_MASSAGEM CLSSICA NA PARALISIA FACIAL PERIFRICA.ppt

Disciplina:Tópicos Regionais em Fisioterapia524 materiais539 seguidores
Pré-visualização1 página
*
*
*

MASSAGEM CLÁSSICA NA PARALISIA FACIAL PERIFÉRICA
AULA TEÓRICA

*
*
*

Introdução a Paralisia Facial Periférica
		O nervo facial é formado por duas raízes que seguem juntas por longo trajeto dentro do crânio: a) o nervo facial propriamente dito, que corresponde à raiz motora responsável pela inervação dos músculos da mímica facial e do músculo estapédio (relacionado com a audição); e b) o nervo intermediário de Wrisberg, que é composto por fibras sensitivas somáticas (controlam a sensibilidade de parte do pavilhão auricular), fibras sensitivas especiais (controlam a gustação dos dois terços anteriores da língua) e fibras do sistema nervoso autônomo (controlam as glândulas lacrimais e salivares).

*
*
*

		Uma lesão do nervo facial manifesta-se por paralisia dos músculos da mímica facial em uma hemiface com incapacidade para enrugar a fronte, fechar completamente o olho, sorrir, bochechar, assoviar. Observa-se, ainda, desvio da comissura labial para o lado contrário à lesão, apagamento dos sulcos da hemiface comprometida e lacrimejamento contínuo. Na dependência do local da lesão do nervo facial, alterações da gustação, audição (os sons parecem mais altos no lado comprometido), e salivação podem ser encontradas.

*
*
*

		As lesões do nervo facial podem ser congênitas ou adquiridas.
		A paralisia de Bell, ou paralisia facial idiopática (cuja causa é desconhecida), é a mais freqüente.

*
*
*

Tratamento fisioterapêutico
		O real valor da fisioterapia pode não ter sido demonstrado em vários estudos, mas parece ter efeito benéfico no sentido de evitar deformidades e manter a flexibilidade e a elasticidade muscular durante o período de paralisia. Exercícios específicos podem ser indicados quando se observa esboço de movimento da musculatura envolvida.
		Quanto à eletroestimulação, não existe comprovação científica de sua eficácia como método de tratamento.

*
*
*

Massagem clássica na paralisia facial periférica
Deslizamento superficial por todo a face (sentido ascendente);
Deslizamento profundo por toda a face (sentido ascendente);
Amassamento em S na área não comprometida!!!!;
Percussão associada a estímulo verbal em cada movimento de mímica facial, no lado não comprometido;

*
*
*

 Estímulo rápido com a toalha no lado comprometido associado a estímulo verbal em cada movimento de mímica facial;
 Estímulo rápido com o gelo no lado comprometido associado a estímulo verbal em cada movimento de mímica facial;
Kabat facial na área comprometida;
Exercício ativo para a musculatura da mímica facial ( queixo, boca, nariz, olhos, testa,...);