A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
17 pág.
PROJETO INTEGRADOR II IDENTIFICAÇÃO DAS DEMANDAS SOCIAIS OFICIAL (2)

Pré-visualização | Página 1 de 3

UNIVERSIDADE SANTO AMARO 
CURSO SERVIÇO SOCIAL 
 
 
CLAUDIA PATRICIA MORAIS MACIEL/RA 4527844 
LUCIANA NUNES DE LIMA/RA 4531655 
RENATA CRISTINA DA COSTA LUZ/RA 4533330 
 
 
 
PROJETO INTEGRADOR II 
IDENTIFICAÇÃO DAS DEMANDAS SOCIAIS NO MUNICÍPIO 
 DE DOM BOSCO – MG. 
 
 
 
 
 
 
Paracatu – Polo 1048 
2021 
 
CLAUDIA PATRICIA MORAIS MACIEL/RA 4527844 
LUCIANA NUNES DE LIMA/RA 4531655 
RENATA CRISTINA DA COSTA LUZ/RA 4533330 
 
 
 
 
 PROJETO INTEGRADOR II 
IDENTIFICAÇÃO DAS DEMANDAS SOCIAIS NO MUNICÍPIO 
DE DOM BOSCO – MG. 
 
 
 
 
Relatório de Projeto apresentado para obtenção de 
nota no processo avaliativo da disciplina de Projeto 
Integrador II – Identificação das demandas sociais do 
Curso de Serviço Social da Universidade Santo 
Amaro - UNISA, ministrada pela Profa. Esp. Luana 
Euzébia da Silva. 
 
 
 
Paracatu/Polo 1048 
2021 
 
RESUMO 
 
O presente projeto apresenta um mapeamento das principais demandas sociais 
encontradas na cidade de Dom Bosco-MG, utilizando-se de revisão bibliográfica e 
referenciais teóricos sobre a temática e as atribuições acerca do profissional de Assistência 
Social no processo de levantamento de demandas sociais para a produção do mesmo. 
A priore, o passo para obter-se uma conduta elucidativa das demandas sociais de qualquer 
lugar e para se ter uma visão real da conjuntura que o compõe é a realização de uma 
avaliação diagnóstica situacional no campo social. Sendo assim é fundamental, para o 
levantamento de demandas sociais, por se tratar de um processo importante, cujos dados 
sociais obtidos são utilizados como ferramentas essenciais pelos equipamentos 
organizacionais responsáveis pelo setor social, para realização de trabalhos interventivos. 
Apresentaremos o levantamento das demandas sociais do município de Dom Bosco - MG, 
discorrendo sobre o processo metodológico percorrido para o alcance desses dados, 
refletimos sobre a competência atribuída aos Assistentes Sociais e a importância de 
um profissional qualificado para realização de um bom mapeamento de área. 
PALAVRAS-CHAVE: Demandas Sociais. Políticas Públicas. Assistente Social. 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
SUMÁRIO 
 
 1 INTRODUÇÃO ...................................................................................................04 
2 PROBLEMA DO PROJETO ...............................................................................04 
3 OBJETO GERAL E ESPECIFICOS ...................................................................04 
4 JUSTIFICATIVA E DESENVOLVIMENTO ..........................................................05 
5 REFERENCIAL TEÓRICO .................................................................................09 
6 METODOLOGIA DA PESQUISA ........................................................................13 
7 CRONOGRAMA .................................................................................................14 
8 CONSIDERAÇÕES FINAIS ..................................................................................14 
9 REFERÊNCIAS ....................................................................................................16 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
4 
 
1 INTRODUÇÃO 
Neste Projeto Integrador, iremos mapear e identificar as principais demandas 
sociais do município de Dom Bosco – MG. Iremos abordar sua realidade econômica, 
educacional, saúde e suas políticas públicas sociais do município. 
Através do levantamento de dados por meio do site oficial da prefeitura municipal, 
canais de acesso à informação e de revisão bibliográfica, observamos algumas 
demandas sociais do município, as quais serão apresentadas no presente projeto. 
Ao contextualizar a conjuntura de qualquer região ou território, torna-se 
fundamental conhecer sua realidade e suas demandas sociais, para que as políticas 
públicas possam chegar até à população de forma pontual e garantir que as 
mesmas sejam aplicadas. 
 
