Administração de recursos
6 pág.

Administração de recursos

Disciplina:Logística E Distribuição1.206 materiais9.751 seguidores
Pré-visualização6 páginas
1
Administração de recursos
materiais
Sistema de Gestão de estoquesSistema de Gestão de estoques
Professor: Ricardo Bruno BorgesProfessor: Ricardo Bruno Borges
1. Considerações iniciais.
Os estoques são recursos ociosos que Os estoques são recursos ociosos que
possuem valor econômico.possuem valor econômico.
A formação de estoques consome capital de A formação de estoques consome capital de
giro que pode comprometer o retorno de giro que pode comprometer o retorno de
investimentos se não forem corretamente investimentos se não forem corretamente
dimensionados.dimensionados.
O gerenciamento moderno avalia e O gerenciamento moderno avalia e
dimensiona os estoques com base científica.dimensiona os estoques com base científica.
2. Demanda.
A previsão da demanda é fundamental para o A previsão da demanda é fundamental para o
planejamento e tomada de decisão.planejamento e tomada de decisão.
Na determinação da demanda poderá ser usado Na determinação da demanda poderá ser usado
métodos estatísticos de previsão.métodos estatísticos de previsão.
PREVISÃO DE CONSUMO.
A previsão de consumo poderá ser
determinado usando os métodos:
a) pela média móvel.
b) pela média móvel ponderada.
c) pela média ponderada exponencial.
d) pelos mínimos quadrados.
3. Determinação da demanda.
a) pela média móvel:
C = Cl + C2 +... + Cn
n
n
Cl , C2, Cn Consumo nos últimos períodos
.n número de períodos
4. Determinação da demanda pela
média móvel.
A empresa Alfa apresentou, em unidades, o
consumo abaixo de certo item: Jan. = 90
fev. = 95 mar. = 100 abr. = 105
Determine a previsão para o mês de
maio, pela média móvel.
C = 90 + 95 + 100 + 105 = 390
44
C = 97.5 unidades
5. Determinação da demanda pela
média móvel ponderada.
C = C1PI + C2P2 + .....+ CnPn
PI +P2 + ... + Pn
Cl
C
2
Cn
Consumo
nos
últimos
Cl
,
C
2
,
Cn
Consumo
nos
últimos
P1, P2, Pn Ponderação para cada período.
2
6. Determinação da demanda pela
média móvel ponderada.
A empresa Alfa apresentou, em unidades, o
consumo abaixo de certo item: Jan. = 90
fev. = 95 mar. = 100 abr. = 105
Determine a previsão para o mês de
maio, pela média móvel ponderada:
considerando os seguintes pesos:
jan. = 1 fev. = 2 mar = 3 abr. = 4
7. Determinação da demanda pela
média móvel ponderada.
C = l x 90 + 2x95 +3x l00 +4x l05
1 + 2 + 3 + 4
C
=
100
unidades
C
=
100
unidades
7. Determinação da demanda pela
média móvel exponencial.
) C` = αCn + (1 - α) C`n
α= x, para consu mo anterior menor (ou
abaixo do) que o valor previsto;
α= l - x, p ara consumo an terior maior (ou
i
d)
l
i
ac
i
ma
d
o
)
que o va
l
o
r
prev
i
sto.
α= 0,5, para con sumo anterior ig ual o valor
previsto.
(onde 'x' é a percentagem de erro sobre o valor
previsto).
C` Previsão para o período.
Cn Consumo no período anterior.
C`n Previsão no período anterior.
8. Determinação da demanda pela média
móvel exponencial.
A empresa Alfa apresentou, em unidades, o
consumo abaixo de certo item: Jan. = 90 fev. =
95 mar. = 100 abr. = 105
Determine a previsão para o mês de maio, pela
média ponderada exponencial, sabendo-se que a previsão
anterior foi igual a 95 unidades e que a empresa obtêm
α
anterior
foi
igual
a
95
unidades
e
que
a
empresa
obtêm
α
dentro dos seguintes princípios:
α= x, p ara consumo anterior meno r (ou abaix o
do) que o valor previsto;
α= l - x, para consumo anterior maior (ou acima
do) que o valor previsto.
α= 0,5, para consumo anterior igual o valor
previsto.
(onde 'x' é a percentagem de erro sobre o valor previsto).
9. Determinação da demanda pela média
móvel exponencial.
Cn = 105 C`n = 95
95 ------10
X ------100
x = 10 x 100 = 10,52 0,1052 %
95
@ = 1 – 0,1052 = 0,8948
C` = 0,8948 x 105 + ( 1 - 0.8948) x 95 =
C` = 104 unidades
10. Determinação da demanda pelos mínimos
quadrados.
A empresa Alfa apresentou, em unidades, o
consumo abaixo de certo item: Jan. = 90 fev. =
95 mar. = 100 abr. = 105
Determine a p revisão para o mês de maio
Determine
a
previsão
para
o
mês
de
maio
,
pelos mínimos quadrados.
Iº) y=n.a+x.b 2º) x.y = x.a + x².b
3º) C# =a+b.x
y = consumo
x = período considerado para a previsão
n = números de meses considerados
3
11. Determinação da demanda pelos mínimos
quadrados.
MÊS y x xy
janjan 9090 000000
fevfev 9595 119595 11
MarMar 100100 22 200200 44
AbrAbr 105105 33 315315 99
To t a lTotal 390390 66 610610 1414
12. Determinação da demanda pelos mínimos
quadrados.
Iº) 390 = 4a + 6b (x. -3)
2º) 610 = 6a + l4b (x. 2)
-1.170 = - l2a - l8b
1.220 = 12a + 28b
50 = 0 + 10b b = 50 = 5
5
de onde: a = 90 e b = 5
3º) C# = 90 + 5(4) = 110
C# = 110 unidades
13. Níveis de estoque.
Curva dente de Serra
Quantidade
Estoque Máximo
Curva de estoque
Meses
Jan fev mar abr mai jun jul ago set out
0
5
21
45
Estoque
Máximo
Ponto de pedido
Estoque mínimo
Curva
de
estoque
14. Níveis de estoque,fórmulas.
FÓRMULA S: EMn = K . C PP = (CxTR) + EMn
EMx = LC + EMn EOp = EMx - EMn
Onde: EMn = Estoque mínimo EMx = Estoque
Máximo EOp = E stoque Operacional
K = número arbitrário: será número inteiro
K
=
número
arbitrário:
será
número
inteiro
quando se desejar quantidade igual ou múltipla do
consumo; decimal ou fracionário quando se
desejar uma percentagem ou parte do consumo;
C = média dos consumos;
PP = ponto de pedido ou de reposição: ponto
em que deveremos iniciar o processo de reposição do
estoque;
15. Níveis de estoque,fórmulas.
TR = tempo de reposição, período destinado à reposição do
estoque, será número inteiro quando se referir a meses e
número fracioná rio para parcelas do mês, os d ias, onde o
numerador represe ntará os dias de repo sição e o
denominador o número trinta;
LC = lote de co mpra ou de aqu isição do material.
16. Níveis de estoque,exercício.
Uma peça é consumida a uma razão de 40 por mês e seu tempo
de reposição é de 7 dias. Qual será o Ponto de pedido,
considerando
o estoque mínimo igual a 1/4 da quantidade consumida
SOLUÇÃO:
C = 40 unidades TR = 7 PP = ? E Mn = 1 x C onde K = 1
30 4 4
EMn = 1 x 40 = 10 unidades PP = (40 x 7 ) + 10 PP = 19.33 unidades
4 3 0
em um mês?