A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
6 pág.
Questões em TUBERCULOSE com gabarito

Pré-visualização | Página 1 de 2

| 1 
Questões compiladas por OnBiomedical 
 
Questões em TUBERCULOSE com gabarito 
 
Nível de Dificuldade: Médio 
 
1 – (Ano: 2014 Banca: FEPESE Órgão: Prefeitura de São José – SC) Identifique 
abaixo as afirmativas verdadeiras ( V ) e as falsas ( F ) considerando o Programa 
Nacional de Controle e Erradicação da Bruceloce e Tuberculose (PNCEBT). 
( ) A tuberculose é causada por bactérias em formato de bastonetes curtos, de 
natureza aeróbica e ácido-álcool resistentes, pertencentes à família 
Mycobacteriaceae, gênero Mycobacterium sp. 
( ) No caso dos bovinos, a tuberculose é causada pelo Mycobacterium tuberculosis. 
Já o Mycobacterium bovis causa tuberculose somente em humanos, não sendo capaz 
de provocar a doença em bovinos. 
( ) O PNCEBT estabelece como provas-padrão os testes alérgicos de tuberculinização 
intramuscular em bovinos e bubalinos com idade igual ou superior a seis meses. 
( ) O Teste Cervical Simples (TCS) é o teste de rotina recomendado pelo PNCEBT, 
bem como o Teste da Prega Caudal (TPC). Neste último caso, o TPC é 
exclusivamente utilizado em estabelecimentos de criação especializados na pecuária 
de leite. 
( ) O Teste Cervical Comparativo (TCC) é considerado o teste confirmatório pelo 
PNCEBT, utilizado em animais reagentes aos testes de rotina ou recomendado como 
teste de rotina para estabelecimentos de criação com ocorrência de reações 
inespecíficas, visando garantir boa especificidade diagnóstica. 
Assinale a alternativa que indica a sequência correta, de cima para baixo. 
A - V – F – F – F – V 
B - V – F – F – V – V 
C - V – F – V – F – V 
D - F – V – V – V – V 
E - F – F – V – V – F 
 
2 – (UFMA - 2016 - Técnico em Enfermagem) Sobre a coleta de escarro para exame 
bacteriológico de diagnóstico da tuberculose, assinale a alternativa verdadeira. 
https://www.passeidireto.com/perfil/on-biomedical/
https://www.passeidireto.com/perfil/on-biomedical/
 | 2 
Questões compiladas por OnBiomedical 
 
A - No transporte das amostras, deve-se atentar para acondicionamento que evite 
derramamento do conteúdo do frasco e, de preferência, expor frasco à luz solar. 
B - As amostras de escarro poderão ficar em temperatura ambiente por um período 
máximo de 72 horas. 
C - Se a demora para envio ao laboratório for no máximo de 7 dias, as amostras de 
escarro poderão permanecer expostas à luz solar em local fresco e arejado. 
D - Qualquer coleta de escarro, seja na unidade de saúde, seja no domicílio, o 
paciente, obrigatoriamente, deve estar em jejum. 
E - As amostras devem ser coletadas em local aberto, de preferência ao ar livre ou 
em sala bem arejada. 
 
3 – (INSTITUTO AOCP - 2017 - EBSERH - Técnico em Enfermagem - HUJB – UFCG) 
Uma mulher de 25 anos foi diagnosticada com tuberculose pulmonar. Ela tem um 
lactente de 02 meses de vida e está em aleitamento materno exclusivo em livre 
demanda. Nesse caso, deve-se recomendar que a mãe 
A - adie o aleitamento materno no primeiro mês de tratamento. 
B - seja isolada dos contatos intradomiciliares e do bebê. 
C - enquanto bacilífera utilize máscara N 95 durante a amamentação, para a proteção 
do bebê. 
D - seja tratada apenas com pirazinamida que é o único medicamento seguro na 
amamentação. 
E - suspenda a amamentação até o final do tratamento. 
 
4 – (CPCON - 2019 - Prefeitura de Solânea - PB – Enfermeiro) No Brasil, a tuberculose 
(TB) ainda constitui-se como um grave problema de saúde pública. O Programa 
Nacional de Controle da Tuberculose (PNCT) possui uma política de expansão da 
utilização da Prova Tuberculínica (PT), que conta com uma rede de multiplicadores 
responsáveis pela capacitação de profissionais na aplicação e na leitura da PT nos 
âmbitos nacional, estadual e municipal. Sobre a PT, é CORRETO afirmar: 
A - Em crianças e adolescentes, o resultado da PT deve ser analisado em conjunto 
com outras manifestações clínicas e epidemiológicas, por meio do escore clínico para 
afastar o diagnóstico da tuberculose pulmonar, particularmente nos casos negativos 
a baciloscopia, com finalidade de permitir o tratamento da ILTB. 
https://www.passeidireto.com/perfil/on-biomedical/
https://www.passeidireto.com/perfil/on-biomedical/
 | 3 
Questões compiladas por OnBiomedical 
 
