A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
1 pág.
ESTUDO DIRIGIDO DE BIOQUÍMICA COMPLETO

Pré-visualização|Página 1 de 1

ESTUDO DIRIGIDO DE BIOQUÍMICA COMPLETO

(50 QUESTÕES COM RESPOSTA)

1- (UCPel) Os lipídios são moléculas apolares que não se dissolvem em solventes polares como a água. Com relação aos lipídios, podemos afirmar que:

I. são moléculas ideais para o armazenamento de energia por longos períodos.

II. importantes componentes de todas as membranas celulares.

III. estão diretamente ligados à síntese de proteínas.

IV. servem como fonte primária de energia.

V. a cutina, e suberina e a celulose são exemplos de lipídios.

A(s) alternativa(s) correta(s) é(são):

a) I, IV e V.

b) I e III.

c) II e IV.

d) II e V.

e) I e II.

2 - (PUCCamp) Em provas de corrida de longa distância, que exigem resistência muscular, a musculatura pode ficar dolorida devido ao acúmulo de

a) ácido láctico devido a processos anaeróbios.

b) ácido láctico devido a processos aeróbios.

c) glicogênio nas células devido à falta de oxigênio.

d) glicogênio no sangue devido à transpiração intensa.

e) sais e à falta de glicose devido ao esforço.

3- (FUVEST) O código genético é o conjunto de todas as trincas possíveis de bases nitrogenadas (códons). A seqüência de códons do RNA mensageiro determina a seqüência de aminoácidos da proteína. É correto afirmar que o código genético

a) varia entre os tecidos do corpo de um indivíduo.

b) é o mesmo em todas as células de um indivíduo, mas varia de indivíduo para indivíduo.

c) é o mesmo nos indivíduos de uma mesma espécie, mas varia de espécie para espécie.

d) permite distinguir procariotos de eucariotos.

e) é praticamente o mesmo em todas as formas de vida.

4- (UNIFESP) Os códons AGA, CUG e ACU do RNA mensageiro codificam, respectivamente, os aminoácidos arginina, leucina e treonina.

A sequência desses aminoácidos na proteína correspondente ao segmento do DNA que apresenta a sequência de nucleotídeos GAC TGA TCT será, respectivamente,

a) treonina, arginina, leucina.

b) arginina, leucina, treonina.

c) leucina, arginina, treonina.

d) treonina, leucina, arginina.

e) leucina, treonina, arginina.

5- (UFPR) Em alguns locais pobres da África e da América do Sul, crianças são desmamadas precocemente e passam a ser alimentadas com uma dieta rica em carboidratos e pobre em proteínas, em geral açúcar e banana. Nesses casos, é comum manifestar-se um quadro de desnutrição conhecido como Kwashiorkor. Uma das características é a ocorrência de inchaços (edemas), particularmente no abdome. A partir das informações acima e de seus conhecimentos, assinale a alternativa correta.

a) O inchaço abdominal é decorrente de infestações de vermes contraídas com a desnutrição.

b) A dieta rica em carboidratos compromete a síntese proteica nas células.

c) O conteúdo proteico do sangue diminui e a pressão osmótica do sangue cai, fazendo os carboidratos presentes nas paredes celulares expandirem-se, causando o inchaço.

d) A falta de proteínas altera a turgescência das células causando dilatação das fibras de colágeno da pele de dos órgãos, inchando as partes afetadas.

e) Após serem digeridos, os aminoácidos presentes nos carboidratos aumentam sua concentração e interferem no acoplamento dos RNA mensageiros nos ribossomos, afetando a produção de proteínas.

