A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
17 pág.
Pré-Prova - Conhecimentos Bancários (Ética) - Rafael Novais

Pré-visualização | Página 2 de 2

ou brinde avaliado em até 200 reais, desde que não caracterize
manipulação de processos decisórios ou obtenção de vantagens indevidas.
e) É orientado aos funcionários do BB que, para oferecer brindes e presentes em nome do
Banco do Brasil para agente público, sejam observados os limites estabelecidos nas regras e
políticas da instituição daquele que receberá a cortesia, apenas.
PROPRIEDADE INTELECTUAL E PROPRIEDADE DA INFORMAÇÃO
8.1 Preservamos a segurança da informação, pois a informação corporativa é
um ativo e possui valor para a organização.
8.2 Devemos estar cientes da responsabilidade no tratamento das
informações corporativas durante todo o seu ciclo de vida.
8.4 Devemos observar diretrizes e políticas de segurança da informação do
BB, atentando-nos para a criticidade das informações.
8.5 Proibimos que funcionários tratem de assuntos sigilosos e de uso interno
em salas de conversação, redes sociais e aplicativos com acesso pela internet
não autorizados pelo Banco.
8.12 Utilizamos mecanismos de segurança para proteção de dados e
informações de clientes, fornecedores, parceiros e demais intervenientes.
Um gerente de pesquisa vinculado ao superintendente de
propaganda, ambos subordinados à Diretoria de Marketing do
Banco I, verifica, através de um dos projetos que gerencia, a
necessidade da divulgação dos serviços bancários prestados
pela internet aos clientes dessa Instituição. Para vencer
eventual resistência dos usuários em aderir à inclusão digital,
em conjunto com a área de Informática, o gerente apresenta-
lhes um mecanismo de acesso à rede com proteção avançada.
Nos termos do Código de Ética do Banco do Brasil, em relação
aos clientes, do modo como foi elaborado, tal projeto de
inclusão realiza o primado da
A) Cortesia
B) Segurança
C) Competividade
D) Precaução
E) promoção
“Tudo que um sonho precisa para ser 
realizado é alguém que acredite 
que ele possa ser realizado”
Roberto Shinyashiky