 
2 PROBLEMA DO PROJETO 
 
O problema desta pesquisa é a Identficação das demandas sociais do municipio de 
Dom Bosco MG, através desta pesquisa com a observação das demandas investigadas 
percebemos elementos importantes diante de realidade do território. 
 O objeto deste estudo se deu na compreensão das demandas, as quais 
desejamos dar sentido dentro de um própósito no intuito de ajudar enquanto Assistentes 
Sociais. 
 
3 OBJETIVO GERAL E ESPECIFICOS 
 
Objetivo Geral 
Identificar e analisar a Demanda Social do município de Dom Bosco MG. 
 
Objetivos Específicos 
Refletir sobre as especificidades da análise de conjuntura; 
 
5 
 
Diagnosticar as demandas sociais do território; 
Discutir a respeito das demandas levantadas; 
 
4 JUSTIFICATIVA E DESENVOLVIMENTO 
 
A proposta deste estudo é identificar as demandas sociais no município de Dom 
Bosco – MG, levantar quais elementos serão identificados para o assistente social dar 
continuidade na pesquisa. 
A partir desta análise será possível identificar e compreender que através da 
identificação das demandas sociais haverá um esclarecimento e contribuição para a 
categoria profissional diante da realidade do município de Dom Bosco. 
Dom Bosco é um município brasileiro no interior do estado de Minas Gerais, 
Região Sudeste do país. Sua população estimada em 2017 era de 3 818 habitantes, é um 
município visivelmente pequeno, foi remanescente de Bonfinópolis de Minas. 
Surgiu de um retiro de gado, às margens do Córrego Espinho. Com a chegada das 
famílias dos colonos que aqui vieram para trabalhar em seus lotes (atuais fazendas), e da 
religiosidade nascida da recitação do terço de um cruzeiro e a construção de uma 
pequena capela, onde, em 3 de maio de 1952, Frei Adolfo, pároco de João Pinheiro, 
acompanhado do Senhor Sinval, celebrou a primeira missa. 
A partir da construção da capela, deu-se início ao pequeno povoado denominado 
Forguilha do Espinho. A antiga Forguilha do Espinho, denominada de Vila Dom Bosco ex-
povoado, foi elevada a Distrito em 08 de outubro de 1982. A instalação oficial do Distrito 
se deu em 16 de dezembro de 1984. A adoção do nome Dom Bosco e sua emancipação, 
oi em 1995 (Lei 12.030). Distrito criado com a denominação de Vila de Dom Bosco ex-
povoado, pela Lei Provincial nº 8285, de 08-10-1982, subordinado ao município de 
Bonfinópolis de Minas ex-Fróis. 
Em divisão territorial datada de 1-12-1983, o distrito de Vila Dom Bosco, figura no 
município de Bonfinópolis de Minas, assim permanecendo em divisão territorial datada de 
1988. Foi elevado à categoria de município com a denominação de Dom Bosco, pela Lei 
Estadual nº 12030, de 21-12-1995, desmembrado de Bonfinópolis de Minas. 
 
6 
 
 Sua divisão territorial datada de 2003, o município é constituído do distrito sede. 
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007. O município tem área 
territorial de 817.383 km². 
Todo município tem suas dificuldades na área da saúde, em Dom Bosco não é 
diferente, pois é uma cidade muito pequena e com poucos recursos. 
 A geração de recurso se dá a partir de pequenos produtores rurais que tiram leite 
em suas propriedades, pequenas lojas, supermercados, não há muita perspectiva de 
crescimento profissional, pois há poucas oportunidades de empregos. Quando os jovens 
terminam o ensino médio eles se mudam para outras cidades para fazer faculdade e 
procurar um trabalho onde são mais bem remunerados. 
 Existe muita necessidade de desenvolvimento na área educacional, não há 
escolas técnicas com cursos profissionalizantes nem faculdades na região, há somente 
escola municipal no município 
 
 
FIGURA 1 – SITUAÇÃO DA EDUCAÇÃO NO MUNICÍPIO 
 
 
Fonte: https://cidades.ibge.gov.br/brasil/mg/dom-bosco/panorama 
 
https://cidades.ibge.gov.br/brasil/mg/dom-bosco/panorama
 
7 
 
 
FIGURA 2 – SITUAÇÃO DA ECONOMIA NO MUNICIPIO 
 
Fonte:

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.