Buscar

Sobre as mudanças na aptidão cardiorrespiratória durante a senescência, é correto afirmar: Na terceira idade o treinamento aeróbico não traz efeito...

Sobre as mudanças na aptidão cardiorrespiratória durante a senescência, é correto afirmar: Na terceira idade o treinamento aeróbico não traz efeitos positivos sobre a aptidão cardiorrespiratória, pois os déficits são muito significativos. O aumento da massa corporal magra no envelhecimento está associado aos déficits na aptidão cardiorrespiratória. Déficits na aptidão cardiorrespiratória na terceira idade são verificados inclusive em pessoas fisicamente ativas. O aumento do volume de ejeção e do débito cardíaco justifica os déficits na aptidão cardiorrespiratória entre idosos. Decréscimos no consumo máximo de oxigênio se iniciam a partir de 60 anos de idade.

Na terceira idade o treinamento aeróbico não traz efeitos positivos sobre a aptidão cardiorrespiratória, pois os déficits são muito significativos.
O aumento da massa corporal magra no envelhecimento está associado aos déficits na aptidão cardiorrespiratória.
Déficits na aptidão cardiorrespiratória na terceira idade são verificados inclusive em pessoas fisicamente ativas.
O aumento do volume de ejeção e do débito cardíaco justifica os déficits na aptidão cardiorrespiratória entre idosos.
Decréscimos no consumo máximo de oxigênio se iniciam a partir de 60 anos de idade.