23
Física para Cientistas e Engenheiros - Volume 1

Exercícios resolvidos: Física para Cientistas e Engenheiros - Volume 1

Gene Mosca, Paul Allen Tipler IBSN: 9788521617105

Elaborado por professores e especialistas

Passo 1 de 6keyboard_arrow_downkeyboard_arrow_up

Observe na figura abaixo, uma ilustração da Terra, onde se vê o continente africano e dois satélites gêmeos A e B.

Passo 2 de 6keyboard_arrow_downkeyboard_arrow_up

Imagem 1

Passo 3 de 6keyboard_arrow_downkeyboard_arrow_up

Para fazer essa ilustração, não foram consideradas as escalas geográficas.

Passo 4 de 6keyboard_arrow_downkeyboard_arrow_up

Os dois satélites (gêmeos) orbitando a Terra, sempre com a mesma distância entre si (distância entre A e B sempre igual), e na mesma altitude , com relação ao centro da Terra, estão passando pela África e indo para o leste, em direção ao Oceano Índico.

O satélite B ainda está passando por sobre o continente africano, enquanto o satélite A já visualiza o Oceano Índico abaixo de si.

Passo 5 de 6keyboard_arrow_downkeyboard_arrow_up

Considere a África com uma densidade de massa muito maior em comparação ao Oceano Índico, constituído por algumas ilhas, como as Ilhas Maldivas e água salgada, muita água!

Considerando o par de satélites, o satélite A já atravessou uma região de maior densidade de massa e B ainda está atravessando a região de maior densidade de massa – a África. O satélite B será atraído com maior intensidade no sentido e direção indicados pela seta vermelha na ilustração acima, cuja intensidade será . Sendo assim, B está acelerado em direção e sentido de encontro a A, encurtando assim a distância entre os dois satélites.

Passo 6 de 6keyboard_arrow_downkeyboard_arrow_up

Logo, a distância entre os satélites A e B será variável, sendo diminuída proporcionalmente à força gravitacional com que o satélite de trás, B, é atraído na mesma direção e sentido de seu movimento orbital ao redor da Terra.

Navegar por capítulo