ANTAGONISTAS+ADRENÉRGICOS
22 pág.

ANTAGONISTAS+ADRENÉRGICOS


DisciplinaFarmacologia I31.900 materiais605.578 seguidores
Pré-visualização2 páginas
FARMACOLOGIA DAS DROGAS SIMPÁTICAS 
ANTAGONISTAS SIMPÁTICOS 
\u2022 ANTAGONISTAS SIMPÁTICAS \u2192 DROGAS ANTIADRENÉRGICAS \u2192 
BLOQUEIAM OS RECEPTORES ADRENÉRGICOS 
 
\u2022 PRINCIPAIS RECEPTORES ADRENÉRGICOS: \uf0611, \uf0612, \uf0621, \uf0622 
 
\u2022 PARA ENTERDERMOS A FARMACOLOGIA DAS DROGAS 
ANTAGONISTAS SIMPÁTICAS 
PRINCIPAL LOCALIZAÇÃO DOS RECEPTORES 
EFEITOS INDIZIDOS PELO BLOQUEIO DESSES RECEPTORES 
AÇÕES FARMACOLÓGICAS 
INDICAÇÃOES DE USO CLÍNICO 
REAÇÕES ADVERSAS 
CONTRA-INDICAÇÕES 
Contrai a 
pupila 
FARMACOLOGIA DAS DROGAS SIMPÁTICAS 
ANTAGONISTAS SIMPÁTICOS 
\u2022 OS ANTAGONISTAS SIMPÁTICOS \u2192 SIMPATICOLÍTICOS \u2192 IMPEDEM 
AÇÃO DA ADRENALINA E DA NORADRENALINA \u2192 EFEITOS 
OPOSTOS AOS DA ADRENALINA E NORADRENALINA NO NOSSO 
ORGANISMO 
 
\u2022 RELEMBRAR AS AÇÕES DA ADRENALINA 
FARMACOLOGIA DAS DROGAS SIMPÁTICAS 
ANTAGONISTAS SIMPÁTICOS 
ANTAGONISTAS SIMPÁTICOS 
 
ANTAGONISTAS \uf061-ADRENÉRGICOS 
ANTAGONISTAS \uf0611-ADRENÉRGICOS SELETIVOS: BLOQUEIAM OS 
RECEPTORES \uf0611 NOS VASOS \uf0ae VASODILATAÇÃO \uf0ae \uf0afPA 
 
ANTAGONISTAS \uf0612-ADRENÉRGICOS SELETIVOS: NÃO TÊM 
INTERESSE CLÍNICO. 
A ATIVAÇÃO DOS RECEPTORES \uf0612 PRÉ-SINÁPTICOS INIBE A 
LIBERAÇÃO DE NE (FEEDBACK -). O BLOQUEIO DESSES 
RECEPTORES \uf0ae AUMENTA A LIBERAÇÃO NE \uf0ae ATIVA OS 
RECEPTORES \uf0611 NOS VASOS E \uf0621 NO CORAÇÃO\uf0ae VASOCONSTRIÇÃO 
E \uf0ad FC \uf0ae \uf0ad PA. 
 
 ANTAGONISTAS \uf061-ADRENÉRGICOS 
 NÃO SELETIVOS SELETIVOS \uf0611 SELETIVOS \uf0612 
FENOXIBENZAMINA 
FENTOLAMINA 
PRAZOSIN 
DOXAZOSIN 
TERAZOSIN 
TRIMAZOSIN 
ALFUZOSIN 
BUNAZOSIN 
INDORAMINA 
URAPIDIL 
IOMBINA 
TOLAZOLINA 
RAWOLSCINA 
 ANTAGONISTAS \uf061-ADRENÉRGICOS NÃO SELETIVOS: 
 
FENOXIBENZAMINA (ANTAGONISTA IRREVERSÍVEL DOS RECEPTORES \uf0611 E \uf0612) 
FENTOLAMINA (ANTAGONISTA COMPETITIVO REVERSÍVEL DOS RECEPTORES \uf0611 E \uf0612) 
 
AÇÕES FARMACOLÓGICAS: 
\u2022BLOQUEIO DE RECEPTORES \uf0611 NOS VASOS \uf0ae VASODILATAÇÃO \uf0afPA. 
\u2022BLOQUEIO DE RECEPTORES \uf0612 PRÉ-SINÁPTICOS \uf0ae AUMENTA A LIBERAÇÃO DE NE 
\uf0ae \uf0621 \uf0ae TAQUICARDIA ACENTUADA. 
 
