BOLDO-CAFEINA
2 pág.

BOLDO-CAFEINA


DisciplinaFarmacognosia I475 materiais3.160 seguidores
Pré-visualização2 páginas
conhecida para a cafeina é a sua associação com analgésicos de uso na 
terapêutica. Esta associação foi descrita pela primeira vez em 1962. Foi demonstrado o aumento do efeito 
analgésico da aspirina com fenacetina e cafeina. Em 19676, surgiu uma patente sobre a associação de 
analgésico com cafeina. A associação é bastante utilizada para enxaquecas, dores de cabeça que não se 
obtem eficácia com analgésicos isoladamente. Geralmente, a resposta do paciente a analgésico somado a 
cafeina é sinérgica, somente o uso de cafeina ou do analgésico não apresentaria efeito. Por mais que seja 
uma alternativa clínica antiga, mas de aplicação até o momento, o mecanismo de ação não está totalmente 
esclarecido. Sabe-se que a cafeina é um antagonista natural da adenosina e no SNC ela induz a interação 
com receptores adrenergicos e estimula, provocando vasoconstrição dos vasos, consequentemente, efeito 
sobre a dor. É sugerido também a inibição da COX-2 proteina sintetase no SNC. 
A cafeina em estudos recentes demonstram seu efeito positivo sobre a fadiga mental, quando associada a 
vitaminas7 e também o seu uso crônico demonstrou efeito sobre cobaias com deficit de atenção por 
hiperatividade8
5 Goodman Y Gilman Las Bases Farmacologicas de la terapéutica, Editora Panamericana. 
6 Augmentation of analesic effect of aspirin with phenacetin and caffeine. Current Therapeutic Research \u2013 clinical and 
experiment, 4(12), 1962. 
7 Improved cognitive performance and mental fatigue following a multi-vitamin and mineral supplement with added guarana 
(Paullinia cupana)´Apetit, 50, 506-513, 2008.
8 Chronic caffeine treatment during prepubertal period confers long-term cognitive bene\ufb01ts in adult spontaneously hypertensive rats (SHR), 
an animal model of attention de\ufb01cit hyperactivity disorder (ADHD), Behavioural Brain Research, 215, 39-44,2010