A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
13 pág.
Histologia 08 - Tecido sanguíneo - Resumo

Pré-visualização | Página 1 de 3

BIOLOGIA RESUMIDA – TECIDO SANGUÍNEO PROFESSOR RAFAEL MARQUES 
 
BIOLOGIA RESUMIDA 
TECIDO SANGUÍNEO 
PROF. RAFAEL MARQUES 
Tecido sanguíneo 
É um exemplo de tecido conjuntivo 
caracterizado por apresentar uma matriz 
extracelular líquida 
Não se observa fibras proteicas (sem 
colágeno) 
Formado por dois componentes: 
1. Plasma: Parte líquida do sangue (água, íons 
e proteínas) 
2. Elementos figurados: Glóbulos vermelho, 
brancos e plaquetas 
 
Componentes do plasma sanguíneo 
Albumina: É a proteína mais abundante no 
plasma; é produzida no fígado; tem papel de 
reserva de aminoácidos e de controle 
osmótico 
Falta de albumina no sangue pode levar a um 
quadro de edemas: 
1. Por desnutrição em aminoácidos 
(Kwashiorkor) 
2. Alcoolismo crônico com lesões hepáticas 
 
Fibrinogênio: Também é produzida no fígado; 
tem o papel de coagulação sanguínea 
Imunoglobulinas: Também conhecidas como 
anticorpos; são fabricadas em células do 
tecido conjuntivo (plasmócitos); tem função de 
aumentar a eficiência da resposta imunológica 
 
Elementos figurados 
São a porção particulada do sangue 
Formado pelas hemácias, pelos leucócitos e 
pelas plaquetas 
 
BIOLOGIA RESUMIDA – TECIDO SANGUÍNEO PROFESSOR RAFAEL MARQUES 
 
OBS: Plaquetas são fragmentos celulares 
oriundos de células da medula óssea mieloide, 
conhecidas como megacariócitos 
Ao realizar a centrifugação do sangue, a 
porção dos elementos figurados é vermelha 
pelo predomínio de hemácias 
 
Hematócrito 
Exame que permite detectar a proporção 
entre plasma e elementos figurados do sangue 
É realizado por meio de centrifugação do 
sangue extraído da corrente sanguíneo 
𝐻𝐻𝐻𝐻𝐻𝐻𝐻𝐻𝐻𝐻ó𝑐𝑐𝑐𝑐𝑐𝑐𝐻𝐻𝑐𝑐 = 
𝑉𝑉𝑐𝑐𝑉𝑉𝑉𝑉𝐻𝐻𝐻𝐻 𝑑𝑑𝑐𝑐𝑑𝑑 𝐻𝐻𝑉𝑉𝐻𝐻𝐻𝐻𝐻𝐻𝑒𝑒𝐻𝐻𝑐𝑐𝑑𝑑 𝑓𝑓𝑐𝑐𝑓𝑓𝑉𝑉𝑐𝑐𝐻𝐻𝑑𝑑𝑐𝑐𝑑𝑑
𝑉𝑉𝑐𝑐𝑉𝑉𝑉𝑉𝐻𝐻𝐻𝐻 𝐻𝐻𝑐𝑐𝐻𝐻𝐻𝐻𝑉𝑉 𝑑𝑑𝐻𝐻 𝑑𝑑𝐻𝐻𝑒𝑒𝑓𝑓𝑉𝑉𝐻𝐻
 
Normalmente esse valor gira em torno dos 45% 
Em pacientes desidratados a porcentagem do 
hematócrito é maior (menor % de água) 
 
Questão 01 
O tecido sanguíneo é formado pelo plasma, 
substância formada principalmente por água e 
proteínas, e três tipos de elementos figurados. 
Marque a alternativa em que estão 
indicados esses elementos: 
a) Hemácias, neurônios, hormônios. 
b) Plaquetas, anticorpos, neurônios. 
c) Miócitos, fibrócitos e hemácias. 
d) Plaquetas, hemácias e leucócitos. 
e) Fibrócitos, hemácias e leucócitos. 
Hemácias 
Também conhecidas como eritrócitos ou 
glóbulos vermelhos 
São os elementos figurados mais abundantes 
do sangue 
Caracterizados por apresentar uma proteína 
chamada de hemoglobina 
 Tem coloração vermelha por apresentar 
associação com o ferro 
Tem função de transporte de oxigênio e gás 
carbônico 
Não apresentam nem núcleo e nem organelas 
A ausência de mitocôndrias garante que não 
haja consumo de oxigênio durante o 
transporte 
As hemácias obtém energia a partir da 
fermentação láctea 
Sem ribossomos, não há formação de 
proteínas; reduz a vida útil destas células (90 a 
120 dias de vida em média) 
 
 
BIOLOGIA RESUMIDA – TECIDO SANGUÍNEO PROFESSOR RAFAEL MARQUES 
 
Origem das hemácias 
São oriundas na medula óssea vermelha 
A partir das células tronco hematopoiéticas 
mieloide 
Estas células se diferenciam em outra célula 
chamada de eritroblasto (apresenta núcleo e 
organelas) 
Eritroblastos perdem o núcleo e formam os 
reticulócitos 
Os reticulócitos caem na corrente sanguínea, 
perdem as organelas e formam as hemácias 
 
