Aula_02

Aula_02


DisciplinaMercado Financeiro12.787 materiais87.914 seguidores
Pré-visualização2 páginas
*
*
*
MERCADO FINANCEIRO
CIÊNCIAIS CONTÁBEIS \u2013 RICARDO SILVEIRA
Rio de Janeiro, 04 de Agosto de 2011
*
*
*
Os mercados do dinheiro
Conforme estudamos na aula anterior os mercados financeiros se traduzem como o mecanismo ou ambiente através do qual se produz um intercâmbio de ativos financeiros e se determinam seus preços. Além disso, são mercados nos quais os recursos financeiros são transferidos desde unidades superavitárias, isto é, que têm um excesso de fundos, até aquelas deficitárias. 
*
*
*
Os mercados do dinheiro
São 4 grandes subdivisões estabelecidas para o Mercado Financeiro:
Mercado monetário;
Mercado de crédito;
Mercado de capitais;
Mercado cambial.
*
*
*
Mercado Monetário
Se encontra estruturado visando o controle da liquidez monetária da economia. Os papéis são negociados nesse mercado tendo como parâmetro de referência a taxa de juros, que se constitui em sua mais importante moeda para transação. 
*
*
*
Mercado Monetário
São negociados os papéis emitidos pelo Tesouro Nacional voltados à execução da política monetária do Governo Federal. São ainda negociados no mercado monetário os certificados de depósitos interfinanceiros (CDI), exclusivamente entre instituições financeiras e títulos de emissão privada como certificado de depósito bancário (CDB) e debêntures.
*
*
*
Mercado Monetário
A liquidez monetária da economia pode ser regulada, assim como supridas as necessidades de caixa do Tesouro Nacional, de forma mais dinâmica e imediata pelas operações de compra e venda de títulos públicos. Com essas operações o Banco Central regula o nível de oferta de monetária e da taxa de juros a curto prazo. 
*
*
*
Mercado Monetário
Sistema Especial de Liquidação e Custódia (SELIC) 
Criado em 1979, o SELIC destina-se ao registro de títulos e de depósitos interfinanceiros por meio de equipamento eletrônico de teleprocessamento. Nele são liquidadas e registradas todas as movimentações com títulos escriturais de emissão do Tesouro Nacional e do Banco Central do Brasil.
A administração do SELIC é de competência exclusiva do Banco Central do Brasil.
*
*
*
Mercado monetário
Para conhecer melhor os tipos de títulos públicos emitidos pelo Governo Federal acessar www.tesouronacional.gov.br.
Perguntas mais freqüentes sobre gestão da dívida mobiliária e operações de mercado aberto. 
http://www4.bcb.gov.br/pec/gci/port/focus/faq.asp
*
*
*
Mercado Monetário
Com relação à negociação dos certificados de depósitos interfinanceiros (CDI), as quais são realizadas exclusivamente entre instituições financeiras e títulos de emissão privada, como certificados de depósitos bancários (CDB) e debêntures, as liquidações são realizadas através da CETIP 
*
*
*
Mercado Monetário
A CETIP S.A. - Balcão Organizado de Ativos e Derivativos é uma sociedade administradora de mercados de balcão organizados, ou seja, de ambientes de negociação e registro de valores mobiliários, títulos públicos e privados de renda fixa e derivativos de balcão. 
*
*
*
Mercado Monetário
Segundo Assaf Neto, \u201cas instituições financeiras trocam dinheiro entre si \u2013 compram e vendem dinheiro \u2013 no denominado Mercado Interfinanceiro. Ao apresentar as sobras de caixa, a instituição vende liquidez comprando títulos de outras instituições, na falta de disponibilidade, a instituição compra liquidez vendendo títulos no mercado\u201d.
*
*
*
Mercado monetário
Essas operações são lastreadas pelos CDI \u2013 Certificados de Depósitos Interfinanceiros, títulos emitidos pelas instituições que atuam nesse segmento de mercado. Os CDIs possibilitam a troca de reservas entre as instituições participantes no Mercado Interfinanceiro. 
*
*
*
Mercado Monetário
A taxa CDI pode ainda se entendida como uma taxa de juro básica do mercado interfinanceiro, que influencia a formação das demais taxas de juros. São formadas, essencialmente, com base nas taxas de juros reais do mercado de títulos públicos e nas taxas de inflação da economia. 
