A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
1 pág.
Anestesia em molares superiores

Pré-visualização | Página 1 de 1

Aspirar;
Infiltrar lentamente a solução de anestésico local
(quantidade ½ a ¾ do tubete por dente);
Retirar a seringa lentamente.
esses dentes podem ser insensibilizados
individualmente por anestesia terminal infiltrativa com
agulha curta aplicada ao nível da prega correspondente
ao dente. Quando se deseja trabalhar em mais de um
dente, realiza-se um bloqueio regional infiltrando-se a
solução anestésica ao nível da tuberosidade.
1.
2.
3.
técnica anestésica
molares
Nervos anestesiados: 
Região anestesiada: 
ramos do nervo alveolar superior posterior.
polpa do 1º, 2º e 3º molares superiores, ligamentos
periodontais e osso alveolar, periósteo e mucosa de
revestimento.
Área de inervação
Técnica anestésica 
Secar a mucosa delicadamente com gaze;
Aplicar antisséptico tópico (opcional);
Aplicar o anestésico tópico sob leve fricção por 1
a 2 minutos;
Estabelecer um apoio firme para as mãos;
Tensionar o tecido;
Introduzir a agulha na mucosa (bisel voltado para
o osso – avançar lentamente a agulha em direção
alvo);
1.
2.
3.
4.
5.
6.
superiores 
@odontoporlouise 
Precauções 
A profundidade de penetração da agulha deve ser
A introdução excessiva (muito profunda) aumenta
o risco de hematoma
A introdução muito superficial ainda pode
proporcionar anestesia adequada.
verificada

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.