6- (UFSCar) Os ingredientes básicos do pão são farinha, água e fermento biológico. Antes de ser levada ao forno, em repouso e sob temperatura adequada, a massa cresce até o dobro de seu volume. Durante esse processo predomina a

a) respiração aeróbica, na qual são produzidos gás carbônico e água. O gás promove o crescimento da massa, enquanto a água a mantém úmida.

b) fermentação lática, na qual bactérias convertem o açúcar em ácido lático e energia. Essa energia é utilizada pelos microorganismos do fermento, os quais promovem o crescimento da massa.

c) respiração anaeróbica, na qual os microorganismos do fermento utilizam nitratos como aceptores finais de hidrogênio, liberando gás nitrogênio. O processo de respiração anaeróbica é chamado de fermentação, e o gás liberado provoca o crescimento da massa.

d) fermentação alcoólica, na qual ocorre a formação de álcool e gás carbônico. O gás promove o crescimento da massa, enquanto o álcool se evapora sob o calor do forno.

e) reprodução vegetativa dos microorganismos presentes no fermento. O carboidrato e a água da massa criam o ambiente necessário ao crescimento em número das células de levedura, resultando em maior volume da massa.

7- (UECE) O aparecimento do oxigênio na atmosfera terrestre deu oportunidade de se revelar como positiva a seguinte variabilidade genética:

a) possibilidade de realizar a fotossíntese, evidenciada, inicialmente, pela presença de estromatólitos, secreção produzida pelas cianobactérias.

b) capacidade de realizar a respiração aeróbia, na qual a produção de energia é irrisória quando comparada com a fermentação.

c) surgimento dos seres amnióticos, reforçando a capacidade de realizar a fecundação externa.

d) aparecimento das bactérias putrefativas capazes de produzir CO2e H2O a partir do seu metabolismo energético, usando o oxigênio como aceptor final de elétrons.

8- (UEMG) A figura a seguir representa a unidade formadora de uma importante biomolécula.

HTML image 0

Sobre o grupo de moléculas representado por essa figura, é CORRETO afirmar que

a) o grupo é base do código genético.

b) o grupo pode ser sintetizado por todos os organismos.

c) sem ele não há atividade celular.

d) esse grupo pode ser fartamente obtido pela ingestão de pão.

9- (ENEM) O milho verde recém-colhido tem um sabor adocicado. Já o milho verde comprado na feira, um ou dois dias depois de colhido, não é mais tão doce, pois cerca de 50% dos carboidratos responsáveis pelo sabor adocicado são convertidos em amido nas primeiras 24 horas.

Para preservar o sabor do milho verde pode-se usar o seguinte procedimento em três etapas:

1º descascar e mergulhar as espigas em água fervente por alguns minutos;

2º resfriá-las em água corrente;

3º conservá-las na geladeira.

A preservação do sabor original do milho verde pelo procedimento descrito pode ser explicada pelo seguinte argumento:

a) O choque térmico converte as proteínas do milho em amido até a saturação; este ocupa o lugar do amido que seria formado espontaneamente.

b) A água fervente e o resfriamento impermeabilizam a casca dos grãos de milho, impedindo a difusão de oxigênio e a oxidação da glicose.

c) As enzimas responsáveis pela conversão desses carboidratos em amido são desnaturadas pelo tratamento com água quente.

d) Microrganismos que, ao retirarem nutrientes dos grãos, convertem esses carboidratos em amido, são destruídos pelo aquecimento.

e) O aquecimento desidrata os grãos de milho, alterando o meio de dissolução onde ocorreria espontaneamente a transformação desses carboidratos em amido.

10- (UEL) “Para nenhum povo da antiguidade, por mais que consumissem a cerveja, ela foi tão significativa e importante como para os egípcios. Entre eles, além de ter uma função litúrgica determinada no banquete oferecido aos mortos ilustres, a cerveja era a bebida nacional […]. As mulheres que fabricavam a cerveja tornavam-se sacerdotisas, tal era a importância dessa bebida digna de ser oferecida como libação aos deuses.” (VIDA biblioteca. Como fazer cerveja.3. ed. São Paulo: Três, 1985. p. 51-52.) Ainda que a cerveja seja fabricada há milhares de anos, a essência de sua produção continua a mesma. Com base nos conhecimentos sobre o tema, é correto afirmar que a cerveja é originada a partir da fermentação de cereais por meio de:

a) Fungos macroscópicos, liberando álcool etílico e oxigênio.

b) Bactérias, liberando álcool metílico e gás carbônico.

c) Bactérias, liberando álcoois aromáticos e oxigênio.

d) Fungos microscópicos, liberando álcool etílico e gás carbônico.

e) Fungos microscópicos, liberando álcool metílico e água.

