Contratos Bancários, 4ª edição

Contratos Bancários, 4ª edição

Paulo maximilian w. mendlowicz Schonblum

Ano: 2015 | Editora: ForenseISBN 9788530966713
  • starstar_borderstar_half
  • starstar_borderstar_half
  • starstar_borderstar_half
  • starstar_borderstar_half
  • starstar_borderstar_half
  • avaliações

Resumo

“O livro de Paulo Maximilian apresenta, de maneira didática, atualizada e abrangente, os contratos bancários mais comumente celebrados no âmbito dos mercados financeiros primários que negociam direta e livremente serviços básicos de pagamento e títulos representativos de dívida. O Brasil já progrediu muito nesse terreno. ‘Contratos Bancários’ reflete esse avanço e realça os fundamentos necessários para que o nosso futuro seja ainda melhor.” MARCOS CAVALCANTE DE OLIVEIRA (Prefácio à 4a edição) “Com uma linguagem extremamente acessível aos personagens que transitam pelo direito empresarial, Paulo Maximilian conseguiu explorar o que de mais importante há em termos de legislação e jurisprudência sobre o tema ‘Contratos Bancários’. Impressiona-me a facilidade com que lida com questões que estão ‘inchando’ o Poder Judiciário em razão das demandas que aumentam diuturnamente.” LUIZ ROBERTO AYOUB (Prefácio à 3a edição) “Em linguagem didática, transparente, disseca os diferentes contratos com acuidade jurídica e bom-senso. Esta obra é, portanto, importante contribuição para melhor entendimento dos conflitos decorrentes das atividades bancárias, em constante evolução, a fim de satisfazer às necessidades das diferentes atividades econômicas, pessoas físicas e instituições governamentais.” THEOPHILO DE AZEREDO SANTOS (Prefácio à 2a edição) “No estilo e apresentação, mas sobretudo no conteúdo de ‘Contratos Bancários’, revela-se o professor e advogado, propositadamente sem adjetivação. Mais do que qualificar, o que seria difícil sem recurso a clichês, importa registrar que o trabalho de Paulo Maximilian traduz a consciência da responsabilidade social de ambas as atividades exercidas pelo Autor, não só pela preocupação acadêmica, como também pela visão prática construída no intenso atuar contencioso.” HELOISA HELENA BARBOZA (Prefácio à 1a edição)