*
*
*
Mercado de Crédito
Visa fundamentalmente suprir as necessidades de caixa de curto e médio prazos dos vários agentes econômicos, seja por meio da concessão de créditos às pessoas físicas ou empréstimos e financiamentos às empresas.
*
*
*
Mercado de Crédito
Segundo Assaf Neto \u201cno processo de intermediação financeira para as operações de crédito, uma instituição pode atuar como sujeito ativo (credor de empréstimos de recursos), ou sujeito passivo (devedor de recursos captados). A Instituição recebe recursos de poupadores, funding da operação de crédito, assumindo a obrigação de devolver o principal acrescidos de juros. É uma posição passiva, ficando o banco devedor dos recursos captados. Exemplos: depósitos a vista e depósitos a prazo fixo. 
*
*
*
Mercado de Crédito
Com o capital levantado junto a investidores de mercado, o banco realiza operações de empréstimos e financiamentos a tomadores carentes de recursos, na expectativa de receber no futuro o principal acrescido de juros. Exemplos: empréstimos e financiamentos concedidos pelos bancos.
*
*
*
Mercado de Crédito
O que é o spread \u2013 é um resultado bruto que corresponde a diferença entre a taxa cobrada nas operações ativas versus as operações passivas.
*
*
*
Mercado de Crédito
Podemos citar alguns tipos de empréstimos de curto e longo prazo: desconto de títulos, contas garantidas, créditos rotativos, hot money, empréstimos para capital de giro, vendor, repasse de recursos externos, crédito direto ao consumidor, assunção de dívidas e adiantamentos de contratos de exportação, cessão de crédito, crédito consignado\u201d. 
*
*
*
Central de Risco de Crédito
Central de Risco de Crédito (CRC) é uma central de informações de crédito do sistema financeiro nacional, gerenciada pelo Banco Central, englobando informações de todas as instituições financeiras que o compões. O objetivo básico de criação da CRC é o de prever e prevenir eventuais crises no mercado financeiro provenientes de problemas de cobranças nas carteiras de crédito das instituições. 
*
*
*
Fundo Garantidor de Crédito
O FGC tem por objetivos prestar garantia de créditos contra instituições dele associadas, nas hipóteses de:
decretação da intervenção, liquidação extrajudicial ou falência da associada; 
reconhecimento, pelo Banco Central do Brasil, do estado de insolvência da associada.
*
*
*
Mercado Cambial
É o segmento financeiro em que ocorrem operações de compras e vendas de moedas internacionais conversíveis, ou seja, em que se verificam conversões de moeda nacional em estrangeiras e vice-versa.
*
*
*
Mercado Cambial
Este mercado reúne todos os agentes econômicos que tenham motivos para realizar transações com o exterior, como operadores de comércio internacional, instituições financeiras, investidores e bancos centrais, que tenham necessidade de realizar exportações e importações, para pagamentos de dividendos, juros e principal de dívidas, royalties e recebimentos de capitais e outros valores. 
*
*
*
Mercado Cambial
Para conhecer melhor o mercado de câmbio consultar:
O que é o mercado de câmbio? 
http://www.bcb.gov.br/pre/bc_atende/port/merccam.asp
Para conhecer melhor o que é a taxa de câmbio consultar:
http://www.bcb.gov.br/pre/bc_atende/port/taxcam.asp 
*
*
*
Taxas Internacionais de Juros
Libor - (London Interbank Offered Rate) \u2013 taxa de juros interbancária do Mercado de Londres, muito utilizada nas operações internacionais de empréstimos realizadas entre instituições financeiras.
Prime rate \u2013 é a taxa de juros cobrada pelos bancos americanos de seus clientes classificados como preferenciais.É a taxa de referência de operações de empréstimos envolvendo bancos e empresas.
*
*
*
Mercado de Capitais
Está estruturado de forma a suprir as necessidades de investimentos dos agentes econômicos por meio de diversas modalidades de financiamentos, a médio e longo prazos, para capital de giro e capital fixo. 
*
*
*
Mercado de Capitais
As operações são normalmente realizadas entre poupadores e empresas, por meio de intermediários financeiros não bancários