11 - De onde vem as fontes de lipídeos para degradação?

Os lipídeos utilizados para fins energéticos, os triglicerídeos, são oriundos dos óleos e gorduras da alimentação (fonte exógena) e da gordura armazenada no tecido adiposo (fonte endógena).

12. Onde e como é metabolizado o glicerol?

O glicerol proveniente da degradação dos triglicerídeos é metabolizado no fígado, onde é convertido a diidroxiacetona fosfato, um intermediário da glicólise e da gliconeogênese; assim, dependendo do estado fisiológico do organismo, o glicerol tanto pode participar da glicólise hepática, quanto servir como substrato para a gliconeogênese do fígado.

13. Qual o papel da albumina no metabolismo de lipídeos?

A albumina é uma proteína encontrada no plasma humano e atua no metabolismo de lipídeos transportando os ácidos graxos provenientes da degradação dos triglicerídeos do tecido adiposo através da corrente sanguínea.

14. O catabolismo de lipídeos ocorre em anaerobiose?

Não, os lipídeos não são degradados para fins energéticos em anaerobiose. O catabolismo de lipídeos é exclusivamente aeróbico.

15. Em que local são degradados os ácidos graxos?

Os ácidos graxos são degradados na matriz mitocondrial.

16. Qual o papel da carnitina no metabolismo de ácidos graxos?

A carnitina tem a função de transportar os ácidos graxos através da membrana mitocondrial interna do citoplasma da célula para a matriz mitocondrial.

17. Como se chama a via de degradação dos ácidos graxos e onde ela ocorre?

A via de degradação dos ácidos graxos chama-se b-oxidação e ocorre na matriz mitocondrial.

18. Que produtos são gerados após um ciclo de b-oxidação?

O principal produto da b-oxidação é o acetil-CoA. Além disso, a cada ciclo de b-oxidação são formados um NADH e um FADH2.

19. Qual o destino dos produtos da b-oxidação?

O acetil-CoA gerado pela b-oxidação entra no ciclo de Krebs, onde será completamente degradado para a geração de energia (a energia será produzida subsequentemente pelo transporte de elétrons e fosforilação oxidativa). O NADH e o FADH2 irão transferir seus elétrons/hidrogênios ao O2 pelo transporte de elétrons e fosforilação oxidativa.

20. A degradação completa de um ácido graxo com 18 carbonos passa por quantos ciclos de b-oxidação? Neste caso, são formados quantos acetil-CoA, NADH e FADH2?

A degradação completa de um ácido graxo com 18 carbonos passa por 8 ciclos de b-oxidação, sendo formadas 9 moléculas de acetil-CoA, 8 NADH e 8 FADH2.

21. Quantos ATPs são gerados pela degradação de um ácido graxo com 18 carbonos?

São gerados 148 ATPs, menos 2 ATPs utilizados na ativação do ácido graxo, portanto o ganho líquido é de 146 ATPs.

22. Qual ou quais as vantagens de se armazenar energia na forma de gordura?

O armazenamento de energia na forma de gordura é duplamente vantajoso, pois pesa menos e gera mais energia.

23. Defina cetogênese:

Cetogênese é a via metabólica de síntese de corpos cetônicos que ocorre no interior das mitocôndrias hepáticas a partir do excesso de acetil-CoA.

24.O que são corpos cetônicos? Quais são os corpos cetônicos?

Corpos cetônicos são substâncias produzidas pelo fígado durante o jejum. São três os compostos referidos como corpos cetônicos: aceto-acetato, acetona e b-hidroxi-butirato.

25. Onde e como são produzidos os corpos cetônicos?

Os corpos cetônicos são produzidos no fígado (na matriz mitocondrial) a partir de acetil-CoA.

