A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
91 pág.
O ENSINO DA MÚSICA NA EDUCAÇÃO FUNDAMENTAL_ Caminho para Construção de uma Educação Cidadã

Pré-visualização | Página 15 de 17

o conceito de Cidadania, que 
compreende a participação social e política, assim como, o exercício de direitos e 
deveres políticos, civis e sociais, e, no dia-a-dia, adotar atitudes de solidariedade, 
cooperação, repúdio às injustiças, respeito ao outro, exigindo dele o mesmo 
respeito. 
Com esse conceito internalizado, a escola deverá buscar caminhos que 
viabilizem uma significativa mudança na estrutura institucional escolar, pois a prática 
e o discurso da educação musical nas escolas ainda são muito variados. Os 
modelos tradicionais insistem em manter sua rigidez no processo educativo musical. 
Estas novas abordagens começam a se impor e dessa forma, vão vencendo a 
utopia mencionada como característica marcante da cultura, da educação e da 
música. Neste enfoque, o objetivo da música na escola é desenvolver todas as 
 79 
capacidades que a música permitir, pois ela é um elemento formador, uma 
linguagem cultural. 
O trabalho ressalta, ainda, a necessidade do público escolar vivenciar, de 
forma prazerosa, mais o processo do aprendizado musical, do que, seu específico 
resultado final. E assim, conclui-se este trabalho, demarcando a urgência de uma 
reestruturação no sistema educacional do país, pois somente uma ação deste porte, 
poderá tornar possível à criança, vista como cidadã, a possibilidade de usufruir do 
direito de acesso ao saber indiscriminado. 
Não se pode mais negar que a música faz parte do cotidiano das crianças e 
que representa um forte elemento cultural que precisa ser pensado, considerado e 
adequadamente explorado no universo escolar. 
 A música detém o poder da comunicação, não a comunicação dialógica, mas, 
sobretudo, aquela que informa e forma. Logo, fenômeno cultural, e por isso, torna-
se, responsabilidade da escola, cuja maior função é a formação cultural e integral 
das crianças. 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 80 
REFERÊNCIAS 
 
 
 
AMARAL, Kleide Ferreira do. Pesquisa em música e educação . São Paulo: Loyola, 
1991. 
 
 
ANTUNES, Celso. A construção do afeto : como estimular as múltiplas inteligências 
de seus filhos. 3 ed. São Paulo: Augustus, 2000. 
 
 
________. Jogos para a estimulação das múltiplas inteligência s. 11 ed. 
Petrópolis, RJ: Vozes, 1998. 
 
 
________. Novas maneiras de ensinar, novas formas de aprender . Porto Alegre: 
Artmed, 2002. 
 
 
ARANHA, Maria Lúcia de Arruda; MARTINS, Maria Helena Pires. Filosofando: 
introdução à filosofia. 2 ed. rev. atual. São Paulo: Moderna, 1993. 
 
 
ARANTES, Lucielle Farias; SANTOS, Waldeir Lima. A linguagem musical na 
educação de crianças. Disponível em: <http://www.ctbctelecom.net.br/pagCdo? 
CodSec=417 Acesso em: abr. 2004. 
 
 
ARAÚJO, Adriana Lopes de. A música e a pré-escola. [S.L.], [200-?] 
 
 
ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS NBR 6023: informação e 
documentação: referências: elaboração. Rio de Janeiro, 2002. 
 
 
________. NBR 6027: informação e documentação: Sumário - Apresentação. Rio de 
Janeiro, 2003. 
 
 
________. NBR 6028: informação e documentação: Resumo – Apresentação. Rio 
de Janeiro, 2003. 
 
 
________. NBR 10520: informação e documentação: Citações em documentos – 
Apresentação. Rio de Janeiro, 2002. 
 
 
 81 
ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 14724: informação e 
documentação: Trabalhos acadêmicos – Apresentação. Rio de Janeiro, 2002. 
 
 
AYER, Jorge. Para fazermos arte com as crianças. Jornal O Correio, Rio de 
Janeiro, Ano II, n.º LVI, 13-26 jun. 1998. 
 
 
BEAUMONT, Maria Teresa de; FONSECA, Selva Guimarães. O ensino da música 
nas séries iniciais do ensino fundamental: saberes e práticas escolares. 
Disponível em: <http://www.aneped.org.br/26/posteres/mariateresabeaumont.rtf 
 
 
BELLOCHIO, Cláudia Ribeiro. A educação musical no ensino fundamental: 
refletindo e discutindo práticas nas séries iniciais. Disponível em: 
<http://168.96.200.17/ar/libros/anped/1305P.PDF Acesso em: 06 mar. 2005. 
 
 
BENTO, Antônio. Música e educação. Revista brasileira de estudos pedagógicos, 
Brasília, v. 8, n. 23, p. 360 – 361, Jul./Ago. 1946. 
 
 
BEYER, Esther. Os múltiplos caminhos da cognição musical: algumas reflexões 
sobre seu desenvolvimento na primeira infância. Revista da ABEM. v. 3, n.º 3, p. 9-
16 Junho de 1996. 
 