USO TERAPÊTICO: 
-TRATAMENTO DO FEOCROMOCITOMA (ANTES DA CIRURGIA) 
 
-REAÇÕES ADVERSAS: TAQUICARDIA INTENSA , ARRITMIAS, CONGESTÃO NASAL, 
CEFALÉIA, HIPOTENSÃO POSTURAL, INIBIÇÃO DA EJACULAÇÃO. 
 
ANTAGONISTAS \uf0611-SELETIVOS: 
 
PRAZOSIN: A SUA AFINIDADE PELO RECEPTOR \uf0611 É CERCA DE 1000 VEZES MAIOR 
DO QUE PELO RECEPTOR \uf0611 
 
AÇÕES FARMACOLÓGICAS: 
- BLOQUEIO DE RECEPTORES \uf0611 NOS VASOS \uf0ae VASODILATAÇÃO \uf0ae \uf0afPA. 
-DOSES TERAPÊUTICAS NÃO INDUZ TAQUICARDIA TÃO ACENTUADA POIS, NÃO 
ANTAGONIZA OS RECEPTORES \uf0612 PRÉ-SINÁPTICOS \uf0ae NÃO AUMENTA A 
LIBERAÇÃO DE NE. 
 
INDICAÇÕES TERAPÊUTICAS: 
\u2022DROGAS DE 3ª LINHA NO TRATAMENTO DA HIPERTENSÃO LEVE A MODERADA 
(ASSOCIAÇÃO COM DIURÉTICOS) 
\u2022HIPERTROFIA PROSTÁTICA/RETENÇÃO URINÁRIA 
\u2022CONGELAMENTO DE EXTREMIDADES \uf0ae VASOCONSTRIÇÃO \uf0ae NECROSE 
\u2022VASOESPASMOS ACENTUADO (DOENÇA DE RAUYNAUD) 
EFEITOS ADVERSOS: 
EFEITO DA 1A DOSE \uf0ae HIPOTENSÃO EXCESSIVA (DEVE SER TOMADA A NOITE 
AO DEITAR- DOSE MENOR) 
\u2022VERTIGEM 
\u2022DOR DE CABEÇA 
\u2022HIPERMOTILIDADE INTESTINAL \uf0ae DORES ABDOMINAIS 
\u2022CONGESTÃO NASAL 
\u2022EDEMA 
\u2022DISFUNÇÃO SEXUAL (INIBE A EJACULAÇÃO) 
\u2022TAQUICARDIA (RARA DOSES MUITO ALTAS) 
 
CONTRA-INDICAÇÃO: 
\u2022TRATAMENTO DA HIPERTENSÃO ARTERIAL MASCULINA 
 
NOME COMERCIAL: 
\u2022PRAZOSIN (MINIPRES) 
\u2022INDORAMINA (WYPRESS) 
 ANTAGONISTA \uf062-ADRENÉRGICOS NÃO 
SELETIVOS 
 ANTAGONISTA RECEPTOR T1/2 (H) 
PROPRANOLOL \uf0621 \uf0622 3-6 
TIMOLOL \uf0621 \uf0622 4-5 
NADOLOL \uf0621 \uf0622 14-24 
PINDOLOL* \uf0621 \uf0622 3-4 
SOTALOL \uf0621 \uf0622 12 
* EFEITO AGONISTA PARCIAL - ATIVIDADE SIMPATOMIMÉTICA INTRÍNSECA 
 
 ANTAGONISTA \uf062-ADRENÉRGICOS 
SELETIVOS 
 ANTAGONISTA RECEPTOR T1/2 (H) 
ATENOLOL \uf0621 6-9 
BISOPROLOL \uf0621 9-12 
BETAXOLOL \uf0621 14-22 
METOPROLOL \uf0621 3-4 
OBS: A SELETIVIDADE É RELATIVA À DOSE, NENHUM É 100% SELETIVO 
 ANTAGONISTA MISTOS 
 BLOQUEIAM OS RECEPTORES \uf0621 \uf0622 \uf0611 
 ANTAGONISTA RECEPTOR T1/2 (H) 
CARVEDILOL \uf0621 \uf0622 \uf0611 
 
