32
Ciência Engenharia de Materiais - Uma Introdução - 8ª Ed. 2012

Exercícios resolvidos: Ciência Engenharia de Materiais - Uma Introdução - 8ª Ed. 2012

William D Callister, David G RethwischIBSN: 9788521621249

Elaborado por professores e especialistas

ALUNOS QUE TAMBÉM VISUALIZARAM

  • +16.538

Passo 1 de 7keyboard_arrow_downkeyboard_arrow_up

Utiliza-se a tabela mostrada abaixo em uma planilha, de modo que as linhas comecem em 1 e as colunas comecem em A:

Força

Comprimento

Tensão de Engenharia (σ)

Deformação de Engenharia (ε)

Tensão Verdadeira (σ t )

Deformação Verdadeira (ε t )

.

.

.

É válido notar que a primeira linha dos valores numéricos da tabela (linha 2), força e deslocamento são nulos, o que produz um valor nulo também para as outras variáveis.

Passo 2 de 7keyboard_arrow_downkeyboard_arrow_up

(a)

Sabe-se que as fórmulas para descobrir a tensão e a deformação de engenharia são e , respectivamente.

Passo 3 de 7keyboard_arrow_downkeyboard_arrow_up

Com isso, para um valor de força de e uma área de seção transversal , as equações acima se tornam:

Passo 4 de 7keyboard_arrow_downkeyboard_arrow_up

Transformando as equações obtidas para a linguagem da planilha eletrônica, obtém-se:

Inseridas as fórmulas para o primeiro ponto, basta entender para o restante da tabela.

Passo 5 de 7keyboard_arrow_downkeyboard_arrow_up

(b)

Para descobrir a tensão e a deformação verdadeira, usa-se e , respectivamente.

Passo 6 de 7keyboard_arrow_downkeyboard_arrow_up

Com isso, para um valor de força de e uma área de seção transversal , as equações acima se tornam:

Passo 7 de 7keyboard_arrow_downkeyboard_arrow_up

Transformando as equações obtidas para a linguagem da planilha eletrônica, obtém-se:

Inseridas as fórmulas para o primeiro ponto, basta entender para o restante da tabela.

Depoimentos de estudantes que já assinaram o Exercícios Resolvidos

Nathalia Nascimento fez um comentárioCEFET/RJ • Engenharia
Foi um apoio àquelas aulas que não acabam totalmente com as dúvidas ou mesmo naquele momento de aprender o conteúdo sozinha. Além disso, dispensou a necessidade de um orientador e por isso, permitiu que eu estudasse em qualquer local e hora.
Valdivam Cardozo fez um comentárioUFRB • Engenharia
Tive uma sensação maior de autonomia nos estudos, as vezes era frustante não conseguir resolver uma determinada questão e nem sempre os professores corrigem as listas que passam.