B - Em crianças e adolescentes, não se precisa fazer o TB, pois todas as crianças e 
adolescentes foram imunizados durante a sua primeira infância, já que no Brasil existe 
a vacinação da BCG em sala de parto, por isso, não precisa haver interrogatório 
sintomatológico. 
C - Em crianças e adolescentes, o resultado da PT varia de acordo com a idade. De 
12 meses a 36 meses, não há recomendações nem é preciso fazer avaliação de 
outras manifestações clínicas. Apartir dos 10 anos, de acordo com o PNCT, é que se 
faz a PT. 
D - Não se indica o teste para nenhuma criança menor de 10 anos, pois estas já foram 
vacinadas com BCG pelo menos na infância menor. Sendo considerado um teste para 
ser feito em adultos jovens em diante ou em grupos de riscos de adultos e idosos. 
E - Em crianças, faze-se o PT, pois já é recomendado para a faixa etária desde a 
maternidade, mas, em adolescente, o PNCT não recomenda o teste de PT, pois não 
há mais vulnerabilidade, só a partir dos 18 anos, quando há introdução no mercado 
de trabalho e na vida social mais ativa. 
 
5 – (FCC - 2010 - TRF - 4ª REGIÃO - Analista Judiciário – Enfermagem) As ações de 
procura de casos de tuberculose estão voltadas para os grupos de maior 
probabilidade de apresentar a doença, quais sejam 
A - indivíduos infectados pelo HIV, com resultado à prova tuberculínica de 3 mm ou 
mais de endurecimento. 
B - pessoas com tosse e expectoração por três semanas. 
C - indivíduos com resultado negativo à prova tuberculínica. 
D - imunodeprimidos, com linfócito inferior a 3.500 cels/mm3. 
E - imunodeprimidos, com nível sérico de CD4 inferior a 1.000 cels/mm3. 
 
6 – (FCC - 2007 - MPU - Analista de Saúde – Enfermagem) Um usuário com 
tuberculose necessita ser orientado pela enfermagem sobre o procedimento da coleta 
de escarro para baciloscopia. Uma dessas orientações é 
A - evitar a coleta no período da manhã, ao despertar. 
B - coletar um volume de escarro compreendido entre 5 a 10 ml. 
C - coletar o escarro obtido da faringe ou por aspiração de secreções nasais. 
D - coletar amostra de saliva e de secreções da árvore brônquica e da faringe. 
https://www.passeidireto.com/perfil/on-biomedical/
https://www.passeidireto.com/perfil/on-biomedical/
 | 4 
Questões compiladas por OnBiomedical 
 
E - manter exposto a luz solar, por 1 hora, o frasco com a secreção coletada, antes 
de entregá-lo no recurso de saúde. 
 
7 – (FADESP - 2010 - Prefeitura de Juruti - PA – Enfermeiro) Em 2009, o Programa 
Nacional de Controle da Tuberculose, juntamente com o seu Comitê Técnico Assessor, 
reviu o sistema de tratamento da TB no Brasil e incorporou mudanças no sistema de 
tratamento dessa doença. Dentre as mudanças introduzidas no Esquema Básico de 
adultos e adolescentes, é correto afirmar que: 
A - A Fase Intensiva é constituída de comprimidos de doses variadas combinadas dos 
três medicamentos (RHZ). 
B - A Fase de Manutenção é constituída de comprimidos de doses fixas combinadas 
dos três medicamentos (RHE). 
C - A Fase Intensiva é constituída de comprimidos de doses fixas combinadas dos 
quatro medicamentos (RHZE). 
D - A Fase de Manutenção é constituída de comprimidos de doses fixas combinadas 
dos quatro medicamentos (RHZS). 
 
8 – (CESPE - 2009 - FUB – Enfermeiro) 
 
Considerando a situação hipotética acima descrita, julgue os itens que se seguem. 
O agente Mycobacterium tuberculosis tem transmissão aérea por gotículas geradas 
durante a tosse, espirro ou conversação. Por ser uma partícula pesada e não 
permanecer suspensa no ar, a paciente poderá ocupar quarto privativo simples, com 
porta fechada. 
A - Certo 
B - Errado 
 
9 – (FCC - 2011 - TRT - 23ª REGIÃO (MT) - Técnico Judiciário

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.