4
Introdução À Econometria - Uma Abordagem Moderna - 4ª Ed.

Exercícios resolvidos: Introdução À Econometria - Uma Abordagem Moderna - 4ª Ed.

Jeffrey M WooldridgeIBSN: 9788522104468

Elaborado por professores e especialistas

ALUNOS QUE TAMBÉM VISUALIZARAM

  • +947

Exercício

Considere uma equação para explicar os salários dos dos diretores executivos (CEOs) em termos das vendas anuais das empresas (vendas), dos retornos sobre o patrimônio líquido (roe, em forma percentual) e do retorno sobre o capital das empresas (ros, na forma percentual):

(i) Em termos dos parâmetros do modelo, formule a hipótese nula em que, após controlar vendas e roe, ros não tem efeito sobre o salário dos CEOs. Formule a hipótese alternativa de que um melhor desempenho de mercado das ações aumenta o salário dos diretores executivos.


(ii) Usando os dados em CEOSALI.RAW, obteve-se a seguinte equação por MQO:

Se ros aumenta em 50 pontos, qual é a variação percentual prevista em salário? Na prática, raf tem um efeito grande sobre salário?


(iii) Teste a hipótese nula de que ros não tem efeito sobre salário contra a alternativa de que ros tem um efeito positivo. Faça o teste ao nível de significância de 10%.


(iv) Você incluiria ros no modelo final que explica a remuneração dos CEOs em termos do desempenho das empresas? Explique.

Passo 1 de 5keyboard_arrow_downkeyboard_arrow_up

Neste exercício, vamos (i) formular uma hipótese nula em que, controlando vendas e roe, ros não tenha efeito sobre o salário do CEO e uma hipótese alternativa em que o melhor desempenho do mercado aumenta esse salário, (ii) verificar a variação percentual prevista se ros aumentar 50 pontos, (iii) testar a hipótese nula criada em (i) e fazer um teste com 10% de nível de significância e (iv) explicar se incluiríamos ou não ros no modelo final que explica a remuneração dos CEO.

Passo 2 de 5keyboard_arrow_downkeyboard_arrow_up

(i)

H0: salário não muda

H1: Salário muda.

Passo 3 de 5keyboard_arrow_downkeyboard_arrow_up

(ii)

O efeito no salário seria de 0.00024 x 50, que é igual a 0.012. Percentualmente, podemos multiplicar por 100, o que nos daria 1.2% de variação, o que é uma variação muito pequena no salário para uma variação muito grande de ros.

Passo 4 de 5keyboard_arrow_downkeyboard_arrow_up

(iii)

Utilizando o teste t, temos que tros=0.44, o que é menos que os 1.282 do valor crítico de 10%. Ou seja, não rejeitamos a hipótese nula.

Passo 5 de 5keyboard_arrow_downkeyboard_arrow_up

(iv)

Isso irá depender em como ros está correlacionado com as outras variáveis. À primeira vista, não se faz necessária sua presença no calculo, mas dependendo de sua correlação com os demais ela terá um grande impacto.

Depoimentos de estudantes que já assinaram o Exercícios Resolvidos

Nathalia Nascimento fez um comentárioCEFET/RJ • Engenharia
Foi um apoio àquelas aulas que não acabam totalmente com as dúvidas ou mesmo naquele momento de aprender o conteúdo sozinha. Além disso, dispensou a necessidade de um orientador e por isso, permitiu que eu estudasse em qualquer local e hora.
Valdivam Cardozo fez um comentárioUFRB • Engenharia
Tive uma sensação maior de autonomia nos estudos, as vezes era frustante não conseguir resolver uma determinada questão e nem sempre os professores corrigem as listas que passam.