXX] sob o Nire nº. 
XXXXXXX, em sessão de XXXXXX e última alteração contratual registrada sob nº XX em 
sessão de XXXXXXXX, inscrita no CNPJ (MF) nº. XXXXXXXXXXXX. 
 
 
 
6 
 
 
As partes acima qualificadas, todos sócios da SOLUÇÕES LTDA., têm, entre si, ajustam o 
presente acordo societário, que se regerá pelas cláusulas e condições seguintes: 
CLÁUSULA PRIMEIRA. 
O presente pacto parassocial tem por objetivo a formalização legal de sua criação e de seus 
atos constitutivos conforme estabelecido em respectiva legislação, a união destes sócios sob a 
formula de sociedade limitada tem por objetivo principal 
 
CLÁUSULA SEGUNDA. 
A administração da sociedade caberá ................................................. com os poderes e 
atribuições de........................................... autorizado o uso do nome empresarial, vedado, no 
entanto, em atividades estranhas ao interesse social ou assumir obrigações seja em favor de 
qualquer dos quotistas ou de terceiros, bem como onerar ou alienar bens imóveis da sociedade, 
sem autorização do(s) outro(s) sócio(s). 
 
Obs.: A sociedade poderá constituir procuradores, com exceção, porém, daqueles pertinentes a 
responsabilidade técnica que é privativa dos sócios. 
 
CLÁUSULA TERCEIRA. 
As quotas são indivisíveis e não poderão ser cedidas ou transferidas a terceiros sem o 
consentimento do outro sócio, a quem fica assegurado, em igualdade de condições e preço 
direito de preferência para a sua aquisição se postas à venda, formalizando, se realizada a 
cessão delas, a alteração contratual pertinente. (art. 1.056, art. 1.057, CC/2002) C 
 
CLÁUSULA QUARTA. 
Ao termino de cada exercício social, em 31 de dezembro, o administrador prestará contas 
justificadas de sua administração, procedendo a elaboração do inventário, do balanço 
patrimonial e do balanço de resultado econômico, cabendo aos sócios, na proporção de suas 
quotas, a distribuição dos lucros ou perdas. 
 
 
 
CLÁUSULA QUINTA 
Os sócios poderão, de comum acordo, fixar uma retirada mensal, a título de “pro labore”, 
observadas as disposições regulamentares pertinentes. 
 
CLÁUSULA SEXTA 
Falecendo ou tornando-se interditado qualquer sócio, a sociedade continuará suas atividades com 
os herdeiros, sucessores, ou com o(s) sócio(s) remanescente, desde que sejam profissionais 
habilitados e se

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.