A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
Aula_01

Pré-visualização | Página 1 de 1

AULA 1 – Prof. MARCELO VASQUES
*
PROCESSO DE DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE AULA 1
Prof. MARCELO VASQUES
mvasqueso@gmail.com
*
*
OBJETIVOS DA AULA
Apresentar os conceitos de:
 Sistema de Informação.
 Software
 Processo de Desenvolvimento de SW
Abordar os problemas do Software atual e origens no processo de desenvolvimento
*
*
*
BLIBLIOGRAFIA
CAPÍTULO 1
LIVRO: ENGANHARIA DE SOFTWARE – Fundamentos, métodos e padrões
3ª. Edição / 2009 / editota LTC
Wilson de Pádua Paula Filho
*
*
*
SISTEMA DE INFORMAÇÃO
Sistema = Conjunto de partes, independentes, cada qual com seu objetivo e colaborando por um objetivo comum.
Informação = Dados (fatos isolados) agrupados e relacionados (processados), com sentido lógico.
Dados: chq 1235 de 1.250,00, chq 1236 de 750,00
Dado: saldo Anterior é 5.000,00
Informação: Saldo Atual é 3.000,00
Sistema de Informação = Conjunto de elementos inter-relacionados que coleta (entrada), manipula (processamento), armazena a dissemina (saída) informações
*
*
*
SISTEMA DE INFORMAÇÃO
Manual
Processa pouco volume de dados
Baseado em computador (Usa TI)
Hardware (componentes físicos – desgastes)
Software (componentes lógicos)
Banco de dados (armazenamento)
Telecomunicações (rede, internet)
Pessoas (mais importante. Fazem a diferença)
Procedimentos e processos (organização)
*
*
*
SISTEMA DE INFORMAÇÃO
O valor de um SI depende da qualidade de seus componentes. 
 Excelentes algoritmos codificados em seu software X péssimo desempenho por defeito na especificação do hardware, rede ou BD 
 Cada um de seus elementos pode por em cheque a confiabilidade e usabilidade do SI
O engenheiro de software precisa saber a quem chamar quando o problema não for especificamente no software.
*
*
*
SISTEMA DE INFORMAÇÃO
A Tecnologia não faz milagre !!!
Os problemas com sistema de informática podem ter várias causas
As pessoas que operam o sistema podem ser mal qualificadas. Investimento em treinamento
Processos de negócios inadequados (no qual o sistema esta inserido)
Deficiência do próprio sistema. Tecnologia inadequada
*
*
*
SOFTWARE
Porção lógica de um SI, que comanda a operação do computador.
Tipos de Software, quanto a natureza
Software de Sistema: controlam as operações do computador: software da BIOS, S.O., L.P.
Software aplicativo: interface direta com usuário
Software hoje – Como administrar?
Grandes e Complexos (envolvem toda organização)
Demandam rápidas mudanças.
*
*
*
Responsável por prover o produto mais importante de nossa sociedade: a informação.
Melhorias nos últimos 50 anos: Hw, BD, Redes – aumento capacidade de processamento + diminuição dos custos
Por que SW não acompanhou?
Por que levar tanto tempo para concluir o SW?
Por que os custos do SW são tão elevados?
Por que não achamos o erros antes da entrega?
Por que os custos de manutenção são altos?
SOFTWARE
*
*
*
Processo de desenvolvimento do HW é um sucesso. O do SW não. Por que?
SOFTWARE
*
*
*
O desenvolvimento do SW depende MUITO do componente humano. 
Há pouca automação no desenvolvimento.
Visão de projeto inadequada.
Histórico: gestor de TI sem formação em ADM.
Gestão (planejamento, organização e controle) de prazos e custos ineficiente
Pressão dos usuários/clientes: rapidez.
Daí os problemas
Prazos, Custos, Comunicação
SOFTWARE
*
*
*
REALIDADE. CRISE DO SW
*
*
*
*
*
*
CICLO DE VIDA DO SW
1. Começo: percepção de necessidades.
2. Desenvolvido, transformado-se em um conjunto de itens a ser entregue ao usuário