26. Qual é a importância da cetogênese?

Os corpos cetônicos são hidrossolúveis e importantes nutrientes para tecidos extra-hepáticos durante o jejum, inclusive para o cérebro, que tem nos corpos cetônicos uma fonte de energia alternativa.

27. O fígado pode utilizar corpos cetônicos como combustível energético?

Não, o fígado produz os corpos cetônicos, mas não pode utilizá-los.

28. Descreva brevemente o metabolismo hepático durante o jejum prolongado:

Durante o jejum, o fígado não utiliza glicose como fonte de energia, pois esta é escassa. Pelo contrário, o fígado degrada glicogênio (glicogenólise) e sintetiza glicose (gliconeogênese) para repor o déficit de glicose (O principal substrato para a gliconeogênese será o glicerol proveniente da lipólise dos triglicerídeos do tecido adiposo). Sendo assim, a principal fonte de energia para o fígado durante o jejum são os ácidos graxos. A b-oxidação dos ácidos graxos gera grandes quantidades de acetil-CoA e o excesso é utilizado na síntese de corpos cetônicos (cetogênese), que servirão como combustível alternativo para os tecidos periféricos, inclusive o cérebro.

29. O excesso de corpos cetônicos circulantes muito comum em pacientes diabéticos causa que tipo de distúrbio do equilíbrio ácido-base?

O excesso de corpos cetônicos circulantes causa cetoacidose (acidose metabólica).

30. O que são aminoácidos glicogênicos? E aminoácidos cetogênicos?

Aminoácidos glicogênicos são aqueles que servem como substrato para a síntese de glicose (gliconeogênese) no fígado; são aqueles que são degradados até piruvato ou algum dos intermediários do ciclo de Krebs. Aminoácidos cetogênicos são aqueles que servem como substrato para a síntese de corpos cetônicos (cetogênese) pelo fígado; são aqueles que são degradados a acetil-CoA.

31. O que é transaminação?

Transaminação é a transferência do grupo amino de um aminoácido para um a-cetoácido; o aminoácido original que perdeu o grupo amino se transforma em um a-cetoácido, enquanto que o a-cetoácido que recebeu o grupo amino transforma-se em um aminoácido.

32. Qual o destino do grupamento amino dos aminoácidos?

O destino final do grupo amino dos aminoácidos é ser eliminado pela urina na forma de uréia.

33. Onde é realizado o ciclo da uréia?

O ciclo da uréia é realizado somente no fígado.

34. Quais os possíveis destinos do esqueleto carbônico dos aminoácidos?

O esqueleto carbônico dos aminoácidos pode ser completamente degradado a CO2 e H2O, gerando energia (ATP), ou então pode servir para a síntese de glicose (aminoácidos glicogênicos), ou para a síntese de corpos cetônicos (aminoácidos cetogênicos), ou gerar acetil-CoA, o qual pode ser utilizado para a biossíntese de uma grande variedade de biomoléculas.

35 - As proteínas são essenciais para todos os seres vivos, uma vez que desempenham funções extremamente importantes. Marque a alternativa que não indica uma função das proteínas:

a) Armazenam as informações genéticas.

b) Atuam como única substância de reserva energética.

c) Participam na composição do exoesqueleto de artrópodes.

d) Fazem parte da estrutura de todas as membranas celulares.

36- As proteínas são substâncias formadas pela união de uma grande quantidade de moléculas denominadas:

a) nucleotídeos.

b) base nitrogenada.

c) aminoácidos.

d) glicídios.

37 - Sabemos que a síntese de uma proteína consiste na união de aminoácidos de acordo com a sequência determinada em um ____. Esse ácido nucleico, por sua vez, é sintetizado a partir de uma molécula de ____ que serviu como molde.

Marque a alternativa que indica corretamente o nome das moléculas que completam os espaços.

a) RNA; DNA.

b) DNA; RNA.

c) Proteínas; DNA.

d) DNA, aminoácidos.

e) Aminoácidos, DNA.

