Buscar

Obras Portuarias de Abrigo

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 2, do total de 11 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 3, do total de 11 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 4, do total de 11 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 5, do total de 11 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 6, do total de 11 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 7, do total de 11 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 8, do total de 11 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 9, do total de 11 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 10, do total de 11 páginas

Prévia do material em texto

OBRAS PORTUÁRIAS DE ABRIGO 
Palmas – TO
 
UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS 
CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE PALMAS 
ENGENHARIA CIVIL 
2021
Amanda Silva Cirqueira
OBRAS PORTUÁRIAS DE ABRIGO 
Trabalho elaborado e apresentado à Universidade Federal do Tocantins, como requisito parcial para aprovação na disciplina de Aeroportos , Portos e Hidrovias, do curso de Engenharia Civil.
Orientador: Prof. Willian Mateus
Palmas – TO
2021
Sumário
1 OBRAS DE ABRIGO	2
OBRAS PORTUÁRIAS ENCRAVADAS NA COSTA OU ESTUARINAS	2
OBRAS PORTUÁRIAS SALIENTES Á COSTA PROTEGIDAS POR MOLHE	2
OBRAS PORTUÁRIAS SALIENTES À COSTA PROTEGIDAS POR 
MOLHE- GUIA CORRENTE	4
OBRA PORTUÁRIA AO LARGO PROTEGIDA POR QUEBRA-MAR	6
OBRA PORTUÁRIA ESPIGÃO	7
 OBRAS DE ABRIGO
	Segundo Prats(2017)as obras de abrigo , têm como função principal gerar proteção às embarcações contra as ondas , formadas pelo vento . Essas obras de abrigo podem ser espigões , quebra mares e molhes . Para Alfredini e Arasaki , a cota da crista deve ser 1,25 vezes a onda de projeto (HPROJ) do nível de preamar máxima , de modo a reduzir ao máximo as probabilidades de ocorrer elevação de ondas superior à cota da crista .
	Para este trabalho , escolhi relatar sobre as obras de abrigo que existem no Portos Brasileiros .
	Segundo Prats(2017) , as embarcações buscaram nas águas calmas do canal de santos, um bom lugar para lançar âncora e providenciar o transporte de mercadorias . Observa-se portanto , o quanto o mar da cidade de santos , foi o fato fundamental para a construção do porto .
OBRAS PORTUÁRIAS ENCRAVADAS NA COSTA OU ESTUARINAS 
Obras portuárias encravadas na costa ou estuarinas Solução frequentemente utilizada em regiões de embocadura marítima como estuários, deltas e sistemas lagunares. Por isso, é comum o uso de estruturas de proteção de guias-corrente no acesso além da conclusão por dragagem. É o caso do Porto do Rio de Janeiro, Porto de Rio Grande (RS), Porto de Itajaí (SC), Porto de Santos (SP) e do Porto de Buenos Aires (Argentina) no estuário do Rio da Prata.(FIGUEIREDO, 2016)
OBRAS PORTUÁRIAS SALIENTES Á COSTA PROTEGIDAS POR MOLHE
Em Portos , o molhe é uma estrutura de abrigo que tem uma de suas extremidades ligadas a terra , como é o caso do Portocel (ES), Porto de Imbituba (SC), Complexo Portuário de Tubarão (ES) e do Porto de Suape (PE).(FIGUEIREDO, 2016)
A figura abaixo representa o Porto de Barra do Riacho que está localizado na área litorânea de Praia das Conchas e é abrigado por dois molhes, ambos construídos em 1976 e que podem ser visualizados na figura a seguir. 
Figura 1. Molhe Sul e Norte , do Porto de Barra do Riacho.
 	Fonte: Google Earth ; Elaborado por LabTrans Plano Mestre 2 Porto de Barra do Riacho 
O molhe norte é constituído por 160 mil m³ de enrocamento, distribuídos ao longo de três trechos que totalizam 850 metros de extensão.
 O molhe sul estende-se por 1.420 metros de comprimento, ao longo dos quais estão distribuídos 680 mil m³ de enrocamento.
OBRAS PORTUÁRIAS SALIENTES À COSTA PROTEGIDAS POR MOLHE- GUIA CORRENTE
“O guia-corrente é uma bela solução. Ele direciona o fluxo da água, evitando que ela deixe os sedimentos na baía e, dependendo de sua posição, (o molhe) pode proteger a faixa de areia das correntes e da movimentação de água causada pela passagem dos navios. Assim, a princípio, pode impedir que as partículas sólidas das praias sejam arrastadas, diminuindo a erosão”, explicou o professor. (PORTO E NAVIOS ,2015)
A coordenadora do Núcleo de Pesquisas Hidrodinâmicas (NPH) da Universidade Santa Cecília, a engenheira civil e professora universitária Alexandra Sampaio, concorda que um molhe guia-corrente é uma opção para combater a erosão na orla, especialmente na Ponta da Praia, e reduzir a demanda por dragagem.(PORTO E NAVIOS ,2015)