3. Entra em operação, sendo usado dentro de um processo de negócio e sujeito a atividades de manutenção.
4. Fim: é retirado de operação ao final de sua vida útil.
*
*
*
COMO DESENVOLVER?
Passado
Necessidades  Programação (CAOS)
Hoje
Projeto e Processo de desenvolvimento
Qual a finalidade do SW?
Quais as funções o SW terá? 
Como essas funções se integrarão?
Como o SW se integrará ao contexto da empresa?
Quanto tempo terei para construí-lo?
*
*
*
PROCESSO
Conceito de Processo
 Maneira pela qual se realiza uma operação, segundo determinadas normas
 O método da engenharia se baseia em uma ação sistemática e não improvisada.
*
*
*
PROCESSO DE DESENVOLVIMENTO
Concepção
Requisitos
Análise
Projeto
Codificação
Testes
Homologação
Implantação
Manutenção
Organização das fases, estabelecendo:
Quais são elas?
Finalidade de cada uma?
Ordem e ligação entre elas?
Funcionamento do processo
Documentação e modelos de cada fase
*
*
*
CONCEITOS FUNDAMENTAIS
Escopo – Abrangência
Compreende o que será considerado para o desenvolvimento.
Quanto maior o escopo, maior é a complexidade e dificuldade de gerenciar o desenvolvimento.
Requisito = Necessidades do usuário
Compreende as funcionalidades que o sistema deve possuir.
Fundamental – Definir os requisitos que farão parte do escopo.
*
*
*
CONCEITOS FUNDAMENTAIS
Problemas e erros de requisitos são os mais caros de resolver.
Quanto mais o tempo passa, pior
Problemas 
Má definição do escopo do sistema (má atuação profissional).
Rápida mudança de escopo (atualidade)
Ou seja Atenção TOTAL aos Requisitos 
*
*
*
ENGENHARIA DE REQUISITOS
Problema – levantamento e documentação de requisitos
Boa documentação – boas chances de atender aos requisitos
Boa especificação de requisitos - fundamental 
Engenharia de Requisitos
Técnicas de levantamento de requisitos
Documentação.
Análise de Requisitos
*
*
*
GESTÃO DOS REQUISITOS
Problema: Instabilidade nos Requisitos
Novos requisitos e Alterações de requisitos com o desenvolvimento já adiantado.
Alto custo, Re-trabalho, perda de trabalho feito
O mesmo que alterar a planta estrutural de uma casa, após iniciada a construção.
A boa engenharia de requisitos tende a reduzir a instabilidade, obtendo os requisitos no momento oportuno.
*
*
*
PRAZOS E CUSTOS
Requisitos  Prazos e custos
A quantidade e complexidade dos requisitos mandam na relação de causa e efeito sobre prazos e custos.
Ouve-se muito: “não me interessa o que você vai dizer ! Preciso disso em 1 mês”. 
A questão: No início só temos requisitos.
É difícil medir os programas necessários com base me requisitos.
Após projeto detalhado se conhece melhor os detalhes. Mas usuário não espera.
*
*
*
PRAZOS E CUSTOS
É preciso
Planejamento e controle de projetos
Análise dos riscos (probabilidade de sua ocorrência e ações corretivas, caso aconteçam)
Acompanhar o progresso do projeto
Renegociação dos prazos e custos
Garantir a qualidade do processo
Garantia = conformidade com requisitos
Qualidade do produto é influencia da pela qualidade no processo
Quanto ANTES um problema for identificado e resolvido, melhor (menos custo)
*
*
*
PROBLEMAS NO PROCESSO
Software atual é: complexo, grande e com interface com demais sistemas.
Necessidade de equipe grande, competente e interdisciplinar.
O tempo geralmente é grande.
Ou seja a gestão do processo de desenvolvimento está mais complexa
Facilitador: Ferramentas de automação (case)
*
*
*
 
Detalhamento do conceito de Requisito
Análise de Viabilidade do Sistema
Técnicas de Levantamento de Requisitos
*
*