38- (Fuvest-SP) Leia o texto a seguir, escrito por Jacob Berzelius, em 1828:

“Existem razões para supor que, nos animais e nas plantas, ocorrem milhares de processos catalíticos nos líquidos do corpo e nos tecidos. Tudo indica que, no futuro, descobriremos que a capacidade de os organismos vivos produzirem os mais variados tipos de compostos químicos reside no poder catalítico de seus tecidos.”

A previsão de Berzelius estava correta, e hoje sabemos que o “poder catalítico” mencionado no texto deve-se

a) aos ácidos nucleicos.

b) aos carboidratos.

c) aos lipídios.

d) às proteínas.

e) às vitaminas.

39 - (Efoa-MG) Além de serem as macromoléculas mais abundantes nas células vivas, as proteínas desempenham diversas funções estruturais e fisiológicas no metabolismo celular. Com relação a essas substâncias, é correto afirmar que:

a) são todas constituídas por sequências monoméricas de aminoácidos e monossacarídeos.

b) além de função estrutural, são também as mais importantes moléculas de reserva energética e de defesa.

c) são formadas pela união de nucleotídeos por meio dos grupamentos amina e hidroxila.

d) cada indivíduo produz as suas proteínas, que são codificadas de acordo com o material genético.

e) a sua estrutura é determinada pela forma, mas não interfere na função ou especificidade.

40 - Considere as seguintes afirmativas: I - As proteínas atuam tanto estruturalmente como metabolicamente. II - As enzimas são proteínas que atuam como catalisadores.  III - Existem proteínas que atuam como imunoglobulinas ou anticorpos. Quais estão corretas?  

a)   Apenas II 

b)   Apenas I 

c)   I, II, III

d)   Apenas III 

e)   Apenas II e III

41- A Bioquímica é uma ciência complexa e importante que estuda os processos químicos envolvidos nos organismos vivos. Esses processos abrangem as biomoléculas, tratando das suas estruturas, funções e processos metabólicos, caracterizando-se assim uma ciência essencialmente dinâmica. Entretanto, todas as biomoléculas que constituem os seres vivos são sintetizadas a partir de compostos simples como a H2O, CO2, N2 e NH3. Estas, por sua vez, interagem entre si para formarem polímeros orgânicos que desempenham importantes papéis. Sobre as biomoléculas e seus polímeros, assinale a alternativa correta de acordo com as proposições apresentadas:

I - As moléculas de proteínas são formadas por uma sequência de aminoácidos.

II - Os carboidratos, os lipídeos e os protídeos são constituintes inorgânicos da célula.

III - A membrana plasmática apresenta uma constituição lipoprotéica. 

a)   somente a I está correta.

b)   somente a II está correta.

c)   somente a III está correta.

d)   a I e a III estão corretas.

e)   a I e a II estão corretas.

42- São considerados critérios de inclusão para caracterizarem os aminoácidos nas características físicas e químicas: (CAMPBEL. 2000) I - Maioria insolúvel em água.; II - Pontos de fusão elevados, cerca de 300°C.; III - Caráter anfipático.; IV - Caráter anfótero. São verdadeiras: 

a)   I, II, e III apenas. 

b)   I e III apenas.

c)   I, III e IV apenas.

d)   II e IV apenas. 

e)   II, III e IV apenas.

43- O sangue possui diversos sistemas tampão, pois variações do pH podem produzir rompimento significativo da estabilidade das membranas celulares, da estrutura das proteínas e da atividade enzimática. Em casos de pH sanguíneo abaixo de 6,8 e acima de 7,8 ocorre o óbito. De acordo com a equação de Henderson-Hasselbach e sabendo que o principal sistema que promove o equilíbrio no sangue é o tampão ácido carbônico - carbonato ácido (bicarbonato), quais seriam as relações existentes entre bicarbonato/ácido carbônico que ocorreriam nos casos extremados (pH=6,8 e pH=7,8)? Dados: considere o pH do sangue igual a 7,4, o pK do ácido carbônico igual a 6,4 e log(2,51) = 0,4. 

a)   2,51 e 12,51.  

b)   7,49 e 12,51. 

c)   2,51 e 25,1. 

d)   0,4 e 1,4. 

e)   6,8 e 7,8. 

