Não está dando certo? Tente algo novo!

tente-algo-novo

Nada mais frustrante do que fazer um esforço e não ver resultados Não está dando certo? Por que não repensar seu modo de produzir? Confira as nossas dicas e tente algo novo!

1) Relaxe em outro lugar!

“Não adianta nada falar para os seus músculos mentais ‘Eu vou te dar um bom descanso’, ‘Eu vou sair para uma caminhada’, ou ‘Eu vou deitar e não pensar em nada’. A mente continua ocupada da mesma maneira. Se ela estava preocupada, vai continuar preocupada.” – Winston Churchill

Durante a Segunda Guerra Mundial, Winston Churchill, como primeiro ministro do Reino Unido, foi responsável por liderar a defesa do país por longos cinco anos. Como ele não sucumbiu com um fardo tão pesado? Passando tempo pintando.
Dedicar algum [f_color color=”tomato”]tempo livre de culpa[/f_color] para alguma coisa completamente diferente pode ao mesmo tempo fazer a sua vida [f_color color=”tomato”]mais produtiva e proveitosa[/f_color].

2) Não sobrecarregue seu cérebro.
Você não é uma máquina, e quanto mais você tenta fazer sob estresse e sem descanso, menos qualidade você terá em qualquer coisa que você põe a mão. Fazer uma pausa não é um sinal de fraqueza ou de descomprometimento. Mas não se engane! Seja honesto consigo mesmo e não se dê motivos para perder o foco e não estudar. Existem muitas teorias e técnicas a respeito, uma delas é a Pomodoro, inventada por Francesco Cirillo, no final dos anos 1980. Segundo ele, a cada 25 minutos é recomendado dar uma pequena pausa do estudo e se dar uma recompensa. A medida que seu cérebro for se acostumando com os pomodoros, você pode ir aumentando o intervalo de tempo para 40 minutos, uma hora, etc. O importante é que você estabeleça uma rotina constante de estudo e identifique o que funciona para você.

3) Experimente!
Aprender os padrões do seu corpo é importante para tirar o máximo dele. Saber quais os horários sua produtividade e atenção são maiores e ficar atento a como o seu corpo reage a sua alimentação, podem ser diferenciais para atingir sua meta. Se conhecendo, você pode descobrir quando você produz melhor, o que te dá mais energias nesse processo e se planejar usando essas informações.

4) Teste constantemente para melhorar os seus hábitos.
Teste horários diferentes para começar suas atividades, locais diferentes, técnicas, luz, sons, etc. As possibilidades são inúmeras e você nunca vai saber se algo funciona bem para você, se não experimentar e comparar. Ache aspectos que te incomodam e você quer mudar em sua vida, [f_color color=”tomato”]tente algo novo[/f_color]! Se não está dando certo, [f_color color=”tomato”]não se contente[/f_color] com sua rotina atual. Assim que conseguir ver os progressos, valerá a pena.

Experimente e conte pra nós o que aconteceu! Quais mudanças foram positivas? O que você observou que estava errado em sua rotina de estudos? Trocar opiniões e informações é sempre bom no processo de autoconhecimento.

Adaptado de Startupi e IobConcursos