32
Ciência Engenharia de Materiais - Uma Introdução - 8ª Ed. 2012

Exercícios resolvidos: Ciência Engenharia de Materiais - Uma Introdução - 8ª Ed. 2012

William D Callister, David G RethwischIBSN: 9788521621249

Elaborado por professores e especialistas

ALUNOS QUE TAMBÉM VISUALIZARAM

  • +16.536

Passo 1 de 4keyboard_arrow_downkeyboard_arrow_up

Os três materiais que são usados para recipientes de bebidas são vidro, alumínio e o polímero polietileno tereftalato (PET).

Passo 2 de 4keyboard_arrow_downkeyboard_arrow_up

O recipiente de vidro são recarregáveis e recicláveis, são muito impermeáveis à passagem de gases e líquidos e são mais caros para produzir e fabricar em formatos de garrafa do que o PET. Porém, garrafas de vidros não são biodegradáveis e podem ser muito perigosas quando quebram.

As vantagens do vidro são:

1) É feito de materiais baratos e facilmente encontrados.

2) É relativamente inerte, e então não são biodegradáveis.

3) Vidro reciclado tem taxa de produção rápida e emite pouca poluição.

4) Pode resistir à altas temperaturas.

5) Tem boa aparência.

As desvantagens são:

1) Reciclados de vidro diminuíram devido ao baixo valor dos seus restos.

2) Vidros recolhidos consomem muito tempo no processo de triagem e é caro.

Passo 3 de 4keyboard_arrow_downkeyboard_arrow_up

Recipientes de alumínio não são recarregáveis e não são biodegradáveis, mas são recicláveis e leve. Também são mais caros de produzir do que o PET.

As vantagens do alumínio são:

1) É o material mais abundante, então é facilmente disponível.

2) É leve e bastante resistente à corrosão.

3) Pode suportar altas temperaturas.

Desvantagens do alumínio:

1) A reciclagem envolve muitos problemas na separação de várias ligas.

Passo 4 de 4keyboard_arrow_downkeyboard_arrow_up

Atualmente, o mais comum desses materiais é o PET. Sua claridade óptica é excelente, é significativamente mais leve que o vidro, tem alta resistência ao impacto e à ruptura e é à prova de estilhaçamento. É barato para produzir, tem alta resistência a permeação gasosa, é facilmente fabricado (por injeção à sopro) e são seguros (não é quebra como o vidro e não tem o poder cortante igual latas de alumínio).

Não há, virtualmente, nenhum problema com incineração e aterro com o PET, embora ele seja relativamente não degradável. As desvantagens são que as garrafas de PET não são recarregáveis, mas mesmo assim, eles requerem menos energia para produzir por unidade de volume preenchido do que o alumínio ou vidro. Além disso, podem ser facilmente reciclados.

Depoimentos de estudantes que já assinaram o Exercícios Resolvidos

Nathalia Nascimento fez um comentárioCEFET/RJ • Engenharia
Foi um apoio àquelas aulas que não acabam totalmente com as dúvidas ou mesmo naquele momento de aprender o conteúdo sozinha. Além disso, dispensou a necessidade de um orientador e por isso, permitiu que eu estudasse em qualquer local e hora.
Valdivam Cardozo fez um comentárioUFRB • Engenharia
Tive uma sensação maior de autonomia nos estudos, as vezes era frustante não conseguir resolver uma determinada questão e nem sempre os professores corrigem as listas que passam.