Gestão de Pessoas: Armadilhas da Organização do Trabalho

Lis andrea soboll, Deise luiza da silva ferraz (org.).

Ano: 2014 | Editora: AtlasISBN 9788522488629
  • starstar_borderstar_half
  • starstar_borderstar_half
  • starstar_borderstar_half
  • starstar_borderstar_half
  • starstar_borderstar_half
  • avaliações

Resumo

“As organizações são verdadeiras fábricas de armadilhas de todos os tipos e com diferentes graus de eficácia à espera dos incautos. Algumas delas estão expostas neste livro.”José Henrique de FariaApresentando uma análise crítica dos temas tradicionais e contemporâneos do trabalho em organizações, este livro contempla os fenômenos e as práticas de gestão para além da forma hegemônica que o pensamento administrativo deseja reproduzir. Organizado por Lis Andrea Soboll e Deise Ferraz, com a colaboração de 20 autores e 18 pareceristas, a obra aborda gestão de pessoas como uma armadilha que esconde os mecanismos de controle sobre o processo e a organização do trabalho. Dessa forma, objetiva proporcionar o desenvolvimento de posturas mais críticas dos estudantes, dos pesquisadores e dos profissionais frente às relações estabelecidas neste mundo de desigualdades e injustiças que tendemos a manter, muitas vezes sem mesmo ter clareza do que reproduzimos.Uma sociedade mais justa e igualitária não se constrói sem reflexões sobre o impacto que nossas ações têm no mundo. Este livro se propõe a romper com a mera reprodução do conhecimento hegemônico, evidenciando que podemos fazer algo diferente, pois é por estar assim como está que não pode assim continuar...Livro destinado a profissionais das áreas de recursos humanos e gestão de pessoas, bem como para aqueles que trabalham ou que se preparam para ingressar em organizações ou ainda pesquisálas, em todas as áreas do conhecimento, pois, ao final, todos trabalham ou trabalharão, vivem ou viverão em organizações. Os enfoques deste livro remetem a uma leitura inter e multidisciplinar porque transitam por diferentes áreas do conhecimento: administração, psicologia, sociologia, saúde, antropologia, economia, política, assistência social, educação, direito, entre outras.