 
BOCK, Ana Mercês Bahia; FURTADO, Odair; TEIXEIRA; Maria de Lourdes Trassi. 
Psicologias: uma introdução ao estudo de psicologia. 13 ed. reform. e ampl.. São 
Paulo: Saraiva, 2002. p. 86-113. 
 
 
BORGES, Teresa Maria Machado. A criança em idade pré-escolar: 
desenvolvimento e educação (Série Educação). São Paulo: Ática, 1994. 
 
 
BOSI, Alfredo. Reflexões sobre a arte. 5 ed. São Paulo: Ática, 1995. 
 
 
BRASIL - MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E DO DESPORTO. SECRETARIA DE 
EDUCAÇÃO FUNDAMENTAL. Parâmetros Curriculares Nacional: arte / 
Secretaria de Educação Fundamental. – Brasília: MEC/SEF, 1997. v. 6, 130p. 
 
 
BRASIL - MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E DO DESPORTO. SECRETARIA DE 
EDUCAÇÃO FUNDAMENTAL. Referencial curricular nacional para a educação 
infantil. Brasília, MEC/SEF, 1998. 3 v.: il.. 
 
BRITO, Teca Alencar de. Música na educação infantil. 2 ed. São Paulo: Peirópolis, 
2003. 
 82 
 
________. A educação musical e o diálogo entre culturas. In: Encontro Anual da 
ABEM, 9, 2000, Belém. Anais... Belém: 2000. Disquete. 
 
 
BURGIERMAN, Denis Russo. O feto aprende no útero. Revista Superinteressante. 
Julho de 1998. 
 
 
CAMPOS, Márcia de Borba. Teoria de Piaget. Disponível em: <http://penta.ufrgs.br/ 
~marcia/teopiag.htm> Acesso em: 06 mar. 2005. 
 
 
CARLOS JÚNIOR, Moacyr. Pra ousar... e cantar. Páginas abertas, São Paulo, ano 
29, n. 20, 2004, p. 6-9. 
 
 
CARNEIRO, Moaci Alves. LDB fácil: leitura crítico-compreensiva artigo a artigo. 8 
ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 1998. 
 
 
CHAMPLIN, Russell Norman; BENTES, João Marques (Pr.). ENCICLOPÉDIA DE 
BÍBLIA TEOLOGIA E FILOSOFIA. 3. ed. São Paulo: Candeia, 1995. 
 
 
COLI, Jorge. O que é arte. 15 ed. São Paulo: Brasiliense, 2004. 
 
 
DÁVILA, Marcos. Música para pensar. Folha de São Paulo, São Paulo, 21 abr. 
2005 – folha equilíbrio. 
 
 
DAVIS, Cláudia; OLIVEIRA, Zilma de M. Ramos de. Psicologia na educação. 2 ed. 
rev. (coleção magistério. 2º grau. Série formação do professor). São Paulo: Cortez, 
1994. 
 
 
DAYRELL, Juarez. A música entra em cena: o rap e o funk na socialização da 
juventude. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2005. 
 
 
DUARTE JR., J. F. O que é beleza. São Paulo: Brasiliense, 1991. p. 54 
 
 
ECO, Umberto. Como se faz uma tese. 12 ed. São Paulo: Perspectiva, 1995. 
 
 
Educação musical ajuda a melhorar a memória das cri anças. Disponível em: 
<http://www.terra.com.br/crianças/2003/07/28/001.htm>. Acesso em: 20 nov. 2004. 
 
 83 
FARIA, Juliana Rocha de; RIBEIRO, Sônia Tereza da Silva. Textos de educação 
musical para a escola. Disponível em: <http://www.ufop.br/conifes/anais/EDU/ 
edu0802.htm 
 
 
FERNANDES, José Nunes. Beethoven, Funk ou Bumba-meu-boi? Por uma teoria 
contextualizada da educação musical. Raízes e Rumos, Rio de Janeiro, ano 3, n.º 
5, 1996, p. 30-33. 
 
 
FERREIRA, Naura Syria Carapeto. Diversidade cultural: riquezas e desafios da 
escola – Políticas de ensino e de formação: desafios para a gestão da educação. 
Disponível em: <http:www.tvebrasil.com.br/salto/boletins2005/rde/tetxt2.htm. Acesso 
em: 29 set. 2006. 
 
 
FERREIRA, Thales Rezende. O indivíduo na sociedade do consumo. [S.L.], [200-
?] 
 
 
FISCHER, E. A necessidade da arte. 7.ed. Rio de Janeiro: Zahar, 1979 
 
 
FONTERRADA, Marisa. A educação musical no Brasil – algumas considerações. In: 
Encontro Anual da ABEM, 2. 1994, Porto Alegre. Anais... Porto Alegre: 1994. p. 69-
83. 
 
 
FREIRE, Ricardo Dourado. Como cantar para as crianças; diretrizes e sugestões. In: 
Encontro Anual da ABEM, 9, 2000, Belém. Anais... Belém: 2000. Disquete. 
 
 
FREIXO, Maria Mirasselva Soares da Silva (comp.) Orientação de trabalhos 
monográficos de conclusão de cursos: Graduação e Pós-graduação. Nova 
Friburgo: 2006. 
 
 
FUKS, Rosa. O discurso do silêncio.