Buscar

JOHN TOLAND (1670-1722) – FILÓSOFO DEÍSTA John Toland foi, talvez, o primeiro deísta propriamente dito. Era admirador de Locke e considerava o famo...

JOHN TOLAND (1670-1722) – FILÓSOFO DEÍSTA

John Toland foi, talvez, o primeiro deísta propriamente dito. Era admirador de Locke e considerava o famoso filósofo inglês seu mentor. Um ano depois do lançamento de A racionalidade do cristianismo, Toland publicou seu livro controvertido Christianity not mysterious  [Cristianismo não misterioso], que sustentava que nada que fosse contrário à religião natural, puramente racional e acessível a todas as pessoas poderia ser considerado cristianismo autêntico e que nenhuma verdade real do cristianismo estava acima ou além da razão. (OLSON, 2001, p. 540).

 

Toland teceu algumas críticas aos pilares essenciais da religião crista:

I. Diferiu de Locke nos conceitos de razão e revelação.

II. Criticou os teólogos que explicavam alguns mistérios da religião cristã sem sequer compreendê-los.

III. Discordou do princípio defendido por Tertuliano (160-?), pai da igreja, “Credo Quia Absurdum” – “creio por ser absurdo”.

É correto o que se afirma em:

Alternativas:

  • a)
  • I, apenas.
  • b)
  • II, apenas.
  • c)
  • I e III, apenas.
  • d)
  • II e III, apenas.
  • e)
  • I, II e III.


Ainda não temos respostas

Você sabe responder essa pergunta?

Crie uma conta e ajude outras pessoas compartilhando seu conhecimento!


✏️ Responder

SetasNegritoItálicoSublinhadoTachadoCitaçãoCódigoLista numeradaLista com marcadoresSubscritoSobrescritoDiminuir recuoAumentar recuoCor da fonteCor de fundoAlinhamentoLimparInserir linkImagemFórmula

Para escrever sua resposta aqui, entre ou crie uma conta.

User badge image

Perguntas relacionadas

Materiais relacionados

Materiais recentes

Perguntas Recentes