oestadocorporativo
67 pág.

oestadocorporativo

Disciplina:FILOSOFIA E ÉTICA1.162 materiais34.527 seguidores
Pré-visualização29 páginas
devem exercer diretamente suas funções
de assistencia, e não podem delegal-as a outras organisações ou instituições, a não sêr por objetivos de
carater geral, cujo alcance, ultrapassa os interesses de cada categoria de produtóres.

* * * * *

Alem da assistencia social propriamente dita, exercida pelo Patronato Nacional de Assistencia Social,
(observar Declaração n. 18), da assistencia sindical exercida pelo Patronato, e da assistencia sanitaria
exercida pela Caixa Mutua Enfermidades, ha tambem uma assistencia a cargo dos Assistentes Sociaes
Fascistas, que são preparados na Escola Superior de Assistencia Social do Partido Nacional Fascista.
Esses assistentes aconselham e auxiliam os operarios nas suas necessidades individuaes e familiares, e
zelam principalmente, para que estes usufruam de todos os beneficios estabelecidos pelas varias leis e
pelas instituições creadas para este fim.

XXX.

 A educação e a instrução, sobretudo a instrução profissional, dos inscritos ou não que elas
representam, é um dos deveres principaes das associações profissionaes. Devem coadjuvar a ação das
obras nacionaes relativas ao Dopolavoro e as demais iniciativas de educação.

* * * * *

 No tocante, á instrução e á educação, os Littoriaes do Trabalho e os Grupos Culturaes Sindicaes,
de que já, fizemos referencia, na Declaraçao n. 24, desenvolvem uma função muito importante.

A ORGANISAÇÃO SINDICAL ITALIANA

 Os Sindicatos constituem as celulas da organisação corporativa. Através dos mesmos, cada
categoria profissional de trabalhadores ou de empregadores. é chamada para examinar diretamente seus

O Estado Corporativo

file:///C|/site/LivrosGrátis/oestadocorporativo.htm (39 of 67) [05/04/2001 18:09:21]

problemas, e para participar a todas as discussões, relativas aos seus interesses.
 O Sindicato tem como orgãos uma assembléa, um diretório e um diretor que concorrem para
vivificar os interesses da categoria, na sua expressão mais simples; através de seus orgãos capilares
(Sindicatos comunaes) é possivel evidenciar sua presença onde quer que exista um nucleo si bem que
modesto de produtóres.
 Segundo a circumscríção territorial em que operam, e isto depende do carater de cada categoria, os
Sindicatos podem ser provinciaes, regionaes e nacionaes.
 Qualquer que seja a categoria que eles representam, e qualquer que seja a circumscríção que eles
pertencem, os sindicatos se dividem segundo a situação de seus membros nas relações de trabalho, em
Sindicatos de Trabalhadores, de Empregadores, das Artes e das Profissões Liberaes. A lei italiana não
reconhece os Sindicatos mixtos.
 A união de todos os Sindicatos de Trabalhadores ou de Empregadores, em um dado campo de
atividade economica forma uma Federação Nacional; as diferentes Federações Nacionaes que no seu
conjunto abarcam um determinado ramo da produção estão reunidos na Confederação Nacional e têm o
objetivo de defender homegenea e unitariamente, os interesses sindicaes das categorias que a compõe.
 Para tal fim, as diferentes atividades economicas estão distribuidas em cinco grandes categorias :
agricultura, industria, comercio, credito e seguro, arte e profissões liberaes. As quatro primeiras
categorias, formam oito Confederações, dispostas simetricamente, quatro para os trabalhadores e quatro
para os empregadores. A quinta categoria, que não pode ser logicamente dividida em categoria de
trabalhadores e de empregadores, depende de uma unica Confederação. As Federações nacionaes
correspondentes aos diversos generos de atividade industrial, agrupam-se na Confederação dos
Trabalhadores da Industria; as Federações Nacionaes, dos diversos generos de atividade industrial
agrupam-se ma Confederação dos trabalhadores da industria; as Federações nacionaes dos diversos
generos de atividade agricola, agrupam-se na Confederação dos trabalhadores da agricultura; as
Federações nacionais dos diversos generos de atividade comercial agrupam-se na Confederação dos
trabalhadores do comercio; as Federações nacionaes dos diversos generos de atividade bancaria e de
seguro, agrupam-se na Confederação dos empregados dos bancos e das instituições de seguro. Existem
portanto, quatro Confederações de trabalhadores e a cada confederação corresponde uma Confederação
de empregadores; ha tambem uma Confederação que reune os sindicatos dos profissionaes e artistas. Por
isso, existem ao todo na Italia cerca de nove Confederações.
 Cada Confederação tem em cada Provincia um orgão que a representa. Este orgão é a União
Provincial que tem o objetivo de coordenar a atividade dos sindicatos provinciaes e comunaes das varias
categorias, que formam parte de cada Confederação.
 Ha para alguns oficios ou profissões, seja porque seus componentes são poucos, ou porque
desenvolvem sua atividade ora num lugar ora num outro (como por exemplo os varios trabalhadores do
espetáculo) em lugar dos sindicatos provinciaes, um sindicato nacional, ao qual todos estão inscritos;
para algumas categorias o sindicato é regional ou inter-regional. Esta diversidade porem, não modifica
substancialmente a organisação, que se compõe de três elementos: sindicato, federação nacional,
confederação
 Estes três graus diferentes de organisação correspondem a três funções diferentes da vida sindical,
e a cada função corresponde um orgão. O sindicato provincial (ou comunal) deve proporcionar "in loco"
á categoria, uma assistencia, uma proteção e uma defêsa que constituem suas finalidades fundamentaes.
(Dizemos á categoria e não aos seus inscritos, porque o sindicato fascista, devido ao seu caráter publico,
representa todos os que pertencem á categoria para a qual foi constituido, e não apenas os que se acham
inscritos; presta serviço a toda a categoria; é por isso que todos pagam uma contribuição obrigatoria
mesmo que não estejam inscritos)

