Aula  PRESCRIÇÃO E DECADÊNCIA
5 pág.

Aula PRESCRIÇÃO E DECADÊNCIA


DisciplinaLegislação Trabalhista e Previdenciária5.255 materiais25.730 seguidores
Pré-visualização3 páginas
a concessão das férias ou o pagamento da respectiva remuneração é contada do término do prazo mencionado no art. 134 ou, se for o caso, da cessação do contrato de trabalho.
 * Art. 149 com redação dada pelo Decreto-lei nº 1.535, de 13/04/1977.
 * Vide arts. 11 e 440 da CLT e 7º, XXIX, da CF de 1988.
ART.440 - Contra os menores de 18 (dezoito) anos não corre nenhum prazo de prescrição.
 * Vide arts. 11 e 884, § 1º da CLT; art. 10 e parágrafo único da Lei nº 5.889, de 08/06/1973 (trabalho rural).
ART.625-G - O prazo prescricional será suspenso a partir da provocação da Comissão de Conciliação Prévia, recomeçando a fluir, pelo que lhe resta, a partir da tentativa frustrada de conciliação ou do esgotamento do prazo previsto no art. 625-F.
 * Artigo 625-G acrescido pela Lei nº 9.958, de 12/01/2000 (DOU de 13/01/2000, em vigor 90 dias após sua publicação).
ART.884 - Garantida a execução ou penhorados os bens, terá o executado 5 (cinco) dias para apresentar embargos, cabendo igual prazo ao exeqüente para impugnação.
 * Vide alteração de prazo determinada pelo art. 1º-B da Lei nº 9.494 , de 10/09/1997, acrescentado pelo art. 4° da Medida Provisória nº 2.180-35 , de 24/08/2001.
 § 1º A matéria de defesa será restrita às alegações de cumprimento da decisão ou do acordo, quitação ou prescrição da dívida.
ART.916 - Os prazos de prescrição fixados pela presente Consolidação começarão a correr da data da vigência desta, quando menores do que os previstos pela legislação anterior.
ART.879 - Sendo ilíquida a sentença exeqüenda, ordenar-se-á, previamente, a sua liquidação, que poderá ser feita por cálculo, por arbitramento ou por artigos.
§ 2º Elaborada a conta e tornada líquida, o Juiz poderá abrir às partes prazo sucessivo de 10 (dez) dias para impugnação fundamentada com a indicação dos itens e valores objeto da discordância, sob pena de preclusão.
 * § 2º acrescido pela Lei nº 8.432, de 11/06/1992 (DOU de 12/06/1992 - em vigor desde a publicação).
 § 3º Elaborada a conta pela parte ou pelos órgãos auxiliares da Justiça do Trabalho, o juiz procederá à intimação por via postal do Instituto Nacional do Seguro Social - INSS, por intermédio do órgão competente, para manifestação, no prazo de dez dias, sob pena de preclusão.
 * § 3º acrescido pela Lei nº 10.035, de 25/10/2000 (DOU de 26/10/2000 - em vigor desde a publicação).
LEI 5.889 DE 08/06/1973 - DOU 11/06/1973 RET 30/10/1973
Estatui Normas Reguladoras do Trabalho Rural e dá outras Providências.
 * Regulamentada pelo Decreto nº 73.626, de 12/02/1974.
ART.10 - A prescrição dos direitos assegurados por esta Lei aos trabalhadores rurais só ocorrerá após 2 (dois) anos de cessação do contrato de trabalho.
 Parágrafo único. Contra o menor de 18 (dezoito) anos não corre qualquer prescrição.
 * Vide arts. 7º, XXIX, "b", e 233 e §§ 1º a 3º da CF de 1988.
LEI 8.036 DE 11/05/1990 - DOU 14/05/1990 RET 15/05/1990
Dispõe sobre o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço, e dá outras providências.
ART.23 - Competirá ao Ministério do Trabalho e da Previdência Social a verificação, em nome da Caixa Econômica Federal, do cumprimento do disposto nesta Lei, especialmente quanto à apuração dos débitos e das infrações praticadas pelos empregadores ou tomadores de serviço, notificando-os para efetuarem e comprovarem os depósitos correspondentes e cumprirem as demais determinações legais, podendo, para tanto, contar com o concurso de outros órgãos do Governo Federal, na forma que vier a ser regulamentada.
 * Vide Resolução n. 48, de 18-9-1991, sobre a participação de entidades sindicais na fiscalização do FGTS.
 * Vide Lei n. 8.844, de 20-1-1994, sobre a fiscalização, apuração e cobrança judicial das contribuições e multas devidas ao FGTS.
