A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
9 pág.
Documento

Pré-visualização | Página 1 de 2

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS 
UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE JARAGUÁ 
CURSO BACHAREL EM CIÊNCIAS CONTÁBIES 
 PROFESSORA: DENISE GABRIELA DIAS 
 
PERÍODO: 3º PERÍODO – 2º BIMESTRE 2021 
 DISCIPLINA: CONTABILIDADE E ANÁLISE DE CUSTOS I 
ALUNO: Gabriella Sebastiana Xavier da Silva 
 
DEPARTAMENTALIZAÇÃO 
 
Exercício 6.5 A empresa Postes Reis produz postes de cimento em três tamanhos: nº 0, nº 1 e nº 2. O 
número 0, devido ao tamanho e ao tratamento de sua estrutura, é feito em uma máquina grande. Os 
números 1 e 2, por serem de menor porte, são produzidos em uma máquina pequena. 
Os custos diretos unitários, em determinado período, foram os seguintes (em R$): 
 
Poste nº Material Mão de obra 
0 350 90 
1 250 81 
2 175 54 
 
Os custos indiretos (supervisão, depreciação e manutenção) foram de $ 200.000 no mesmo período, 
sendo que: 
$ 37.500 são específicos da máquina pequena. 
$ 75.000 são específicos da grande. 
$ 87.500 referem-se a serviços auxiliares e da administração geral da produção (supervisão geral). 
 
A empresa produziu 1.000 postes de cada tamanho no período e costuma ratear o valor total dos custos 
indiretos diretamente aos produtos (sem departamentalização) à base do custo da Mão de Obra Direta. 
Considerando-se vendida toda a produção dos postes nº 0 e 1 e nenhum do poste nº 2, e sabendo-se que 
não havia estoques iniciais, pede-se calcular: 
a) O custo total de cada produto, segundo o critério usado pela empresa e pela departamentalização; 
b) O custo unitário de cada produto, segundo o critério usado pela empresa e pela departamentalização; 
c) Custo do produto vendido de ambos os critérios. 
Custos diretos referentes aos produtos 
Postes Mão-de-obra % 
Poste 0 90.000 40% 
Poste 1 81.000 36% 
Poste 2 54.000 24% 
TOTAL 225.000 100% 
 
Postes 0 1 2 TOTAL 
Material 350.000 250.000 175.000 775.000 
MOD 90.000 81.000 54.000 225.000 
CIP 80.000 72.000 48.000 200.000 
TOTAL 520.000 403.000 277.000 1.200.000 
Custo unitário 520 403 277 
 
Custo de produto vendido (SEM departamentalização) 
Postes Quantidade Custo unitário Total 
0 1000 520 520.000 
1 1000 403 403.000 
2 0 277 - 
Total 2.000 1200 923.000 
 
DEPARTAMENLIZAÇÃO 
 
 MAQ. pequena Maq. grande Supervisão geral TOTAL 
CI 37.500 75.000 87.500 200.000 
Rateio 52.500 (60%) 35.000 (40%) (87.500) 
TOTAL 90.000 110.000 
 
Postes n MOD Quant. Produzida TOTAL 
0 90 1.000 90.000 
1 81 1.000 81.000 
2 54 1.000 54.000 
TOTAL 225 3.000 225.000 
 Base de rateio = Critério de absorção 
 MÃO-DE-OBRA MAQUINA PEQUENA 135.000 60% 
 MÃO-DE-OBRA MAQUINA GRANDE 90.000 40% 
 
Rateio maquina pequena 
 MOD % CIP 
1 81 60% 54.000 
2 54 40% 36.000 
TOTAL 135 100% 90.000 
 
Com departamentalização 
Postes n 0 1 2 
Material 350.000 250.000 175.000 
MOD 90.000 81.000 54.000 
CIP 110.000 54.000 36.000 
TOTAL 550.000 385.000 265.000 
Custo Unitário 550 385 265 
 
Custo de produto vendido (Com departamentalização) 
Postes Quantidade Custo unitário Total 
0 1.000 550 550.000 
1 1.000 385 385.000 
2 0 265 0 
Total 2.000 1200 935.000 
 
