A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
4 pág.
Fisiologia e Anatomia do Sistema Respiratório

Pré-visualização | Página 1 de 1

Pulmões
O sistema respiratório é o conjunto de
órgãos responsáveis pelas trocas gasosas
entre o organismo dos animais e o meio
ambiente, ou seja, a hematose pulmonar,
possibilitando a respiração celular.
• Estímulos nervosos
• Estimulo da pele  temperatura 
calor e frio
• Envolvimento muscular  Contração
e relaxamento muscular regulam a
respiração
• A demanda por energia influencia
diretamente na respiração
• A capacidade respiratória depende de
diversos fatores, como: espécies
(capacidade respiratória), raças
(braquicefalicos ou dolicefalicos) ou treino
( preparo cardiorrespiratório)
• Durante xercicio  consumo de O2
aumenta
• DC 6-8X maior  pulmão mais
Vascularizado
• Resistencia vascular diminui 
sangue entra mais fácil
• Dilatação vascular pulmonar
• Menor tempo para oxigenação (1/3)
Sistema respiratório
Introdução
Fatores envolvidos na respiração
Funções
Componentes
Narinas
Cavidades nasais
Nasofaringe
Laringe
Traqueia
Brônquios principais
Brônquios segmentares
Bronquíolos
Alvéolos
• Oxigenação sanguínea.
• Eliminação de CO2.
• Equilíbrio acidobásico.
• Termorregulação.
• Proteção ambiental: Poeira, gases,
agentes, temperatura externa
• Principal passagem de ar para os
pulmões
• Possui diversos anéis de cartilagem
para
evitar o colapso da via respiratória
traqueal
• Cada cartilagem é incompleta
dorsalmente, possibilitando variações de
diâmetro
• Atendido pela artéria pulmonar 
hematose
• Tamanho e formato variam de
acordo com as espécies
• Superfícies respiratórias
especializadas
- Bronquíolos terciários também
realizam hematose
- Bronquíolos respiratórios terminam
em sacos cegos  trocas gasosas
- Células alveolares tipo I e II
(pneumocitos)
- Cobertos por capilares (rede capilar)
- Fibras musculares
- Macrofagos alveolares (reciclagem do
surfactante (lipídeos pós oxigenação)
• Aberturas externas pareadas para a
passagem do ar para a cavidade nasal
• Diâmetro e formato variam de
acordo com a espécie
• Separadas entre si pelo septo nasal, e
da boca pelo palato duro e palato mole
• Constituintes
- Conchas nasais: onde circula e aquece
 sendo umidificado e purificado
- Recoberto por uma mucosa
vascularizada  reativa a estímulos
ambientais
• Funções:
- Purificação, umidificação e proteção
• Passagem comum de ar e alimento
• Orgão de fonação
• Fecha a passagem de alimento para
o sistema respiratório
Sistema respiratório
Narinas Traqueia
Pulmões
Cavidade nasal
Faringe
Laringe
• Surfactante
• Rico em proteínas e fosfolipideos
• Liberado por exocitose
• Reduz a tensão superficial na
interface fluido-ar, reduzindo a tendencia
do alvéolo colapsar ao final da expiração
• Responsáveis pela manutenção e
reparo do epitélio alveolar pós dano
• Síndrome do desconforto respiratório
• Células endoteliais
• Formam os septos intraveolares
• Facilmente lesados
– Hipertensão/trauma
– Inflamação
– Alterações osmóticas
• Edema
• Pneumocitos I:
• Principais locais de troca gasosa
• Célula achatada e ampla  seu
formato influencia diretamente em sua
função
• Capilares ficam ligados aos
pneumocitos I
• Maior área de troca gasosa
(hematose)
• Poros  comunicação entre alvéolos
• Pneumocitos II:
• Menor quantidade e de formato
Globuloso
• produtoras do líquido alveolar
• Produzem surfactantes  corpos
lamelares
• Liquido alveolar (surfactante)
Sistema respiratório
Alvéolos
• Células caliciformes produtoras de
muco
• Aderem as sujidades
• Cílios direcionam em sentido a
eliminação
• Inspiratória
associadas a processos extratorácico
(obstrução da larínge ou colapso da
traquéia)
• Expiratória
Intratorácicas
• Mistas
Intratorácicas – Edema pulmonar
• Restritiva
Dificuldade de expansão do tórax
(pneumonia, efusão pleural e
pneumotórax, edema pulmonar)
• Obstrutiva
Obstrução a passagem de ar nas vias
aéreas (bronquite crônica/asma
felina
• Membrana lisa e serosa que reveste
os pulmões
• Pleura parietal  mais externa
• Pleura visceral  mais interna
• Entre elas há uma fina camada de
liquido pleural  promove o deslize
• Acumulo de liquido entre pleuras =
derrame pleural  prejuízo na função
respiratória
• Pressão entre as pleuras é negativa,
e graças a isso ocorre a respiração
Sistema respiratório
Epitélio ciliadoPleuras
Dispneia

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.