 * Vide Portaria n. 60, de 4-2-1999, do Ministério do Trabalho e Emprego.
§ 4º Os valores das multas, quando não recolhidas no prazo legal, serão atualizados monetariamente até a data de seu efetivo pagamento, através de sua conversão pelo BTN Fiscal.
 § 5º O processo de fiscalização, de autuação e de imposição de multas reger-se-á pelo disposto no Título VII da CLT, respeitado o privilégio do FGTS à prescrição trintenária.
 * Vide Súmula 210 do STJ.
JURISPRUDÊNCIA
PRESCRIÇÃO
ENUNCIADO DO TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO - DJU DE 03/11/1980
ENUN.114 - É inaplicável na Justiça do Trabalho a prescrição intercorrente.
ENUNCIADO DO TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO - DJU DE 11/10/1982
ENUN.153 - Não se conhece de prescrição não argüida na instância ordinária (ex-prejulgado nº 27).
ENUNCIADO DO TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO - DJU DE 11/10/1982
ENUN.156 - Da extinção do último contrato é que começa a fluir o prazo prescricional do direito de ação objetivando a soma de períodos descontínuos de trabalho ( ex-prejulgado nº 31).
ENUNCIADO DO TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO - DJU DE 11/07/1985
ENUN.206 - A prescrição da pretensão relativa às parcelas remuneratórias alcança o respectivo recolhimento da contribuição para o FGTS.
ENUNCIADO DO TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO - DJU DE 01/03/1988
ENUN.268 - A demanda trabalhista, ainda que arquivada, interrompe a prescrição somente em relação aos pedidos idênticos.
ENUNCIADO DO TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO - DJU DE 01/03/1988
ENUN.274 \u2013 Na ação de equiparação salarial, a prescrição só alcança as diferenças salariais vencidas no período de 5 anos que precedeu o ajuizamento.(cancelada em 2005)
ENUNCIADO DO TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO - DJU DE 01/03/1988
ENUN.275 \u2013 Na ação que objetive corrigir desvio funcional, a prescrição só alcança as diferenças salariais vencidas no período de 5 anos que precedeu o ajuizamento.(nova redação em 2005)
ENUNCIADO DO TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO - DJU DE 15/03/1989
ENUN.294 - Tratando-se de demanda que envolva pedido de prestações sucessivas decorrente de alteração do pactuado, a prescrição é total, exceto quando o direito à parcela esteja também assegurado por preceito de lei.
ENUNCIADO DO TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO - DJU DE 05/11/1992
ENUN.308 - A norma constitucional que ampliou a prescrição da ação trabalhista para 5 (cinco) anos é de aplicação imediata, não atingindo pretensões já alcançadas pela prescrição bienal, quando da promulgação da Constituição de 1988.(alterada em 2005, ver nova redação)
ENUNCIADO DO TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO - DJU 21/12/1993
ENUN.326 - Em se tratando de pedido de complementação de aposentadoria oriunda de norma regulamentar e jamais paga ao ex-empregado, a prescrição aplicável e a total, começando a fluir o biênio a partir da aposentadoria.
ENUNCIADO DO TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO - DJU 21/12/1993
ENUN.327 - Em se tratando de pedido de diferença de complementação de aposentadoria oriunda de norma regulamentar, a prescrição aplicável é a parcial, não atingindo o direito de ação, mas, tão-somente, as parcelas anteriores ao qüinqüênio.
ENUNCIADO DO TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO - DJU 04/10/1996 REP 09/10/1996
ENUN.350 - O prazo de prescrição com relação à ação de cumprimento de decisão normativa flui apenas a partir da data de seu trânsito em julgado.
ENUNCIADO DO TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO - DJU 03/09/1999
ENUN.362 - "É trintenária a prescrição do direito de reclamar contra o não recolhimento da contribuição para o FGTS, observado o prazo de 2 anos após o término do contrato de trabalho".
DECADÊNCIA
ENUNCIADO DO TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO - DJU DE 17/05/1994
ENUN.333 - Não ensejam recursos de revista ou de embargos decisões superadas por iterativa, notória e atual jurisprudência do Tribunal Superior do Trabalho.
ENUNCIADO DO TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO - DJU DE 11/06/1980
ENUN.100
 I - O prazo de decadência, na Ação Rescisória, conta-se do dia imediatamente subseqüente ao trânsito em julgado da última decisão proferida na causa, seja de mérito ou não.
 II - Havendo recurso parcial no processo principal, o trânsito em julgado dá-se em momentos e em tribunais diferentes, contando-se o prazo decadencial para a ação rescisória do trânsito em julgado de cada decisão,