A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
11 pág.
APOL 02 SOCIOLOGIA DO CRIME E DA VIOLÊNCIA

Pré-visualização | Página 1 de 3

APOL 02 SOCIOLOGIA DO CRIME E DA VIOLÊNCIA
Uma em cada cinco mulheres vítimas de violência diz ter sido agredida por um vizinho, informa pesquisa do Instituto Datafolha encomendada pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP) e divulgada nesta terça-feira (26). Nos últimos 12 meses, esse tipo de agressão cresceu e chegou a 21,1% dos casos relatados. Dentre as mulheres ouvidas, 27,4% disseram que sofreram algum tipo de agressão no último ano e 76,4% das vítimas afirmaram que o agressor era alguém conhecido. 
Veja ranking dos agressores:
1ºCônjuge/companheiro/namorado (23,8%)
2ºVizinhos (21,1%)
3ºEx-cônjuge/ex-companheiro/ex-namorado (15,2%)
4ºPai ou mãe (7,2%)
5ºAmigos (6,3%)
6ºIrmãos (4,9%)
7º Patrão ou colega de trabalho (3%)
Disponível em: https://g1.globo.com/sp/sao-paulo/noticia/2019/02/26/violencia-contra-mulheres-praticada-por-vizinhos-cresce-uma-em-cada-cinco-relata-agressao-diz-datafolha.ghtml. Texto adaptado. Acesso em 12/08/19.
A Lei n. 11.340 teve por objetivo incrementar e destacar o rigor das punições para os crimes contra a mulher. Tal lei visa à criação de mecanismos que coíbam a violência doméstica e familiar contra a mulher. Como ficou conhecida essa lei? 
	
	A
	Lei da Mulher.
	
	B
	Lei Margarida Maria.
	
	C
	Lei Amélia da Penha.
	
	D
	Lei Áurea.
	
	E
	Lei Maria da Penha.
Outro teórico alemão que analisou a crescente racionalização à qual estava submetido o homem moderno foi Max Weber. Para ele, os afazeres de quem vive em uma metrópole são muito variados e complexos; por isso, dar conta desse estilo de vida demanda uma exatidão prática e calculista. Em sua obra, influenciada por Simmel e marcada por várias outras áreas de conhecimento além da sociologia, como economia, direito e música, Weber problematizou os tempos modernos levando em conta o indivíduo e sua ação. Ao tomar o indivíduo como objeto de análise, o pensador se preocupou em compreender o que leva as pessoas a agirem de determinada maneira.
Referência: PESCAROLO, Joyce Kelly. Sociologia Urbana e da Violência. Curitiba: InterSaberes, 2017.
O pensador alemão, ao pensar sobre o que levaria as pessoas a agirem de determinada forma, elaborou quatro propostas de ações. Assinale as asserções abaixo com V se verdadeiras e com F se forem falsas, sobre quais seriam os quatro tipos de ações divididas por Weber:
(  ) Ação racional visando determinada finalidade;
(  ) Ação tradicional.
(  ) Ação afetiva;
(  ) Ação racional determinada por valores;
(   ) Ação reflexiva.
Após a análise, assinale a alternativa que apresenta a sequência correta: 
	
	A
	V, V, V, V, F.
	
	B
	F, F, F, V, F.
	
	C
	F, V, F, V, F.
	
	D
	F, F, V, F, F.
	
	E
	V, V, V, F, F.
Conforme apresentado na disciplina de Sociologia do Crime e da Violência, há um processo que visa transformar e ressignificar o espaço urbano por meio da valorização e do enobrecimento de áreas, periféricas ou centrais, deterioradas e ocupadas por indivíduos estigmatizados socialmente, como prostitutas, usuários de drogas e mendigos. Essas áreas passariam por intensa modernização e pelo que os urbanistas chamam de revitalização. 
Referência: PESCAROLO, Joyce Kelly. Sociologia Urbana e da Violência. Curitiba: InterSaberes, 2017.
Com base nos estudos feitos na disciplina de Sociologia do Crime e da Violência, assinale a alternativa que aponta, corretamente, como é designado este processo descrito no contexto acima:
	
	A
	Gentrificação.
	
	B
	Modernização.
	
	C
	Pavimentação.
	
	D
	Socialização.
	