44- A desnaturação é a perda da composição nativa de uma proteína. Marque a única opção que não corresponde a um fator capaz de causar desnaturação:

a)   Força iônica.

b)   Todos os fatores citados causam desnaturação.

c)   Alterações do pH.

d)   Uso de detergentes.

e)   Concentração elevada do substrato.

45- O nosso meio biológico é aquoso, o que permite a viabilidade de diversas reações bioquímicas. A água é reconhecida pela sua grande capacidade de reagir com ela mesma e com outras moléculas. Essa capacidade é conferida pelo grande número de pontes de hidrogênio entre as suas moléculas. O que permite à água a formação de tantas pontes de hidrogênio a ponto de ser reconhecida como solvente universal?

a)   A estrutura tetraédrica da água liquida.

b)   Nenhuma das anteriores. 

c)   A similaridade em afinidade por elétrons de hidrogênio e oxigênio.

d)   A diferença na força de ligação entre pontes de hidrogênio e ligações covalentes.

e)   A magnitude do ângulo da ligação H-O-H e a capacidade da água fazer pontes de

hidrogênio.

46- Quanto aos carboidratos, assinale a alternativa incorreta: 

a)   Os carboidratos são classificados de acordo com o tamanho e a organização de sua molécula em três grupos: monossacarídeos, dissacarídeos e polissacarídeos. 

b)   O papel comum é formado, basicamente, pelo polissacarídeo mais abundante no planeta, a celulose. Este carboidrato, nas células vegetais, tem a função de compor a estrutura da parede celular. 

c)   O esqueleto externo dos insetos é composto de quitina, um polissacarídeo cujos monômeros são a N-acetilglicosamina.

d)   Os dissacarídeos são constituídos pela união de dois monossacarídeos, e seus representantes mais conhecidos são a celulose, a quitina e o glicogênio. 

e)   A função do glicogênio para os animais é equivalente à do amido para as plantas.

47- Obteve-se da hidrólise de uma substância de origem animal: glicina, serina, histidina, lisina, arginina e fenilalanina. A substância que sofreu hidrólise é:

a)   um ácido nucleico.

b)   um lipídio. 

c)   uma cetose.

d)   uma proteína.

e)   um polissacarídeo.

48- Para inibir a ação de uma enzima, pode-se fornecer à célula uma substância que ocupe o sítio ativo dessa enzima. Para isso, essa substância deve:

a)   Recobrir toda molécula da enzima.

b)   Estar na mesma concentração da enzima.

c)   Promover a desnaturação dessa enzima.

d)   Ter a mesma estrutura espacial do substrato da enzima.

e)   Possuir pH ácido.

49- Doença associada à deficiência crônica de Vitamina C, vitamina importante para a atividade de enzimas hidroxilases, que deveriam adicionar hidroxilias em prolinas e lisinas do colágeno, para permitir pontes (ou ligações) de Hidrogênio, que unem cadeias proteicas de colágeno. Assim, na deficiência dessa vitamina, o colágeno fica frouxo, enfraquecendo capilares sanguíneos. O paciente apresenta, como sintoma inicial, sangramento de gengiva. Essa doença denomina -se:

a)   Beribéri.

b)   Gengivite aguda.

c)   Colagenite.

d)   Síndrome de Ehlers-Danlos.

e)   Escorbuto

50- Enzima chave na síntese do colesterol, que converte HMG-CoA em mevalonato, passo irreversível na via que produz colesterol. Essa enzima pode ser inibida por medicamentos da classe das estatinas, com objetivo de diminuir a produção endógena de colesterol em pacientes com hipercolesterolemia. Essa enzima é a:  

a)   Colesterol sintase.

b)   Colesterol redutase.

c)   HMG-CoA sintase.

d)   HMG-CoA liase.

e)   HMG-CoA redutase