 
LABETALOL* \uf0621 \uf0622 \uf0611 
* EFEITO AGONISTA PARCIAL - ATIVIDADE SIMPATOMIMÉTICA INTRÍNSECA 
AÇÕES FARMACOLÓGICAS: 
PROPRANOLOL (1964) 
\u2022BLOQUEIA RECEPTOR \uf0621 \uf0ae CORAÇÃO \uf0ae \uf0afFC (BRADICARDIA) 
\u2022BLOQUEIA RECEPTOR \uf0622 \uf0ae BRÔNQUIOS \uf0ae BRONCOCONSTRIÇÃO 
\u2022BLOQUEIA RECEPTOR \uf0622 \uf0ae VASOS \uf0ae VASOCONSTRIÇÃO 
PERIFÉRICA 
 
\u2022ACEBUTOLOL, ATENOLOL, METOPROLOL: BLOQUEIA RECEPTOR \uf0621 
\uf0ae CORAÇÃO \uf0ae \uf0afFC 
 
\u2022TODOS DIMINUEM A CONDUÇÃO DO NODO SINOATRIAL E 
ATRIOVENTRICULAR 
\u2022 OS FÁRMACOS COM ATIVIDADE SIMPATOMIMÉTICA INTRINSECA 
DEPRIMEM MENOS O DC E FREQUÊNCIA CARDÍACA 
 ANTAGONISTA \uf062-ADRENÉRGICOS 
ANTAGONISTA \uf062-ADRENÉRGICOS 
\u2022 INDICAÇÕES TERAPÊUTICAS: 
\u2022 TRATAMENTO DA HIPERTENSÃO (PACIENTE NORMOTENSOS X 
HIPERTENSOS) 
 
\u2022 MECANISMO DE AÇÃO: 
\u2022 BLOQUEIO DOS RECEPTORES \uf0621 NO CORAÇÃO \u2192 \uf0af FORÇA E 
FREQUÊNCIA DE CONTRAÇÃO DO CORAÇÃO \uf0ae \uf0af DC 
 
\u2022 BLOQUEIO DOS RECEPTORES \uf0621 NO RIM: \uf0af RENINA \u2192 \uf0af 
ANGIOTENSINA II \u2192 \uf0af PA 
 
\u2022 INÍCIO: AUMETO DA PRESSÃO (VASOCONSTRIÇÃO- BLOQUEIO \uf0622 ) 
\uf0ae \uf0af PA (USO CRÔNICO) 
 
 
ANTAGONISTA \uf062-ADRENÉRGICOS 
\u2022 INDICAÇÕES TERAPÊUTICAS: 
\u2022 ANGINA: CARACTERIZADA POR INTENSA DOR TORÁXICA QUE OCORRE 
QUANDO O FLUXO SANGUINEO CORONÁRIO É INSUFICIÊNTE PARA FORNECER O 
OXIGÊNIO NECESSÁRIO AO MIOCÁRDIO. 
\u2022 MECANISMO DE AÇÃO 
\u2022 BLOQUEIO DOS RECEPTORES \uf0621 NO CORAÇÃO \u2192 \uf0af FORÇA E 
FREQUÊNCIA DE CONTRAÇÃO DO CORAÇÃO 
 
\u2022 BLOQUEIO DOS RECEPTORES \uf0621 NO RIM: \uf0af RENINA \u2192 \uf0af 
ANGIOTENSINA II \u2192 \uf0af PA 
 
\u2022 TODOS ESSES EFEITOS HEMODINÂMICOS 
 
DIMINUEM O GASTO DE O2 PELO MIOCÁRDIO 
ANTAGONISTA \uf062-ADRENÉRGICOS 
 
\u2022 REDUÇÃO DA MORTALIDADE APÓS 1O INFARTO (DIMINUI DEMANDA 
DE OXIGÊNIO) 
 
\u2022 ARRITMIAS: DEVIDO A AÇÃO DEPRESSORA SOBRE O NODO 
SINOATRIAL E ATRIOVENTRICULAR 
 
 
 
 
ANTAGONISTA \uf062-ADRENÉRGICOS 
 
 
 