O Estado Corporativo

file:///C|/site/LivrosGrátis/oestadocorporativo.htm (40 of 67) [05/04/2001 18:09:21]

 O sindicato provincial celebra os contratos coletivos de trabalho entre os operarios da provincia,
trata das controversias, ocupa-se da assistencia e da instrução profissional dos socios, nomeia os
representantes de categoria nas comissões ou nos orgãos, onde a categoria deve ser representada.
 Ha porem, trabalhadores de uma mesma categoria em toda a Italia em todas as Provincias, os quaes
alem das questões particulares têm interesses geraes, que são iguaes em toda a parte e que portanto
podem ser tratados de maneira uniforme em toda a Italia. Ha portanto um motivo de reunil-os todos
conjuntámente com as categorias similares, e para isso, foi creada a Federação nacional. Esta tem a
função de: ocupar-se da tutela geral das categorias que agrupa, para favorecer o desenvolvimento tecnico
e economico; estudar e resolver os problemas economicos e sociaes das categorias que reune; celebrar
contrátos coletivos de trabalho e os acordos para regularisar as relações economicas coletivas que
interessam as categorias que ela reune; cuidar da assistencia, da educação tecnica moral e nacional de
seus socios, e ocupar-se tambem do incremento da produção; nomear os representantes das categorias
nas Corporações e nos Conselhos e associações diversas, onde estes representantes devem figurar.
 A Confederação tem funções analogas ás da Federação nacional, porem mais geraes, porquanto se
ocupa dos interesses comuns e da representação de todas as categorias enquadradas nas Federações
nacionaes que a compõe.
 Todos os trabalhadores e empregadores são organisados da seguinte maneira:

AGRICULTURA
TRÀBALHADORES

 1. Federação nacional fascista dos empregados tecnicos e administrativos de emprêsas agricolas e
florestaes.
 2. Federação nacional fascista de colonos e parceiros.
 3. Federação nacional fascista dos assalariados e dos operarios.
 4. Federação nacional fascista do pessoal especialisado agricola, zootecnico