A4 AVALIAÇÃO TOXICOLÓGICA DE SUBSTÂNCIAS QUÍMICAS
27 pág.

A4 AVALIAÇÃO TOXICOLÓGICA DE SUBSTÂNCIAS QUÍMICAS


DisciplinaToxicologia Geral77 materiais788 seguidores
Pré-visualização2 páginas
condições definidas de exposição. 
 
DOSE DE MÍNIMO EFEITO ADVERSO 
OBSERVÁVEL (DMEAO) 
Menor concentração ou quantidade de um agente químico que 
provoca alteração na morfologia ......... distinguível dos 
organismos-controle de igual espécie/linhagem, submetidos as 
mesmas condições definidas de exposição. 
CONCEITO E CÁLCULO DE 
INGESTÃO DIÁRIA ACEITÁVEL (IDA) 
IDA = NOEL/F.I. 
F.I. = fator arbitrário. Considera diferenças entre a 
espécie animal e a espécie humana e diferenças de 
sensibilidade dentro da espécie humana. 
Para aditivos tem sido adotado um fator de 100. 
 
Fatores de incerteza 
Qualidade dos dados toxicológicos 
Existência de dados em humanos e sua qualidade 
Tipo de população a proteger 
Variabilidade da resposta interespécies e intraespécies 
Tempo de exposição dos animais: acima de 6 meses 
(doses múltiplas) e observação neste tempo. Tempo 
depende do animal de experimentação e do uso 
preconizado para a substância química. 
Finalidades: 
- determinar a resposta do organismo em exposições 
prolongadas à substância química, geralmente a baixas 
concentrações; 
- Avaliar o potencial carcinogênico da substância ; 
- Avaliar as diferenças interespécies na resposta. 
Observar: alterações clínicas e histopatológicas 
Teste: 2 ou mais espécies de ambos os sexos; 50 animais 
dose/sexo; via: oral (ou inalatória?); doses: mínimo de 3 
Ensaios de Toxicidade Crônica 
ENSAIOS \u201cESPECIAIS\u201d 
 
TERATOGENICIDADE: efeitos devido a alterações na 
organogênese (ratas) 
MUTAGENICIDADE: efeitos nocivos no material genético 
(DNA) e transmitido às novas células durante a divisão. Teste 
de AMES (Salmonella typhimurium deficientes de fodforibosil 
ATP sintetase). Teste do micronúcleo em linfócitos. Teste 
de danos cromossômicos em células da medula óssea em 
metáfase. 
Alterações na reprodução e no desenvolvimento do 
organismo: alterações antes da concepção (avaliação da 
fertilidade e comportamento reprodutor). Desenvolvimento peri 
natal, pós natal até puberdade em uma ou mais gerações. 
Estudos de toxicocinética: absorção, distribuição, 
biotransformação e excreção em diferentes espécies e no 
homem. 
Estudos de ecotoxicidade: mobilidade, degradação, 
monitorização de organismos do ambiente; testes de 
toxicidada para plantas e animais silvestres 
CRITÉRIOS PARA AVALIAÇÃO 
Menores exigências 
Tradição de uso pelo homem 
Metabólitos são constituintes 
normais no organismo 
Maiores exigências Uso por grupos de risco 
Mulheres 
grávidas 
Crianças Diabéticos
Aline
Aline fez um comentário
Obrigada.
0 aprovações
Carregar mais