 
\u2022GLAUCOMA: AUMENTO DA PRESSÃO INTRA-OCULAR \uf0ae DEVIDO 
A DIFICULDADE DE ESCOAMENTO DO HUMOR AQUOSO PELO 
CANLA DE SCHLEMM \uf0ae CEGUEIRA 
 
\u2022MECANISMO DE AÇÃO: BLOQUEIO DOE RECEPTORES \uf0621 NO 
EPITÉLIO DO CORPO CILIAR \u2192 DIMINUI A PRODUÇÃO DE HIUMOR 
AQUOSO \u2192 DIMINUINDO A PRESSÃO INTRA OCULAR 
 
 
ANTAGONISTA \uf062-ADRENÉRGICOS 
\u2022 ALÍVIO DOS SINTOMAS PERIFÉRICOS DA ANSIEDADE (DIMINUI 
TAQUICARDIA, TREMORES) 
 
\u2022 HIPERTIREOIDISMO: DIMINUI A ESTIMULAÇÃO SIMPÁTICA 
CARDÍACA 
 
\u2022 INSUFUCIÊNCIA CARDÍACA : OCORRE UMA DIMINUIÇÃO DO DÉBITO 
CARDÍACO \uf0ae CORAÇÃO SE TORNA INCAPAZ DE IMPULSIONAR A 
QUANTIDADE SE SANGUE ADEQUADA ÀS NECESSIDADES 
METABÓLICAS DOS ORGÃOS. 
 
 
 
 
ANTAGONISTA \uf062-ADRENÉRGICOS 
 
MECANISMO COMPENSATÓRIOS DESENCADEADOS NA IC 
\uf0af DC 
\uf0af FLUXO SANGUINEO RENAL 
\uf0ad LIB DE RENINA 
\uf0ad ANGIOTENSINA II 
ALDOSTERONA 
RETENÇÃO DE SÓDIO E ÁGUA 
AUMENTO DA ATIVAÇÃO SIMPÁTICA 
 NORADRENALINA A E ADRENALINA 
VASOCONSTRIÇÃO 
\uf0ad PRESSÃO VENOCAPILAR 
EDEMA 
VC 
FIBROSE 
\uf02d PRODUÇÃO 
DE COLÁGENO 
REMODELAMENTO CARDÍACO 
INSUFICIÊNCIA CARDÍACA 
 
\u2022 PROBLEMAS DECORENTES DA ATIVAÇÃO DE SISTEMAS 
COMPENSATÓRIOS: 
 
\u2022 - AUMENTO DA ATIVIDADE SIMPÁTICA \u2192 VC 
 
\u2022 - MAIOR ATIVAÇÃO DO SISTEMA RENINA-ANGIOTENSINA 
 
\u2022 - REMODELAGEM CARDÍACA (HIPERTROFIA, PERDA DE 
TECIDO CONTRÁTIL, FIBROSE) 
 
TODOS ESSE FATORES CONTRIBUEM PARA UM AUMENTO DA 
PRÉ E PÓS CARGA \u2192 SOBRECARGA CARDÍACA E 
DIMINUINDO AINDA MAIS A FUNCIONALIDADE DO CORAÇÃO 
ANTAGONISTA \uf062-ADRENÉRGICOS 
INSUFICIÊNCIA CARDÍACA 
 
CARVEDILOL - MOSTROU SER BENÉFICO NO TRATAMENTO DE 
PACIENTES COM INSUFICIÊNCIA CARDÍACA ESTÁVEL 
ATRAVÉS DA DIMINUIÇÃO DA ARRITMIA, DA PRESSÃO 
ARTERIAL, \uf0af RENINA \u2192 \uf0af PRÉ E PÓS CARGA CARDÍCA E O 
REMODELAMENTO DO MUSCULO CARDÍACO \u2192 MELHORANDO 
PROGNÓSTICO DA DOENÇA. 
 
 USO DEVE SER FEITO COM CAUTELA DEVIDO A ÇÃO 
DEPRESSORA SOBRE AS CÉLULAS MARCA-PASO. 
 
ANTAGONISTA \uf062-ADRENÉRGICOS 
EFEITOS ADVERSOS 
\u2022HIPOTENSÃO 
\u2022BRADICARDIA , BLOQUEIO ATRIOVENTRICULAR 
\u2022BRONCOCONSTRIÇÃO 
\u2022DIFICULDADE