Questão 02 
O sangue é um tecido constituído por uma 
substância intercelular líquida, onde estão 
presentes alguns tipos celulares. Entre as células 
do sangue, encontramos os eritrócitos, que se 
caracterizam por: 
a) produzir anticorpos. 
b) ser um tipo de leucócito encontrado em 
grande número na célula. 
c) produzir histamina e heparina. 
d) ser uma célula nucleada relacionada com o 
transporte de oxigênio. 
e) ser uma célula na forma de disco bicôncavo 
rica em hemoglobina. 
Núcleo nas hemácias: Ter ou não ter? 
Em peixes, anfíbios, répteis e aves 
 Hemácias nucleadas: Tem formato esférico 
(reduz a proporção entre superfície e 
volume); têm capacidade de auto 
renovação; reduz a dependência da 
medula óssea 
 
Em mamíferos 
 Hemácias anucleadas: Tem formato 
bicôncavo (aumenta a proporção entre 
superfície e volume); não tem capacidade 
de auto renovação; aumenta a 
dependência da medula óssea (maior risco 
do cânceres) 
 
 
BIOLOGIA RESUMIDA – TECIDO SANGUÍNEO PROFESSOR RAFAEL MARQUES 
 
Destruição e reciclagem das hemácias 
velhas 
Hemocaterese: É o mecanismo de destruição 
das hemácias mortas 
 Ocorre por meio dos monócitos no sangue 
e dos macrófagos no fígado e no baço 
 Ocorre também a transformação da 
hemoglobina em bilirrubina (anel de 
porfirina sem o ferro) 
OBS: A bilirrubina é elimina através das fezes e 
da urina 
 
Icterícia: Sintoma de várias doenças 
Pele amarelada pelo acúmulo de bilirrubina 
Ocorre durante quadros de hepatite (viral, 
medicamentosa ou alcoólica) 
 A morte dos hepatócitos dificulta a 
eliminação da bilirrubina que passa a se 
acumular no organismo 
 Se acumula na pele e causa a icterícia 
 Alteração da cor da urina e das fezes 
 
Número de hemácias no sangue 
Valores normais: de 4,5 a 5,5 milhões/mm3 
Eritropenia ou hipoglobulinemia: Redução no 
número de hemácias 
 Resulta na diminuição da quantidade de 
hemoglobinas no sangue (anemia 
falciforme, perniciosa ou ferropriva) 
Anemia ferropriva 
Está relacionado com a redução na 
quantidade de hemoglobinas no sangue em 
decorrência da carência de ferro 
Causas 
 Carência de ferro na dieta 
 Verminoses, principalmente a 
Ancilostomose 
Sintomas (baixa oxigenação nos tecidos) 
 Fraqueza, cansaço, palidez e falta de ar 
 
 
BIOLOGIA RESUMIDA – TECIDO SANGUÍNEO PROFESSOR RAFAEL MARQUES 
 
Tratamento da anemia ferropriva 
Dieta rica em ferro: Fígado, carne vermelha, 
gema de ovo, leguminosas e suplemento de 
sulfato ferroso) 
OBS: O consumo de vitamina C converte o Fe3+ 
de difícil absorção, em Fe2+ de fácil absorção 
 
Eritrocitose ou hiperglobulinemia ou 
policitemia 
Aumento no número de hemácias no sangue 
Geralmente ocorre em ambientes de grandes 
altitudes (policitemia fisiológica) 
 Eritropoetina: Hormônio produzido pelos rins 
que atua na medula óssea induzindo o 
aumento da formação de novas hemácias 
 
Plaquetas ou trombócitos 
Trombo = coágulo 
Fragmentos citoplasmáticos oriundos dos 
megacariócitos 
Apresentam a função da coagulação 
sanguínea 
A coagulação sanguínea é apenas uma das 
etapas do processo de interrupção do 
sangramento 
 
Questão 03 
As plaquetas são fragmentos de células 
produzidos na medula óssea, que recebem o 
nome de megacariócitos. Elas relacionam-se 
principalmente com: 
a) a fagocitose de organismos invasores. 
b) a produção de heparina e histamina. 
c) a produção de anticorpos. 
d) a coagulação sanguínea. 
e) o transporte de oxigênio. 
Hemostasia 
1. Vasoconstrição no local: Reduz o fluxo 
sanguíneo no local e reduzem a perda de 
sangue 
2. Agregação plaquetária: Acúmulo de 
plaquetas no local da lesal formando um 
tampão plaquetário 
3. Coagulação: Formação de uma rede de 
proteína Fibrina para estabilizar o tampão 
 
BIOLOGIA RESUMIDA – TECIDO SANGUÍNEO PROFESSOR RAFAEL MARQUES 
 
 
 
Vias de coagulação sanguínea 
a) Via intrínseca: Ocorre no interior dos vasos 
mesmo que não ocorra ruptura 
 A redução do fluxo sanguíneo permite a 
adesão das plaquetas no endotélio dos 
vasos 
 A agregação plaquetária induz a 
formação do tampão plaquetário e a 
coagulação 
 
b) Via extrínseca: Ocorre devido ao contado 
entre o sangue e os tecidos extravasculares; 
ocorre por meio da ruptura do vaso sanguíneo 
Reações em comum entre as duas vias 
 As plaquetas secretam tromboplastina ou 
tromboquinase 
 Tromboplastina ativa a protrombina em 
trombina 
 A trombina ativa o fibrinogênio em fibrina 
(coágulo) 
 
Substâncias

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.