Sociologia J. - Anotação (19)
8 pág.

Sociologia J. - Anotação (19)


DisciplinaSociologia Jurídica5.374 materiais47.187 seguidores
Pré-visualização3 páginas
de 
rejeição racial.
A Lei de Introdução ao Código Civil, no artigo 7º, a Constituição no artigo 227, § 5º e o ECA, no artigo 31, 
apresentam regras e condições legais para adoção por estrangeiro:
1) impossibilidade de adoção por procuração;
2) estágio de convivência do estrangeiro residente fora do Brasil de, no mínimo, 15 dias para crianças de até 
2 anos de idade e de 30 dias, no mínimo, se o adotando tiver mais de 2 anos de idade;
3) comprovação de habilitação do adotante à adoção, de acordo com as leis de seu país de origem;
4) apresentação de estudo psicossocial do adotante, feito por agência especializada e credenciada no seu 
país de origem, atestando sua sanidade mental idoneidade moral, suas condições econômicas para adotar;
5) juntada aos autos de documentos estrangeiros, devidamente autenticados pela autoridade consular, com 
observância dos tratados e convenções internacionais;
6) permissão de saída do adotando do território nacional apenas após a consumação da adoção.
É importante destacar que a adoção seja ela nacional ou internacional, tem por finalidade dar, 
principalmente ao menor carente, condições moral, social e afetiva, de ser criado por uma família pela qual 
realmente é desejado.
"Proibida a reprodução total ou parcial, por qualquer meio ou processo, assim como a inclusão em qualquer sistema de processamento de dados. A 
violação do direito autoral é crime punido com prisão e multa (art. 184 do Código Penal), sem prejuízo da busca e apreensão do
material e indenizações patrimoniais e morais cabíveis (arts. 101 a 110 da lei 9.610/98 - Lei dos Direitos Autorais).\u201d
www.r2direito.com.br