	E
	Evolução.
Leia o texto abaixo:
Acidente de trânsito, uma praga que mata, deixa famílias desestruturadas, emocional, psíquica e financeiramente. No entanto, não é percebido pela sociedade brasileira como "monstruoso" e sim "fatalidade". O trânsito nas vias públicas brasileiras já matou mais do que a guerra entre os próprios traficantes e estes aos policiais. Mais de 50.000 [cinquenta mil] acidentes acontecem, anualmente, no Brasil. As mortes, em alguns casos, superam conflitos armados. A OMS (Organização Mundial de Saúde) considera caso de saúde pública os acidentes automobilísticos, planetariamente.
Disponível  em: https://sergiohenriquepereira.jusbrasil.com.br/artigos/359234923/acidente-de-transito-nao-se-preocupe-o-estado-protege-familias-das-vitimas-se-desesperam. Acesso em 27/06/19.
Com base nos estudos feitos na disciplina de Sociologia do Crime e da Violência, assinale a alternativa que indica corretamente, como é designado este modelo familiar no Brasil aderido pela herança cultural de Portugal?
	
	A
	Modelo familiar opressor.
	
	B
	Modelo familiar construtivo.
	
	C
	Modelo familiar dominador.
	
	D
	Modelo familiar matriarcal.
	
	E
	Modelo familiar patriarcal.
Conforme abordou-se na disciplina de Sociologia do Crime e da Violência, no Brasil, desde 1970, é crescente a preocupação com a universalização da educação, com a democratização do acesso e a permanência no ensino. Falar em universalização da educação implica em dois fatores.
Referência: PESCAROLO, Joyce Kelly. Sociologia Urbana e da Violência. Curitiba: InterSaberes, 2017.
De acordo com os estudos feitos na disciplina de Sociologia do Crime e da Violência, analise se as assertivas abaixo dizem respeito corretamente sobre estes fatores relativos à universalização da educação, indicando V para as verdadeiras ou F para as falsas:
( ) Atendimento às parcelas da população (mulheres, brancos, negros, índios, católicos, evangélicos, espíritas, judeus, heterossexuais, homossexuais, transexuais, pobres) nos ambientes escolares, principalmente as das classes populares.
(  ) Ampliação do tempo de permanência dos alunos nos bancos escolares.
(  ) Atendimento às parcelas de classe social mais elevada, nos ambientes de escolas particulares.
(  ) Diminuição do tempo de permanência dos alunos nos bancos escolares.
Após a análise, assinale a alternativa que apresenta a sequência correta: 
	
	A
	V, V, V, F.
	
	B
	V, F, V, F.
	
	C
	F, V, F, F.
	
	D
	F, F, F, F.
	
	E
	V, V, F, F.
Leia o seguinte caso:
Um empregado recusa-se a fechar as portas do estabelecimento ao final da jornada, como determinado pelo seu chefe e vem tomando esta atitude há algum tempo. A indisciplina relaciona-se com a desobediência de uma ordem disposta em caráter geral no regulamento da empresa ou em instruções gerais. Este tipo de infração, a indisciplina, representa a violação de ordens gerais partidas, sempre, de dirigentes supremos da empresa, diretorias e ou conselhos administrativos. Note-se, porém, que se as ordens de caráter geral partem da cúpula suprema da empresa ou do estabelecimento, o seu controle ou fiscalização é exercido, quase sempre, nas médias e grandes empresas pelos prepostos categorizados.
Disponível em: https://jb.jusbrasil.com.br/definicoes/100010164/dever-de-obediencia. Acesso em 19/08/2019. (ADAPTADO)
Com base nos estudos feitos no livro da disciplina de Sociologia do Crime e da Violência, assinale a alternativa que aponta, corretamente, como se denomina a ideia acima expressada:
	
	A
	Obediência.
	
	B
	Autoridade.
	
	C
	Temor.
	
	D
	Admiração.
	
	E
	Conquista.
Nas grandes cidades brasileiras, a mobilidade urbana costuma enfrentar diversos problemas, como trânsito, transporte público lotado, longas distâncias, falta de rotas alternativas, alto risco de acidente e poluição em excesso. As soluções para melhorar esse panorama, foram adquiridas através dos discursos modernos que envolvem a criação de mais alternativas de deslocamentos, como hidrovias, ciclovias, trens e metrôs, além de ações que incentivem a descentralização de empreendimentos e leis mais específicas para reduzir riscos de acidentes e poluição.
Estudos feitos na disciplina de Sociologia do Crime e da Violência demonstraram que, com o aumento populacional, foi necessário formular modelos urbanos mais adequados à nova realidade, como o projeto urbanístico de Haussmann para Paris. Assinale V para as assertivas verdadeiras e com F as falsas, sobre o Modelo Urbano:
(   ) Os discursos modernos, referente às  ideais de vivências urbanas, concorreram

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.