 
Exercício 6.6 A empresa Gramado produz chocolates em dois tipos: Bombons e Barras. O ambiente 
produtivo em si e suas atividades de apoio ocorrem em quatro departamentos: Confeitaria, Embalagem, 
Administração da Produção e Manutenção. Sua estrutura de custos em determinado período foi a 
seguinte (em $): 
1) Custos diretos referente aos produtos 
 Matéria-prima Mão-de-obra direta 
Bombon 8.000 5.000 
Barra 4.000 3.000 
 
2) Custos Indiretos de Produção (CIP – comuns aos dois produtos) 
 
Aluguel 6.000 
Material 3.600 
Energia elétrica 5.100 
Depreciação 3.900 
 
 Outros dados coletados no período 
 
Confeitaria 
 
Embalagem 
Administra ão da 
produ ão 
 
Manuten ão 
Área (m2) 880 760 140 220 
Consumo de 
energia (kWh) 
 
3.000 
 
2.520 
 
300 
 
180 
Horas de MO 24.000 12.000 2.000 2.000 
 
 
 
 
Os CIP são alocados inicialmente aos departamentos e, depois, destes aos produtos. 
As bases de rateio são as seguintes: 
• o aluguel é distribuído aos departamentos de acordo com suas respectivas áreas; 
• o consumo de energia elétrica é medido por departamento; 
• a base de rateio utilizada para depreciação e material indireto é o número de horas de mãodeobra 
utilizadas em cada departamento; 
• os custos do departamento de administração da produção são os primeiros a serem distribuídos 
aos demais, e a base é o número de funcionários, a saber: 
Departamentos No de funcionários 
Confeitaria 8 
Embalagem 8 
Manutenção 4 
 
• conforme tem-se observado em períodos anteriores – e espera-se que se mantenha – cabe ao 
departamento de Embalagem 1/4 do total dos custos de manutenção; o restante pertence, 
integralmente, ao de Confeitaria; 
• a distribuição dos custos dos departamentos de produção aos produtos é feita em função do 
volume de chocolate produzido. 
Pede-se para calcular: 
a) o custo total de cada produto; e 
b) o custo unitário de cada produto, sabendo que as quantidades (em kg) de produtos acabados 
foram: Bombons: 4.000 e Barras: 1.000 
 
Aluguel 
Departamentos Áreas 
Confeitaria 880 (44%) 
Embalagem 760 (38%) 
Manutenção 220 (11%) 
Adm. produção 140 (7%) 
TOTAL 2.000 (100%) 
 
Consumo de energia 
Departamentos Por departamento 
Confeitaria 3.000 (50%) 
Embalagem 2.520 (42%) 
Manutenção 300 (5%) 
Adm. produção 180 (3%) 
TOTAL 6.000 
 
Materiais 
Departamentos Horas de MO 
Confeitaria 24.000 (60%) 
Embalagem 12.000 (30%) 
Manutenção 2.000 (5%) 
Adm. produção 2.000 (5%) 
TOTAL 40.000 (100%) 
 
Administração de produção 
Departamentos Número de funcionários 
Confeitaria 8 (40%) 
Embalagem 8 (40%) 
Manutenção 4 (20%) 
TOTAL 20 (100%) 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 2.640 2.280 660 420 6.000 
 2.160 1.080 180 180 3.600 
Energia 
elétrica 
2.550 2.142 255 153 5.100 
Depreciação 2.340 1.170 195 195 3.900 
Total 9.690 6.672 1.188 1.050 18.600 
Rateio adm. 420 420 210 (1.050) 
Soma 10.110 7.092 1.398 18.600 
Rateio 
 
1.049 350 (1.398) 
 
 
 
 
Total 11.159 7.442 18.600 
Bombom 8.927 5.953 14.880 
Barra 2.232 1.488 3.720 
Total 11.159 7.442 18.600 
Produto s Custos diretos Custos indire 
produçã 
tos de 
o 
Custo total 
Bombo m 13.000 14.880 27.880 
Barra 7.000 3.720 10.720 
Total 20.000 18.600 38.600 
 
Produtos Custo total Volume (un.) Custo unitário 
Bombom 27.880 4.000 6,97 
Barra 10.720 1.000 10,72 
 
 
Exercício 6.7 A Indústria Alfa, responsável por dois tipos de produtos, A e B, é formada por três 
departamentos de produção (corte, costura e pintura) e dois departamentos de serviços (almoxarifado 
e administração geral da produção). A produção do produto A passa pelos três departamentos de 
produção; o produto B é realizado apenas nos departamentos de corte e costura. Em determinado 
período, foram produzidas