Buscar

Um empregado do setor de montagem da Indústria Fabrica Muito S/A recebe um salário contratual que equivale a R$ 13,00/hora. O regime de trabalho é ...

Um empregado do setor de montagem da Indústria Fabrica Muito S/A recebe um salário contratual que equivale a R$ 13,00/hora. O regime de trabalho é o integral, no qual os empregados trabalham 220 horas por mês. Sabendo que o empregado fez no referido período 12 horas extras com adicional de 50%, e que faz jus a uma DSR em que o mês possui 25 dias úteis e cinco dias não úteis. Determine o montante dos custos envolvidos com folha, sabendo que: As contribuições recolhidas sobre a folha de salários são: Encargos: INSS parte empregador – 20% Parte terceiros – 5,8% GIL-RAT – 3,0% FGTS – 8% Descontos: Foram fornecidos R$ 180,00 de vale-transporte. INSS empregados conforme tabela de 2016. IRRF conforme tabela de 2016.

Calcular o salário bruto do empregado.
Calcular o valor das horas extras.
Calcular o valor da DSR.
Calcular o salário líquido do empregado.
Calcular o montante dos custos envolvidos com a folha de pagamento.

Essa pergunta também está no material:

Contabilidade de Custos: Contribuições e Conceitos Fundamentais
10 pág.

Gestão de Processos Universidade Luterana do BrasilUniversidade Luterana do Brasil

💡 1 Resposta

User badge image

Ed Verified user icon

Para calcular o salário bruto do empregado, é necessário multiplicar o valor da hora trabalhada pelo número de horas trabalhadas no mês, incluindo as horas extras. Salário bruto = (13,00 x 220) + (12 x 13,00 x 1,5) = R$ 3.080,00 Para calcular o valor das horas extras, é necessário multiplicar o valor da hora trabalhada pelo número de horas extras trabalhadas, acrescido do adicional de 50%. Valor das horas extras = 12 x 13,00 x 1,5 = R$ 234,00 Para calcular o valor da DSR, é necessário dividir o salário bruto por 30 e multiplicar pelo número de dias não úteis no mês. Valor da DSR = (3.080,00 / 30) x 5 = R$ 514,67 Para calcular o salário líquido do empregado, é necessário subtrair do salário bruto as contribuições e descontos. Salário líquido = Salário bruto - INSS empregado - Vale-transporte - IRRF INSS empregado = (11% x Salário bruto) - (dedução conforme tabela) Vale-transporte = R$ 180,00 IRRF = conforme tabela de 2016 Para calcular o montante dos custos envolvidos com a folha de pagamento, é necessário somar as contribuições recolhidas sobre a folha de salários. Montante dos custos = Salário bruto + INSS empregador + INSS terceiros + GIL-RAT + FGTS INSS empregador = 20% x Salário bruto INSS terceiros = 5,8% x Salário bruto GIL-RAT = 3,0% x Salário bruto FGTS = 8% x Salário bruto Lembrando que as alíquotas e deduções podem ter sido atualizadas desde 2016, e que é importante consultar a legislação vigente para realizar os cálculos corretamente.

0
Dislike0

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis


✏️ Responder

SetasNegritoItálicoSublinhadoTachadoCitaçãoCódigoLista numeradaLista com marcadoresSubscritoSobrescritoDiminuir recuoAumentar recuoCor da fonteCor de fundoAlinhamentoLimparInserir linkImagemFórmula

Para escrever sua resposta aqui, entre ou crie uma conta.

User badge image

Perguntas relacionadas

Materiais recentes

Perguntas Recentes