50
Introdução À Análise de Circuitos

Exercícios resolvidos: Introdução À Análise de Circuitos

Robert BoylestadIBSN: 9788564574205

Elaborado por professores e especialistas

ALUNOS QUE TAMBÉM VISUALIZARAM

  • +11.429

Exercício

Usando o teorema da superposição, determine a corrente na indutância XL para os circuitos mostrados na Figura 18.105.

Figura 18.105

Passo 1 de 8keyboard_arrow_downkeyboard_arrow_up

Nesse exercício, pede-se a corrente em uma impedância indutiva, utilizando o processo de superposição. É possível utilizar essa propriedade porque os circuitos elétricos são sistemas lineares.

Passo 2 de 8keyboard_arrow_downkeyboard_arrow_up

Para usar o teorema da superposição, basta zerar um das fontes, calcular a corrente no indutor, zerar a outra fonte, calcular a nova corrente; pelo teorema da superposição, a corrente no indutor vai ser a soma das correntes com as fontes alternadamente zeradas.

Passo 3 de 8keyboard_arrow_downkeyboard_arrow_up

Assim sendo, temos, zerando a fonte 1, e tomando o nó superior central como referência (ou seja, atribuindo a ele valor ), é fácil achar as correntes pelo método nodal (vamos tomar as correntes saindo do nó como sendo positivas):

Resolvendo a equação em e substituindo :

Passo 4 de 8keyboard_arrow_downkeyboard_arrow_up

Nesse caso, temos que:

Passo 5 de 8keyboard_arrow_downkeyboard_arrow_up

Agora, fazemos o mesmo processo, porém curto-circuitando a fonte . Nesse caso, o nodal fica:

Substituindo , temos:

Passo 6 de 8keyboard_arrow_downkeyboard_arrow_up

Analogamente, temos que

Passo 7 de 8keyboard_arrow_downkeyboard_arrow_up

Pelo teorema da superposição, a corrente no indutor é a soma das correntes individuais, com as correntes alternadamente zeradas, ou seja:

Passo 8 de 8keyboard_arrow_downkeyboard_arrow_up

Ou seja, a corrente no indutor vale .

Depoimentos de estudantes que já assinaram o Exercícios Resolvidos

Nathalia Nascimento fez um comentárioCEFET/RJ • Engenharia
Foi um apoio àquelas aulas que não acabam totalmente com as dúvidas ou mesmo naquele momento de aprender o conteúdo sozinha. Além disso, dispensou a necessidade de um orientador e por isso, permitiu que eu estudasse em qualquer local e hora.
Valdivam Cardozo fez um comentárioUFRB • Engenharia
Tive uma sensação maior de autonomia nos estudos, as vezes era frustante não conseguir resolver uma determinada questão e nem sempre os professores corrigem as listas que passam.