Ainda segundo Portos e Navios (2015) , o molhe guia-corrente é um tipo de obra de abrigo portuária a ser construído na Baía de Santos, na região da Ponta da Praia , a proposta foi inicialmente apresentada na década de 60 .
Figura 2 : Proposta de Molhe Guia-Corrente no Porto de Santos
Fonte : Portos & Mar ,2015.
OBRA PORTUÁRIA AO LARGO PROTEGIDA POR QUEBRA-MAR
Segundo Alfredini e Arasaki(2009) apud Rangel et al (2017) , os quebra-mares e molhes são estruturas que vão intervir diretamente na ação das ondas de gravidade geradas pelo vento agindo como um obstáculo, de modo que, estas percam sua energia propiciando assim uma área sem perturbações ondulatórias.
Portos protegidos pela estrutura de abrigo quebra-mar não têm nenhuma das extremidades ligadas à terra e normalmente encontram-se mais afastadas da costa do que molhes de abrigo. É uma solução menos comum que as anteriores, mas é o caso, por exemplo, do Terminal Marítimo de Belmonte (BA), Porto de Pecém (CE) e do Porto de Açu (RJ). (FIGUEIREDO, 2016)
O quebra-mar do Porto de Pecém é do tipo berma , construído em forma de L , com secção trapezoidal , e sem ligação com a praia . Segundo a revista Portos e Navios (2015) o quebra-mar, que será alargado em cerca de mil metros, receberá pavimentação a fim de permitir o melhor trânsito de veículos sobre a sua estrutura. O investimento será de R$ 568,7 milhões. 
Figura 3 : Quebra Mar do Porto de Pecém (CE) 
Fonte : Google Earth .
OBRA PORTUÁRIA ESPIGÃO
Normalmente empregados visando à proteção nas margens dos rios e o controle de sedimentos, os espigões são considerados obras de proteção descontínuas, uma vez que devem alterar a dinâmica do rio somente na estiagem. Durante as cheias, os efeitos provocados pelas estruturas são ínfimos.(TOMAS, 2014)
Os espigões são obras transversais que avançam desde a margem em direção ao eixo do escoamento, até o limite adequado para exercer sua proteção, ou até a nova linha da margem desejada. As estruturas são composta de cinco partes : ancoragem ,frente , costas ,cabeça e crista .(TOMAS, 2014)
Figura 4 : Espigão da Desembargador Moreira e da Rui Barbosa .
Fonte : G1 Ceará ,2019.
Os espigões são estruturas que podem ser constituídas de diferentes materiais. As mais comuns são enrocamentos, madeira e concreto. Os classificados como impermeáveis podem ser construídos com terra e revestidos com enrocamentos, concreto (bolsacreto) ou manta geotêxtil. Os permeáveis geralmente são feitos com gabiões, ou com estruturas de madeira com pilares e estacas preenchidos com enrocamento .(TOMAS, 2014)
REFERÊNCIAS
Prats, Raphael de Campos. Avaliação e impactos da elevação do nível do mar no Porto de Santos (São Paulo, Brasil). Universidade de São Paulo, 8 de dezembro de 2017. DOI.org (Crossref), doi:10.11606/D.3.2017.tde-05122017-135443.
FIGUEIREDO, Pedro Segadas. ANÁLISE CONCEITUAL DE ZONEAMENTO DE TERMINAIS PORTUÁRIOS E APLICAÇÃO NO PORTO DE SANTOS. 2016. 93 f. TCC (Graduação) - Curso de Engenharia Civil, Universidade Federal do Rio de Janeiro Escola Politécnica, Rio de Janeiro, 2016. Disponível em: http://drhima.poli.ufrj.br/images/documentos/tcc/2016/pedro-segadas-2016.pdf. Acesso em: 02 jul. 2021.
Redação. Construção de molhe guia-corrente pode proteger praias da erosão na Bacia de Santos.Disponível em: https://www.portosenavios.com.br/noticias/portos-e-logistica/construcao-de-molhe-guia-corrente-pode-proteger-praias-da-erosao-na-bacia-de-santos. Acesso 2 de julho de 2021.
TOMAS, Gustavo Pacheco. AVALIAÇÃO HIDROMORFOLÓGICA DO USO DE ESPIGÕES EM HIDROVIAS. 2014. 222 f. Dissertação (Mestrado) - Curso de Pósgraduação em Engenharia de Recursos Hídricos e Ambiental, Departamento de Hidráulica e Saneamento, Setor de Tecnologia, Universidade Federal do Paraná, Curitiba, 2014. Disponível em: https://acervodigital.ufpr.br/bitstream/handle/1884/44068/R%20-%20D%20-%20GUSTAVO%20PACHECO%20TOMAS.pdf?sequence=3&isAllowed=y. Acesso em: 02 jul. 2021.
Rangel Netto, Laura, e Eduardo Manuel Rosa Bulhões. “DISTRIBUIÇÃO E TIPOLOGIA DAS OBRAS COSTEIRAS NO LITORAL FLUMINENSE”. OS DESAFIOS DA GEOGRAFIA FÍSICA NA FRONTEIRA DO CONHECIMENTO, INSTITUTO DE GEOCIÊNCIAS - UNICAMP, 2017, p. 2986–91. DOI.org (Crossref),doi:10.20396/sbgfa.v1i2017.2174.
GOV,2015 . PLANO MESTRE : PORTO DE BARRA DO RIACHO . FLORIANÓPOLIS – SC . Disponível em: https://www.gov.br/infraestrutura/pt-br/centrais-de-conteudo/se05-pdf .Acesso em: 03 jul. 2021.
PORTOS E NAVIOS , 2015 .OBRAS DA SEGUNDA EXPANSÃO DO TMUT CONTINUAM NO PORTO DO PECÉM. Disponível em: https://www.portosenavios.com.br/noticias/portos-e-logistica/obras-da-segunda-expansao-do-tmut-continuam-no-porto-do-pecem .Acesso em: 03 jul. 2021.